' '

1 de mar de 2017

Checklist Março 2017

Atualizações: ERZSÉBET • A COLEÇÃO DEFINITIVA HOMEM-ARANHA #1 CAÍDO ENTRE OS MORTOS • UMA VIDA CHINESA #3 O TEMPO DO DINHEIRO • STAR WARS DARTH VADER: VADER.

O checklist do Planeta Gibi é organizado por ordem alfabética de licenciadoras | editoras (de "Bonelli" a "Vertigo", por exemplo). 

Os mangás, de forma geral, são listados por ordem de editoras (JBC, L&PM, NewPOP e Panini, por exemplo). 

Vai ao ar no início do mês e recebe atualizações constantes. 



◼ MANGÁS | EDITORA

★ MANGÁS DIVERSOS | JBC

 Veja aqui este checklist detalhado.

★ MANGÁS DIVERSOS | NEWPOP

• Aguardando informações da editora.

★ MANGÁS DIVERSOS | PANINI

Veja aqui detalhes dos lançamentos março-abril.
• Veja aqui detalhes dos lançamentos fevereiro/março.

◼ LICENCIADOR | EDITORA

★ DIVERSOS | DRACO



SPACE OPERA EM QUADRINHOS
Publicação avulsa, formato 17 x 24 cm, 160+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, R$ 39,90, distribuição em livrarias.
Conquiste o espaço por extraordinárias aventuras visuais. A verdadeira jornada pelas estrelas começa no cockpit de sua nave e termina na imensidão dos setores mais longínquos. Embarque nas páginas de Space Opera em Quadrinhos e visite paisagens exóticas, planetas hostis e maravilhas intergalácticas! Após o sucesso literário da série Space Opera, a Editora Draco percorreu o hiperespaço até encontrar os quadrinistas mais destemidos da galáxia. Após sua missão, eles retornaram ao planeta Terra com oito HQs cheias de batalhas espaciais, raças alienígenas, intrigas políticas, blasters e muita ação! O almirante Raphael Fernandes recrutou para a federação Tiago P. Zanetic, Ioannis Fiore, Jun Sugiyama, Kazuo Miyahara, Larissa Palmieri, Eder Santos, Luís Carlos Sousa, Karol Rocher Knight, Rafael Levi, Braziliano, Alessio Esteves, MJ Macedo, Fernando Barone, Carlos Sekko, Angelo Dias e Giovanni Pedroni. Juntos, eles formam um time de estrelas! Prepare-se para vislumbrar narrativas trazidas dos confins do universo para os fãs de ficção científica. Embarque em sua nave, aperte os cintos e só pare de atirar quando os caças inimigos forem obliterados no vácuo. Mas cuidado, um alienígena pode ser o amigo e a nossa própria raça um perigo inimaginável do espaço sideral.
Lançamento reprogramado.

★ 2000 AD | MYTHOS



JUIZ DREDD: HEAVY METAL
Publicação avulsa, formato 18,7 x 25,9 cm, 128+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo cor, R$ 64,90, distribuição em livrarias.
Dredd como nunca visto antes numa irreverente coleção de histórias. O universo de Mega City sempre foi marcado por extremos, mas estas narrativas sanguinolentas, cheias de loucura e devassidão na megalópole futurista, vão muito além do além, repletas de sátira e os mais bizarros perps, além de beijogramas letais mutantes e macacos assassinos controlados por avós moralmente indignadas! Escrita pelos clássicos roteiristas do Juiz Dredd John Wagner e Alan Grant, e com a arte agressivamente estonteante de mestres como Simon Bisley e John Hickleston, este volume é um show capaz de nocautear o mais preparado megaleitor. Roteiro: John Wagner, Alan Grant, John Smith, Jim Alexander e David Bishop. Arte: Simon Bisley, John Hicklenton, Deam Ormston, Brendan McCarthy e Colin MacNeil


JUIZ DREDD APRESENTA: MISSIONÁRIO: LUA DE SANGUE
Publicação avulsa, formato 18,7 x 25,9 cm, 104+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo cor, R$ 59,90, distribuição em livrarias.
A Terra Maldita, um terreno devastado pela radiação, abrange a maior parte dos Estados Unidos. Só os sujeitos mais cascas-grossas sobrevivem ali. O mais durão deles, o Pastor Cain, é um juiz que sucumbiu à religião e à loucura em igual medida. Hoje ele vagueia pelos territórios sem lei como um verdadeiro anjo da morte — espalhando a palavra de Deus e punindo os ímpios. Com roteiro de Gordon Rennie e com a linda arte de Frank Quitely, Missionário: Lua de Sangue é um épico imperdível.

