' '

23 de agosto de 2021

O seleto clube do número 500

Tempos atrás falamos dos poucos títulos de gibis em circulação que tinham atingido (e ultrapassado) a edição número 500.

Pois reprisamos e expandimos aqui aquele artigo, devidamente atualizado com TEX COLEÇÃO, título da Bonelli Comics publicado pela Mythos que entra para o clube no mês que vem.

★ TÍTULOS EM CIRCULAÇÃO:

PATO DONALD • #500 em 7/nov/1961 (Disney • Editora Abril)
MICKEY • #500 em mai/1991 (Disney • Editora Abril)
CASCÃO • #500 em out/2001 (MSP • Globo)
CHICO BENTO
 • #500 em nov/2001 (MSP • Globo)
TIO PATINHAS • #500 em mar/2007 (Disney • Editora Abril)
MÔNICA • #500 em jun/2011 (MSP • Panini)
TEX • #500 em jun/2011 (Bonelli • Mythos)
CEBOLINHA • #500 em fev/2014 (MSP • Panini)
MAGALI • #500 em jan/2015 (MSP • Panini)
TEX COLEÇÃO • #500 em set/2021 (Bonelli • Mythos)

★ AS EDIÇÕES HISTÓRICAS E SUAS CURIOSIDADES:


Este O PATO DONALD com o número 500 na capa (Editora Abril, 6/jun/1961) pode ser considerado apenas a sua edição número 489. Isso porque, desde o 479, o gibi cedia todos seus números ímpares para ZÉ CARIOCA

Mas, a bem da verdade, naquela época, a Abril não considerava ZÉ CARIOCA um título independente. O expediente da revista do papagaio continuava a identificá-la, formalmente, como O PATO DONALD. Só em agosto de 1970 é que a editora passou a registrar os dois títulos distintamente — mas eles continuaram a dividir a numeração por muitos anos mais.


Descontadas as edições ímpares de ZÉ CARIOCA, a "verdadeira" edição 500 de O PATO DONALD é esta, com o número 522 na capa (Editora Abril, 7/nov/1961).

Em ago/2021: PATO DONALD está em sua 1.873ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Disney).




MICKEY #500 (Editora Abril, mai/1991) foi uma edição modesta, lançada em plena crise econômica do ínicio dos anos 1990. Júlio de Andrade, o editor desses quadrinhos naquele tempo, resumiu bem a situação para o Planeta Gibi"A coisa estava preta na época, pois o plano Collor tinha atingido o país um ano antes, com o confisco da poupança e todos ainda tentávamos sair da pindura geral. A situação política estava começando a piorar. Meses depois, veio a denúncia do irmão do Collor e, no ano seguinte, a renúncia. Ninguém realmente estava muito preocupado com os quadrinhos, muito menos se o MICKEY chegava a essa edição..." 

Em ago/2021: MICKEY está em sua 941ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Disney).




CASCÃO #386 (Editora Globo, out/2001): somadas as edições lançadas até aqui pela editora carioca às 114 publicadas antes pela Abril, a revista do querido personagem chegou à sua 500ª edição. 

Em ago/2021: CASCÃO está em sua 757ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Turma da Mônica).




CHICO BENTO #386 (Editora Globo, nov/2001) é um caso igual ao de CASCÃO. Essas altas numerações foram atingidas bem antes de MÔNICA porque CASCÃO e CHICO BENTO circularam quinzenalmente durante muitos anos. 

Note-se que na Globo essas numerações cheias, atingidas ao serem somadas às edições lançadas pela Abril, nunca foram comemoradas, diferentemente do tratamento recebido na Panini. Aliás, desde 2021, a Panini adota o mesmo expediente usado pela Culturama na numeração dupla dos gibis Disney (número da edição da série atual + número total de edições lançadas).