★ ANDRÉ TORAL | VENETA



HOLANDESES
Publicação avulsa, formato 17 x 24 cm, 96+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, R$ 59,90, distribuição em livrarias.
André Toral está de volta aos quadrinhos! Ele, que criou uma legião de fãs com seus quadrinhos na revista Animal e em álbuns como Adeus, Chamigo Brasileiro (Companhia das Letras) e Os Brasileiros (Conrad), chega agora com mais um livro tão impactante pela beleza de seu desenho, quanto importante pela sua pesquisa histórica. Holandeses conta a história de dois irmãos judeus que vêm ao Brasil na época da invasão holandesa no Brasil do século XVII. Um dos irmãos vem para enriquecer no comércio de escravos, o outro vem seduzido pelo mito de que haveria uma tribo perdida de Israel vivendo entre os índios brasileiros. Uma história dramática e surpreendente.

★ BONELLI | MYTHOS

Veja aqui este checklist detalhado.

★ BRIAN K. VAUGHAN & CLIFF CHIANG | DEVIR



PAPER GIRLS #1
Publicação eventual (2 encadernados lançados nos EUA pela Image), formato 17 x 26 cm, 144+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, miolo cor, R$ 35,00, distribuição em livrarias.
Das mãos de Brian K. Vaughan, o escritor de SAGA, a multipremiada série campeã de vendas do New York Times, e Cliff Chiang, o lendário artista da Mulher-Maravilha, chega o primeiro volume de uma nova e intrigante aventura! Na madrugada depois do Dia das Bruxas de 1988, quatro entregadoras de jornal de 12 anos descobrem o que pode ser a história mais importante de todos os tempos! Drama suburbano, ficção científica, viagem no tempo e mistérios sobrenaturais colidem nessa série sobre nostalgia, primeiros empregos e os últimos dias da infância. Para os fãs das aventuras “estilo Steven Spielberg dos anos 80” e Stranger Things, a série da Netflix. [Paper Girls 1-5.]
Lançamento reprogramado.

★ DC COMICS | EAGLEMOSS

DC COMICS COLEÇÃO DE GRAPHIC NOVELS #35
Publicação quinzenal em 60 volumes, formato 17 x 26 cm, 148+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo cor, R$ 49,99, distribuição setorizada.

DC COMICS COLEÇÃO DE GRAPHIC NOVELS #36
Publicação quinzenal em 60 volumes, formato 17 x 26 cm, 148+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo cor, R$ 49,99, distribuição setorizada.

★ DC COMICS | PANINI

• Veja aqui este checklist em detalhes.

★ DISNEY | EDITORA ABRIL

• Veja aqui este checklist em detalhes.

★ EGMONT UK | MYTHOS



MONSTRO
Publicação avulsa, formato 18,7 x 25,9 cm, 176+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo p&b, R$ 64,90, distribuição em livrarias.
Kenneth Corman, um menino de doze anos, enterrou o pai abusivo fora da velha casa decrépita da família. A coisa que o matou estava lá dentro, espreitando na escuridão do sótão trancado. Mas ele tinha de saber o que estava lá em cima, encarar os terrores atrás da porta. Reunida pela primeira vez em um só volume, a série criada por Alan Moore e John Wagner é um verdadeiro épico que você jamais vai esquecer! Roteiro: Alan Moore, John Wagner. Arte: Heinzl, Jesus Redondo.

★ FOENKINOS, CORBEYRAN & HORNE | NEMO



LENNON
Publicação avulsa, formato 17 X 24 cm, 152+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, R$ 39,80, distribuição em livrarias.
Na intimidade do edifício Dakota, John Lennon faz confidências à sua terapeuta. Da infância até a noite de sua morte, John recorda os momentos mais importantes de sua existência e nos apresenta os motivos de suas escolhas – artísticas, políticas e românticas – com a simplicidade e a honestidade que são a marca daqueles com um destino extraordinário. Nesta graphic novel baseada no romance homônimo de David Foenkinos, o ex-líder dos Beatles nos entrega as chaves de seu universo; sem falso pudor, sem tentar agradar, e, em certos momentos, com humor negro e sinceridade exemplar. Lá pelas páginas finais, John e o leitor já se tornaram amigos íntimos.

★ JOSÉ MUÑOZ & CARLOS SAMPAYO | MINO



BILLIE HOLIDAY
Publicação avulsa, formato 21 x 29,7 cm, 80+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, R$ 69,90, distribuição em livrarias.
Reedição (lançado originalmente em 1991 pela L&PM).
Cem anos depois do seu nascimento, a inigualável voz de Billie Holiday segue hipnotizando os amantes da boa música. Suas qualidades vocais, seu swing e a intensidade de suas interpretações, fruto das feridas que a vida lhe impôs desde a mais tenra infância, lhe transformaram em uma grande estrela do jazz. E apesar de sua prematura partida, sua arte permanece intacta em nossa memória.

★ KIM W. ANDERSSON | AVEC



ALENA
Publicação avulsa, formato 19 x 28 cm, 120+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, miolo couché fosco cor, R$ 59,90, distribuição em livrarias.
A vida de Alena é um inferno. Desde que começou a estudar em um colégio cheio de colegas esnobes, ela sofre bullying de Filippa e das outras meninas do time de lacrosse. Josefin, a melhor amiga de Alena, acha que já chega de aguentar todo esse abuso — seja da conselheira, do diretor, de Filippa ou de qualquer outra pessoa nessa escola repulsiva —, e promete resolver o assunto por conta própria, a menos que Alena dê o troco. Só existe um problema: Josefin está morta há um ano.

★ LUCASFILM | PANINI

STAR WARS #16
Publicação mensal, formato 17 x 26 cm, 48+4 páginas, lombada canoa, capa couché, miolo lwc cor, R$ 7,20.

STAR WARS — DARTH VADER #16
Publicação mensal, formato 17 x 26 cm, 48+4 páginas, lombada canoa, capa couché, miolo lwc cor, R$ 7,20.



STAR WARS DARTH VADER: VADER
Publicação avulsa, formato 17 x 26 cm, 152+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, miolo lwc cor, R$ 22,90.
Nota do Planeta Gibipublicado na revista mensal da Panini entre ago/2015 e abr/2016.
O sombrio Lorde dos Sith se torna o protagonista de sua própria saga! Desde a sua primeira aparição nas telas dos cinemas, Darth Vader se tornou um ícone da cultura pop com a sua imagem sendo imediatamente reconhecida por todos. Agora, como protagonista de sua própria série em quadrinhos, acompanhe Vader diretamente do fim de Uma Nova Esperança! Testemunhe a guerra contra a Aliança Rebelde pelos olhos de seu maior adversário! Enquanto Vader busca sua vingança pessoal contra os responsáveis pela destruição da Estrela da Morte, ele investiga as maquinações secretas do Imperador e retorna a Geonosis para colocar em prática um audacioso plano, contando com a ajuda da arqueóloga criminosa Aphra e seus dois droides assassinos! [Darth Vader 1-6.]

★ MARVEL | ABRIL

• Veja aqui este checklist em detalhes.




★ MARVEL | PANINI

• Veja aqui este checklist em detalhes.

★ MARVEL | SALVAT

A COLEÇÃO DEFINITIVA HOMEM-ARANHA #1 CAÍDO ENTRE OS MORTOS
Publicação quinzenal em 60 volumes, formato 17 x 26 cm, cerca de 160+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo couché cor, R$ 9,90.
Na primeira edição da coleção definitiva, a história é famosa: alguém descobriu a verdadeira identidade do Homem-Aranha e pretende usar a informação para destruir tudo o que Peter Parker mais ama. [Marvel Knights Spider-Man 1-6.]

A COLEÇÃO OFICIAL DE GRAPHIC NOVELS MARVEL [93º VOLUME] CLÁSSICOS #XXII HULK: NO CORAÇÃO DO ÁTOMO
Publicação quinzenal em 120 volumes, formato 17 x 26 cm, cerca de 200+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo couché cor, R$ 39,90, distribuição setorizada (primeiro em SP, RJ e PB).
Para uma criatura mais acostumada a ser temida e rejeitada pelas massas, o amor há muito é um conceito estranho para o Hulk. Transportado para o mundo submolecular de K’ai, ele descobre a gentil princesa com pele cor de jade Jarella, que enxerga o herói interior que se esconde sob a monstruosa carapaça. [The Incredible Hulk 140, 148, 156, 202-203, 205-207, 246-248.]

A COLEÇÃO OFICIAL DE GRAPHIC NOVELS MARVEL [94º VOLUME] #72 X-MEN: O CISMA
Publicação quinzenal em 120 volumes, formato 17 x 26 cm, cerca de 200+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo couché cor, R$ 39,90, distribuição setorizada (primeiro em SP, RJ e PB).
Nesta edição, o ódio racial contra os mutantes atinge aterrorizantes novos patamares. Com os ex-rivais Ciclope e Wolverine tendo que reunir os cacos dos X-Men, heróis se enfrentarão, amizades serão rompidas e o cenário do Universo Marvel mudará para sempre.