Tanto CASCÃO como CHICO BENTO chegaram à 600ª edição em jul/2008 pela Panini, quando receberam um número 19 em suas capas e nenhuma menção ao fato histórico. Em nov/2016, porém, ao atingirem o número 700, tiveram logo três versões comemorativas cada uma, incluindo uma hoje raríssima capa desenhada em estilo vintage, comercializada apenas na CCXP daquele ano (veja aqui todas elas),

Em ago/2021: CHICO BENTO está em sua 757ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Turma da Mônica).




TIO PATINHAS #500 (Editora Abril, mar/2007) retomou excepcionalmente a lombada quadrada que a editora deixara de usar há tempos para reduzir custos. Com o dobro de páginas de uma edição regular da época, o gibi veio cheio de curiosidades e com uma excelente seleção de HQs. 

E TIO PATINHAS #600? Leia aqui sobre essa e outras edições comemorativas e curiosas do gibi do velho quaquilionário.

Em ago/2021: TIO PATINHAS está em sua 667ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Disney).





As então 54 edições de MÔNICA pela Panini, somadas às 200 lançadas pela Abril e às 246 da Globo, resultaram nesse #500 (jun/2011).

O bacana é que a Panini lançou essa edição em duas versões: a regular e uma especial, com capa metalizada e miolo em couché.

Em out/2019, o gibi comemorou 600 edições lançadas, no #54 da 2ª série da Panini.

Em ago/2021: MÔNICA está em sua 622ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Turma da Mônica).




TEX #500 (Mythos, jun/2011) saiu excepcionalmente em cores, com a espetacular aventura Os Demônios da Noite, da dupla Boselli e Ticci. 

Além disso, assim como já havia feito na edição comemorativa #400, a Mythos brindou o leitor com um caderno avulso com todas as capas do gibi. 

Mais tarde, ao lançar a edição 600, a editora presenteou os colecionadores com um fac-simile de JÚNIOR #28, gibi publicado originalmente em 1951 por O Globo que marcou a estreia do ranger no Brasil (veja aqui).

Em ago/2021: TEX está em sua 622ª edição. O título, que começou pela Vecchi e passou pela RGE/Globo antes de chegar à Mythos, nunca teve sua numeração reiniciada.




As então 86 edições de CEBOLINHA pela Panini, somadas às 168 lançadas pela Abril e às 246 da Globo, resultaram nesse #500 (fev/2014), com conteúdo também alusivo à comemoração.

Assim como fez com MÔNICA #500, a Panini lançou essa edição em duas versões: a regular e uma especial, com capa metalizada e miolo em couché. Curioso foi a editora registrar na capa que se tratava de uma "edição de aniversário" (referência mantida na capa da versão luxo do gibi). De fato, a revista chegou à sua 500ª edição no momento em que completou 41 anos de lançamento. 

Em ago/2021: CEBOLINHA está em sua 590ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Turma da Mônica).




As então 97 edições de MAGALI pela Panini, somadas às 403 lançadas pela Globo, resultaram nesse #500 (jan/2015
), que também chegou ao colecionador em versões regular e especial, com capa metalizada e miolo em couché

Em ago/2021: MAGALI está em sua 579ª edição (clique aqui para ver detalhes da numeração desse título no Checklist Turma da Mônica).




TEX COLEÇÃO #500 (Mythos, set/2021): mais um título entra para o clube no mês que vem. 

A revista foi iniciada pela RGE/Globo e, ao se mudar para a Mythos em 1999, teve sua numeração mantida.

★ MENÇÃO HONROSA: ZÉ CARIOCA:


ZÉ CARIOCA #1477 (Editora Abril, 27/fev/1980): é esta a 500ª edição do gibi do papagaio, pois o primeiro número de capa desse título foi o 479 — e a partir daí e até 1985 teve sua numeração intercalada com a de O PATO DONALD

O gibi deixou de circular em jul/2018, na 1.332ª edição (número de capa: 2446), quando a Editora Abril lançou seus últimos gibis Disney. 

★ WHAT IF...?


E se a soma da quantidade de edições de diferentes séries e editoras fosse aplicada pela Marvel no Brasil? Bem, esse HOMEM-ARANHA #126 aí de cima (Panini, jun/2012), seria a 500ª edição regular do Aracnídeo. Vejamos... antes dela, houve 70 números pela Ebal, 33 pela Bloch, 49 pela RGE e 205 + 17 pela Abril.