OS HERÓIS MAIS PODEROSOS DA MARVEL #53 CAVALEIRO NEGRO
Publicação quinzenal em 60 volumes (+ expansão a ser anunciada), formato 17 x 26 cm, cerca de 200+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo couché cor, R$ 39,90, distribuição setorizada (primeiro em SP, RJ, PI, GO e RN).
A Volta do Cavaleiro Negro. Nação Vampira. Uma lenda renascida, Dane Whitman é o Cavaleiro Negro, um exemplo reluzente do heroísmo heráldico. Brandindo o poder sem igual da Espada de Ébano, ele é um Vingador, Defensor e Herói de Aluguel! [Avengers 47-48, Captain Britain and Mi-13 10-15, Captain Britain and Mi-13 Annual 1.]

OS HERÓIS MAIS PODEROSOS DA MARVEL #54 TEMPESTADE
Publicação quinzenal em 60 volumes (+ expansão a ser anunciada), formato 17 x 26 cm, cerca de 200+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo couché cor, R$ 39,90, distribuição setorizada (primeiro em SP, RJ, PI, GO e RN).

★ MAURICIO DE SOUSA PRODUÇÕES | PANINI

• Veja aqui esse checklist em detalhes.

★ MAURICIO DE SOUSA PRODUÇÕES | SALVAT

COLEÇÃO DE MINIATURAS TURMA DA MÔNICA #23 HIRO
Publicação quinzenal em 60 edições; fascículo com HQ e curiosidades no formato 22 x 28,5 cm e 16 páginas cor; miniatura em resina com cerca de 10 cm de altura, R$ 49,90, distribuição setorizada (primeiro em SP, RJ e ES).

COLEÇÃO DE MINIATURAS TURMA DA MÔNICA #24 CEBOLINHA PRÍNCIPE
Publicação quinzenal em 60 edições; fascículo com HQ e curiosidades no formato 22 x 28,5 cm e 16 páginas cor; miniatura em resina com cerca de 10 cm de altura, R$ 49,90, distribuição setorizada (primeiro em SP, RJ e ES).

★ MIKE MIGNOLA | MYTHOS



HELLBOY NO MÉXICO
Publicação avulsa, formato 17 x 26 cm, 160+4 páginas, lombada quadrada, capa dura, miolo cor, R$ 72,90, distribuição em livrarias.
Em 1956, Hellboy foi ao México para investigar uma série de homicídios com características sobrenaturais. E passou cinco meses desaparecido. Quando ressurgiu, alegou não se recordar do que teria ocorrido nesse período, pois teria perambulado constantemente embriagado. Para a alegria dos fãs de Mike Mignola e de seu surreal personagem, os citados meses de estupor alcoólico renderam um pequeno leque de histórias ilustradas por alguns dos maiores artistas dos quadrinhos: o lendário Richard Corben (Makoma, O Vigarista, A Noiva do Demônio), Mick McMahon (Slaine, Juiz Dredd), os premiados gêmeos brasileiros Fábio Moon e Gabriel Bá (B.P.D.P. Origens: 1946-1947) e o próprio Mike Mignola! Este volume compila as aventuras Hellboy no México, A Casa dos Mortos-Vivos - publicadas no Brasil em 2012 e 2015 - e as inéditas A Múmia Asteca, O Casamento do Hellboy, O Saqueador de Cadáveres e O Saqueador de Cadáveres: A Revanche.

★ NUNSKY | ZARABATANA



ERZSÉBET
Publicação avulsa, formato 16 x 23 cm, 144+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão com orelhas, miolo offset p&b, R$ 40,00, distribuição em livrarias.
Roteiro e desenhos de Nunsky. Erzsébet Báthory, a infame condessa húngara contemporânea de Shakespeare, ao contrário deste, incarnou como poucos o lado negro e animalesco do ser humano. Atribuem a Erzsébet centenas de crimes inomináveis – e por isso ficou conhecida como Tigresa de Csejthe e Condessa Sanguinária – que a colocaram no mesmo lendário patamar de Gilles de Rais e Vlad, o Empalador. Por detrás de seu rosto pálido, de olhar impassível e melancólico, ocultava-se o próprio demônio, Ördög. Em Erzsébet, o quadrinista português Nunsky recria com maestria a vida sombria desta personagem misteriosa e assustadora. O autor: Nunsky (1972) é um autor do norte de Portugal que em 1997 participou do zine Mesinha de Cabeceira, editado pela Associação Chili Com Carne. Desenhou todo o número 13, uma edição comemorativa dos 5 anos de existência da publicação. A história em quadrinhos, intitulada 88, pode ser considerada única no panorama português da época , mas também nos dias de hoje, pela temática psycho-goth e pela qualidade gráfica que lembra Love & Rockets e os quadrinhos de Charles Burns. Desde então o autor esteve afastado das HQs, preferindo tornar-se vocalista da banda The ID’s, cujo destino é desconhecido. Nunsky foi um cometa na HQ underground portuguesa e, como sabemos, alguns cometas costumam regressar passado muito tempo... Em 2014 o autor reapareceu com a graphic novel Erzsébet, editada em Portugal pela Chili Com Carne, onde em cerca de 140 páginas registra a brutalidade de Erzsébet Báthory, a infame condessa húngara acusada de assassinar centenas de jovens na busca pela eterna juventude. O livro ganhou o prêmio de Melhor Desenho no Festival de BD de Amadora em 2015. Em 2015 Nunsky apresentou-nos Nadja - Ninfeta Virgem do Inferno, verdadeiro deboche gráfico para fãs distópicos do RanXerox e, em 2016, Espero Chegar Em Breve, baseada em um conto de Philip K. Dick.

★ OTTO H. FRANK / MIRELLA SPINELLI | NEMO


O DIÁRIO DE ANNE FRANK
Publicação avulsa, formato 17 x 24 cm, 96+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, R$ 37,90, distribuição em livrarias.
Anne Frank passou dois longos anos escondida no “Anexo Secreto” de um prédio de escritórios em Amsterdã, entre 1942 e 1944. Sua história é conhecida no mundo inteiro graças ao diário que ela escreveu para escapar do tédio do confinamento. Por meio dele, podemos acessar os sentimentos mais profundos da adolescente que, presa por tanto tempo em um pequeno cômodo com outras sete pessoas, ainda se revela uma jovem engraçada, sensível e cheia de esperança. O Diário de Anne Frank em quadrinhos é um relato doce e, ao mesmo tempo, melancólico da garota judia e sua experiência durante a Segunda Guerra.

★ P. ÔTIÉ & LI KUNWU | WMF MARTINS FONTES


UMA VIDA CHINESA #3 O TEMPO DO DINHEIRO
Publicação em 3 volumes, formato 16,6 x 23,8 cm, cerca de 272+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, R$ 49,90, distribuição em livrarias.
Relato autobiográfico, em três volumes, que retrata uma incrível jornada na história moderna, desde a criação da República Popular da China, em 1949, até os dias de hoje. Li Kunwu nasceu em 1955, em Kunming, capital de Yunnan. É um dos raros artistas chineses de sua geração a se dedicar exclusivamente aos quadrinhos e a viver deles. Em trinta anos de atividade, mais de trinta obras suas foram editadas na China, e ele foi publicado nas revistas de HQ chinesas mais emblemáticas. Começou como especialista em HQ de propaganda, passando em seguida a estudar as minorias culturais chinesas, tão abundantes em sua província, Yunnan. P. Ôtié nasceu na França em 1964. É diplomata e viveu no Extremo Oriente durante mais de dez anos. Esta é sua primeira história em quadrinhos. Atualmente mora na China.

★ RICHARD MCGUIRE | QUADRINHOS NA CIA.



AQUI
Publicação avulsa, formato 15,5 x 22,5 cm, 304+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão, R$ 59,90, distribuição em livrarias.
Aqui conta a história de um canto de uma casa, e o que aconteceu ali durante centenas de milhares de anos. Aguardada há quase três décadas, Trata-se da versão final de uma ideia que McGuire publicou numa revista independente nos anos 1980. Dramático, cômico e amplamente inovador, é o testemunho não apenas de um grande artista no auge de sua forma, mas também das possibilidades infinitas da linguagem dos quadrinhos. Ao extrapolar regras e inverter convenções, McGuire criou uma obra única, que não poderia ser contada de outra forma, um trabalho pioneiro que vai marcar para sempre o cenário das HQs.

★ VERTIGO | PANINI

• Veja aqui este checklist em detalhes.

◼ VEJA TAMBÉM:

• Veja aqui uma lista de lançamentos anunciados para os próximos meses.


► Por Edenilson Rodrigues.
► Fontes: divulgação, Acervo Planeta Gibi, Banco de Dados Planeta Gibi.
► Publicado originalmente em 1/mar/2017.
► Atualizado frequentemente.





25 comentários:

  1. Os R$ 60 do "Anos de Ouro do Mickey" foi baseado nos valores dos demais exemplares ou alguém da Abril já confirmou ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valor informado pela editora ao Planeta Gibi.

      Excluir
    2. Que pena, até tinha interesse no material, mas por esse preço e com tão poucas páginas, vai ficar difícil...