SUPERMAN (ou SUPER-HOMEM), por sua vez, já teve sua edição #500 brasileira há muito tempo. Como a Ebal lançou 388 números da revista, coube à Abril tal honraria (que passou em brancas nuvens, no entanto, em out/1993). 

É sabido que a Ebal, porém, manteve séries paralelas da revista, como SUPERMAN EM CORES, SUPERMAN EM FORMATINHO e SUPERMAN BI. Se estas também fossem computadas, a revista do Homem de Aço já estaria hoje na casa do milhar.




Você tem esta edição de BATMAN? Saiba que ela pode ser considerada o 500º número brasileiro da revista do Homem-Morcego. De novo, aqui, cabe certa licença poética, por causa das séries paralelas da Ebal. Mas, se considerarmos apenas os títulos principais... Somando as 322 edições da Ebal com as 149 das várias séries da Abril, temos 471 edições. Logo, este #29 da Panini, lançado em abr/2005, é (digamos assim) o #500.

★ E OS TÍTULOS FORA DE CIRCULAÇÃO?

Além do já citado ZÉ CARIOCA, os seguintes títulos, hoje fora de circulação, também ultrapassaram as 500 edições, segundo o Guia dos Quadrinhos:

1- O TICO-TICO, O Malho: 2.097 números lançados (entre 1905 e 1962)
2- O GLOBO JUVENIL, O Globo/RGE: 2.095 (1937-1954)
3- GIBI, O Globo/RGE: 1.842, além de outras séries (1939-1954)
4- SUPLEMENTO JUVENIL, Grande Consórcio de Suplementos Nacionais: 1.726 (1934-1945)
5- MIRIM, Grande Consórcio de Suplementos Nacionais/A Noite: 1.239 (1937-1946?)
6- O GURI, Diário da Noite/O Cruzeiro: 670, em duas séries (1940-1962)
7- A GAZETA/A GAZETINHA, A Gazeta: 630 (1929-1940)
8- SELEÇÕES JUVENIS, La Selva: 628 (1954-1968)



★ Por Edenilson Rodrigues Lazaro e José Rivaldo Ribeiro.
★ Fonte: Acervo Planeta Gibi, Banco de Dados Planeta Gibi.
★ Reprodução de artes e fotogramas: é aqui feita apenas para fins de divulgação. Artes e personagens são de propriedade de seus criadores/licenciadores. A qualidade aqui exibida é inferior à original.
 Sinopses (aqui, em azul e itálico) e informações sobre preço de capa, estrutura do título e da edição, extensão prevista de um título ou de uma coleção: são dados divulgados pelas editoras.
★ Observações entre colchetes: são dados atribuídos pelo Planeta Gibi somente para fins de colecionismo.
★ Colaboração: o Planeta Gibi colabora com as publicações Disney da Culturama traduzindo, escrevendo artigos e prestando assessoria com base em nosso acervo e banco de dados.
★ Comercialização: o Planeta Gibi só se responsabiliza por compras efetuadas em sua loja. 
★ Assinaturas: o Planeta Gibi não comercializa nem participa de nenhum tipo de assinatura de revistas ou serviços, e desconhecemos os termos e condições estabelecidos para essas vendas. Eventuais menções a isso cumprem a simples função de informar o que, julgamos, seja do interesse de leitores e, sobretudo, de colecionadores.
★ Dúvidas e sugestões: escreva para o editor do Planeta Gibi Blog.
★ Publicado originalmente em 7/jun/2011.
★ Atualizado pela última vez em 23/ago/2021.



Um comentário:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem a opinião do Planeta Gibi.

Não são permitidos comentários que incluam:

Termos ofensivos, agressivos ou pejorativos
• Qualquer link ou e-mail
• Qualquer menção a outro estabelecimento que comercialize quadrinhos
Assunto alheio ao tema da postagem em questão