      Excluir
  2. So um aviso para quem for comprar Monstro devido ao Alan Moore, que ele escreve umas 4 paginas.

    Por outro lado o material do John Wagner vale muitissimo a pena.

    ResponderExcluir
  3. Hulk no Coração do Átomo!

    PORÉM! MEDO, mas muito MEDO de que os canalhas sabotem o material assim como fizeram com a Guerra Kree Skrull e até mesmo recentemente com a Marvel Horror.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Hulk: O Coração do Átomo" é uma das melhores, senão A MELHOR, saga do Gigante Esmeralda! Mal vejo a hora de comprar!
      E, Hulkboy, gostaria de saber qual foi o erro gritante de MARVEL TERROR? Sim, anunciam MARVEL SPOTLIGHT # 11 (se não me falha a memória), mas, no miolo, aparece Amazing Spider-Man # 101, que não consta no texto da quarta capa. Fora isso, não me lembro de nada tão terrível como aconteceu na edição VINGADORES: A GUERRA KREE-SKRULL! Aliás, achei interessante a solução da Salvat para esse caso: a edição corrigida virá junto com a edição do DEMOLIDOR:SOM E FÚRIA (do competente Mark Waid), tipo compre 1, leve 2! Sorte de quem não comprou a edição "micada"!

      Excluir
    2. Marvel Spotlight #11 não foi incluída, agora eu não sei se a versão lançada lá fora também veio assim ou só no Brasil. Mas considerando o quão essa editora é porca não estranharia nada se caminhassem além de um simples erro no qual a lista oficial aponta uma história e no fim outra foi publicada no lugar.

      A solução deles foi de má fé, não existe isso da pessoa pagar quarenta reais por um fascículo apenas pra ganhar de brinde a versão corrigida. Isso é exploração. Não há lógica alguma, a pessoa vai desembolsar uma puta grana por uma história que dependendo nem é do seu agrado apenas pra ter em mãos o fascículo corrigido?

      Enfim, e o Coração do Átomo corre o risco de passar pelo mesmo problema.

      Excluir
    3. Concordo quando você diz que as edições da Salvat (e as da Eaglemoss, também) apresentam várias falhas (na capa, no miolo e na quarta capa) em termos de revisão. Levando-se em conta o preço (R$39,90 e R$49,99), os responsáveis pela edição deveriam prestar muuuuito mais atenção.
      Quanto à solução da Salvat para a troca de VINGADORES: A GUERRA KREE-SKRULL, ainda acho bastante razoável, pois imagino que a maioria dos leitores colecione as duas séries (material mais atual e material clássico) e, mesmo que não colecione, eu não me incomodaria em comprar a edição do DEMOLIDOR, pois o roteiro é do Mark Waid e os desenhos do Paolo Rivera (se não me engano). Agora se viesse junto com algo do tipo A ESSÊNCIA DO MEDO, concordo que já não seria tão atraente... rs
      Enfim, como costumam dizer por aí, "é difícil agradar a gregos e troianos".

      Excluir
    4. O que está em questão aqui é a atitude de mal caráter deles em querer tapar o sal com a peneira com um fascículo bônus pra compensar o erro grotesco do outro.
      Mas se você acha normal a editora ter esse tipo de tratamento então não posso fazer nada.

      Quem sabe o Coração do Átomo venha todo bagunçado e posso ter a edição consertada pagando mais 40 reais por um fascículo bônus (SQN).

      Excluir
    5. Como assim uma atitude de mau-caratismo? Mau-caratismo seria a Salvat nem sequer se manifestar (algo bem improvável nos dias de hoje, dada a velocidade de informações)! Acho que você está exagerando...
      Aliás, como perguntar não ofende, qual seria a solução mais adequada para esse caso, na sua opinião?

      Excluir
    6. Mau-caratismo pelo fato deles estarem se lixando para os seus leitores/consumidores. E achei que isso estava mais do que claro considerando o tanto de pessoas que reclamam, que vão desde os assinantes até aqueles que dificilmente conseguem encontrar pelo menos um fascículo nas bancas, sendo que a distribuidora nada pode fazer já que a editora é toda bagunçada.

      Você faz uma crítica negativa ou até tenta fazer com que eles se conscientizem da cagada que estão cometendo e eles vem com justificativas para taparem o sal com a peneira, e isso quando não apelam para Ctrl + v como respostinha automática.

      Exagero ao meu ver é quem tenta justificar o injustificável, quem aceita toda e qualquer solução elaborada as pressas apenas para fazer a alegria de um colecionador, sendo que a cor do dinheiro falará mais algo do que a sensatez de reparar um erro de forma humilde sem parecer tendencioso.

      Solução seria recolher as versões defeituosas e optar apenas pela versão corrigida, já que 40 reais já foram desembolsados, simples.

      Excluir
    7. Olá, Hulkboy! Não sou assinante e costumo comprar meus exemplares nas bancas ou em livrarias (Quando quero dividir em três vezes! Sim, eu sei que é adiar o inevitável!rs), então não posso tecer comentários a respeito! Aliás, devo dizer que nunca tive dificuldades para adquirir qualquer edição, e olha que nem sempre compro na ocasião do lançamento!
      Quando à solução encontrada pela Editora, ainda acho a mais rápida e prática (ainda por cima se levarmos em conta o prejuízo que eles devem ter tido!). Quais seriam as alternativas?
      1) O consumidor enviar o seu exemplar "micado", via correio, para a Editora, que, por sua vez, enviaria a edição corrigida para o remetente, via correio? Meio demorado, né?
      2) O consumidor trocar no ponto de venda onde comprou o volume em questão? Imagine a dor de cabeça, em termos de logística e custos, para os comerciantes, não é?
      Além disso, aposto que deve ter gente que coleciona tanto o material clássico quanto o material mais atual, que não comprou a edição "micada" na época e, agora, deve estar bem contente com a solução adotada pela Editora! rs
      E, para encerrar, pode comprar tranquilo HULK: O CORAÇÃO DO ÁTOMO, pois está tudo nos trinques, EXCETO por um detalhe, que não me lembro de ter visto em edições anteriores: reduziram quatro capas (202-203 e 205-206)! Ora, se o problema é o número de páginas, que incluam alguma matéria ou algo do gênero! É meio óbvio que as capas sempre deveriam funcionar como abertura de capítulo, né? Vai entender o que se passa nas cabeças dos editores estrangeiros (sim, porque aposto que o material dessas coleções da Salvat e da Eaglemoss já vem pronto lá de fora) e, também, dos brasileiros (vide a Coleção Histórica Marvel! Ora tem capa, ora não tem!). Pelo menos, não mutilaram a capa da edição # 207 (versus os Defensores)! Ufa!

      Excluir
    8. Curioso o seu ponto de vista, quer dizer então que só pelo fato de você nunca ter tido problema com a escassez por parte dos títulos já é suficiente para concluir que, sim, as publicações chegam nas bancas sem o menor problema, e até mesmo com certa antecedência.

      Só você acha isso, já a dificuldade de tantas outras pessoas de ter essas publicações não podem ser levadas em consideração, e sim só o que você acha em particular.

      Quanto a presente solução, você simplesmente deturpou o exemplo citado por mim: nesse caso é necessário o consumidor retirar o exemplar corrigido no ponto de venda (no caso, no próprio jornaleiro), já que o mesmo já havia sido pago. É de inteira responsabilidade da própria editora providenciar isso. Mas enfim, você defende o indefensável, mas vai do seu direito de pensar assim, no seu entender o povo merece ser cada vez mais explorado ao invés de uma solução simples que impossibilitaria a pessoas a arcar cada vez mais com os custos.

      Excluir
    9. Quando impera a má vontade, fica difícil dialogar. Fica aqui uma sugestão, Hulkboy: comece a pensar menos com o fígado, e mais com o cérebro. Até porque existem problemas bem mais sérios nessa vida, rapaz! Um abraço.

      P.S. Peço desculpas pelo erro cultural, Edenilson! Só fui perceber depois... rs

      Excluir
    10. Bom, vamos ver se os moderadores permitem esse meu comentário, considerando que vários comentários meus nos quais eu mandei a real dessas pessoas sequer foram permitidos (o que se vê é uma superproteção predominante nesse Blog), nem vou pegar pesado pelo fato da vida já castigar esse sujeito, que se esconde atrás de um monitor, o famoso caso de inclusão digital, no qual a pessoa é uma coisa na Internet e pessoalmente é outra. Daí eu pergunto até mesmo aos moderadores desse Blog: SERÁ MESMO QUE O "PRECONCEITO" QUE VOCÊS NERDS SOFREM (tal vitimismo que é o que eu mais vejo por aí) POR PARTE DA SOCIEDADE COM AS PESSOAS OLHANDO PARA VOCÊS COM CERTO RECEIO É REALMENTE INJUSTO? Daria até um bom debate.

      O cidadão defende o mau caratismo (provavelmente deve ser um grande mal caráter, até porque pra se identificar tanto assim com a solução tomada pela editora só pode ser da mesma laia), se mantém em um mundo só dele, onde ele acha que, por ele não ter tido problemas tudo gira mil maravilhas.

      O cidadão desembolsar mais quarenta reais pra ele não é problema, segundo o seu raciocínio, dinheiro cai do céu.

      É isso, essa é a minha resposta pra esse sujeito, e ele está com sorte, se eu avacalhasse de vez ele já estaria escrevendo uma bíblia para se justificar.

      PS: pesquisei aqui e esse sujeito é um usuário conhecido na Internet por sua arrogância e comentários deveras tendenciosos, e ele não é novo, tem lá uma certa idade, é um senhor.

      Excluir
    11. "Nem vou pegar pesado pelo fato da vida já castigar esse sujeito, que se esconde atrás de um monitor, o famoso caso de inclusão digital, no qual a pessoa é uma coisa na Internet e pessoalmente é outra", diz o... Hulkboy! O indivíduo sequer tem a coragem de usar o próprio nome e vem com esse lero-lero... Fala sério, né? Pelo menos, a minha enfermaria não é tão grave assim, pois sou do mesmo jeito tanto no mundo virtual, quanto no real! Se isso é bom ou não, aí já são outros quinhentos!rs
      Sobre a questão da troca dos exemplares: aposto que tem muita gente que coleciona as duas séries (meu caso), então, ninguém estará desembolsando quarenta reais a mais. E, repito, sabe-se lá quantas pessoas não compraram na época, porque ficaram cientes do problema, e agora comprarão com direito a brinde (muito interessante, diga-se de passagem, pois trata-se de Mark Waid!). Os descontentes sempre podem recorrer ao Procon! Afinal, quem disse que a vida é justa, não é mesmo?
      Enfim, vou ficando por aqui. Da minha parte, dou o assunto por encerrado.

      Excluir
    12. Não adianta querer dar por encerrado um assunto se decidiu partir para o lado pessoal, sua sorte é você ter a inclusão digital e o apoio do pessoal desse Blog, mas vamos ver aqui quem é homem e quem diz ser uma coisa e na verdade é outra.

      Excluir
  4. Me adiantem se possível quais histórias serão compiladas na CH do Wolverine. Darão prioridade a participação dele nas duas edições do Hulk ou manterão a fase em Madripoor desde a edição de número 1 em diante?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se não me engano, a Panini informou que o Wolverine nas histórias do Hulk vai sair na tal edição Antologia, que vai ser algo bem encorpado, mas não sei quando sai.

      Excluir
    2. Isso eu já sabia, e está por 110 reais. O que eu quero saber é se eles terão a decência de pelo menos incluir essas duas histórias na CH.

      Excluir
  5. Oi galera, alguem sabe informar se a Mad parou no Brasil? Tá feia a coisa hein...
    Pra mim só encadernados Disney e alguns mensais Disney. Tambem na expectativa do Lucky Luke! Fora isso só comics americanos! Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  6. Hulk o coração do átomo é Boa?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É! Pode garantir sem receio, tanto é que eu iniciei minha trajetória acompanhando o Hulk nos quadrinhos por intermédio das duas últimas edições que compilam essa fase. Que aliás, as últimas histórias possuem forte apelo dramático que o seriado televiso apresentava (não é a toa que se consolidou como a melhor coisa que já fizeram com o Hulk em outras mídias).

      Mas se você quiser ver o Hulk num nível mais brutal, ou seja, mais direto e ríspido, aconselho partir para Planeta Hulk, embora que o roteirista deste se baseou em alguns elementos abordados pelo Bill Mantlo, que passou a escrever o Hulk a partir da edição 246 desse encadernado.

      E o mais importante é que pra entender a mensagem que essas histórias passam é necessário se manter dentro do contexto dessa época, o que eu acho que, na minha opinião, a nova geração de leitores não darão importância.

      Excluir
    2. Planeta Hulk não tem inspiração direta no Hulk de Mantlo. Ambos foram tirados da obra de Edgar Rice Burroughs, "A Princess of Mars". Mas é um material bacana de se ler e, para quem é fã do Gigante Esmeralda, recomendo ter ela em sua coleção.

      Excluir
    3. Cada um com a sua opinião e, é claro, sua bagagem de referências: Planeta Hulk certamente remete à saga da Encruzilhada, do Bill Mantlo, só que desta vez é o Homem de Ferro que despacha o Hulk, em vez do Dr. Estranho! E, também, ao filme Spartacus (ou série, vai do gosto do freguês): um gladiador liderando uma revolta blá-blá-blá!
      Enfim, é a velha história do "nada se cria e tudo se copia"! Ainda mais em tempos recentes...

      Excluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.