' '

10 de jun de 2016

Paul Murry compilado em DISNEY DE LUXO

Atualização: Abril confirma o lançamento (em sua página no Facebook). Veja aqui a ordem atualizada dos lançamentos de luxo Disney. 

O Planeta Gibi soube por fonte segura que a Abril decidiu surpreender os leitores Disney. 

Um volume de DISNEY DE LUXO compilando obras do Mestre Paul Murry, incluindo possivelmente algumas poucas HQs do artista ainda inéditas no Brasil, está sendo produzido para ser lançado logo depois do primeiro O PATO DONALD DE CARL BARKS

A nova ordem (até aqui) de DISNEY DE LUXO ficaria então assim:





Capa dupla histórica de MICKEY #147 (jan/1965) desenhada por Jorge Kato. Na edição anterior, o gibi havia passado de 52 para 68 páginas mensais. Aqui saiu um dos maiores clássicos de Murry, A Volta do Mancha Negra.


DISNEY DE LUXO EM 2016

#10 • 30/mar/2016
MICKEY MYSTERY: O DETETIVE DAS TREVAS [#1]
Formato 15,6 x 23 cm (medidas do miolo), 384+4 páginas cor, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo couché, R$ 59,90Distribuição na Grande São Paulo, Brasília, todas as capitais e livrarias. 

• A Editora Abril não identifica oficialmente os encadernados capa dura sob um título de coleção, tampouco os numera sequencialmente. O título e a numeração atribuídos pelo Planeta Gibi têm finalidade meramente referencial.

• Veja aqui mais detalhes dessa saga e dessa edição.

• Esta edição reproduz o conteúdo da compilação lançada pela Panini Itália no Lucca Comics & Games 2015. A editora italiana programa concluir a obra com um segundo volume, a ser lançado em outubro na nova edição do festival. A Editora Abril divulgou que, após isso, estará pronta para fazer o mesmo aqui. 

• O especial quase foi lançado em novembro passado, mas a Abril optou por UM BRASILEIRO CHAMADO ZÉ CARIOCA em seu lugar.




#11 • 2/mai/2016
INICIATIVA SUPER-HERÓIS
Formato 15,6 x 23 cm, 480+4 páginas cor, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo couché, R$ 59,90Distribuição na Grande São Paulo, Brasília, todas as capitais e livrarias

Veja aqui as prévias de todas as HQs dessa edição.

• Comemora os 30 anos do Clube dos Heróis, reunião dos heróis Disney promovida pelos Estúdios Abril. A estreia aconteceu em EDIÇÃO EXTRA #166 (fev/1986).

• O especial apresenta HQs com atuações solo de Superpateta, Superpato, Superpata, Morcego Vermelho, Morcego Verde, Vespa Vermelha e conclui com histórias do time reunido — que conta ainda com Borboleta Púrpura e Supergilberto. 

• O Cavaleiro das Dívidas, a sátira de Zé Carioca (como Morcego Verde) a um dos maiores clássicos dos quadrinhos, O Cavaleiro das Trevas, de Frank Miller, finalmente é apresentada em formato e qualidade gráfica à altura de seu status de ultracult. O roteiro é de Marcelo Cassaro e a arte, notável, de Paulo Borges. A HQ reconta a origem do personagem, lançado em 1974 por Ivan Saidenberg e Renato Canini.

• Superpateta no Mundo Subterrâneo e Os Doze Trabalhos do Morcego Vermelho também estão aqui. Ambas as sagas brasileiras figuraram entre os primeiros volumes de EDIÇÃO EXTRA nos anos 1970 — gibi que compõe o grupo dos 7 títulos clássicos Disney brasileiros, com PATO DONALDZÉ CARIOCAMICKEYTIO PATINHASALMANAQUE DISNEY e DISNEY ESPECIAL, que criaram e marcaram toda uma geração de leitores de quadrinhos por aqui, para dizer o mínimo. 

• O leitor atento pode achar que algo está errado com Os Doze Trabalhosa longa saga criada por Ivan Saidenberg e Carlos Edgard Herrero para a EDIÇÃO EXTRA homônima de ago/1976. A HQ segue a linha da mitologia de Hércules. Mas, por algum motivo não registrado oficialmente, o sexto trabalho, que trata das cavalariças do rei Áugias, não é sequer mencionado. Também curioso é que a França "corrigiu" o título da HQ quando por lá ela foi publicada.

• As HQs da Superpata nesse volume são todas inéditas no Brasil.

• A editora chegou a cogitar incluir aqui a supersaga italiana de 240 páginas Ultra-Heróis (AVENTURAS DISNEY #40-43, nov/2008-fev/2009), que, de certa forma, recuperou e atualizou a equipe. A Itália produziu algumas outras HQs, curtas, com a equipe, totalizando mais de 120 páginas, que permanecem inéditas no Brasil. 


#12 • 27/mai/2016
ESCOTEIROS MIRINS
Formato 15,6 x 23 cm, 384+4 páginas cor, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo couché, R$ 59,90.

• A ilustração de capa, do alemão Ulrich Schröder, estampou antes LES PLUS BELLES HISTORIES DES CASTOR JUNIORS, um especial capa dura com HQs de Carl Barks lançado na França em 2011. 

• O volume compila HQs dos Escoteiros Mirins de Carl Barks, inclusive aquelas desenhadas por Dan Jippes, atualmente seu maior seguidor. 

• Além das HQs de Barks, haverá uma única HQ não-Barks, fechando a edição: Q.U.A.N.T.A.S.I.G.L.A., de Don Rosa. Nela, Donald lembra como seus sobrinhos se tornaram escoteiros. 

• No mesmo dia, a Abril relança uma cópia fiel da primeiríssima edição do Manual do Escoteiro Mirim (veja mais aqui). 



#13 • jun/2016 (data a confirmar)
DUCKTALES, OS CAÇADORES DE AVENTURAS
Formato 15,6 x 23 cm, 464+4 páginas cor, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo couché

• A partir daqui, preços a divulgar.

• Um dos maiores sucessos da Disney repete tal performance nos quadrinhos. Seja em especiais (cujo sucesso, em 2009, abriu caminho para os mais de 50 volumes da coleção DISNEY TEMÁTICO), seja nas aparições esporádicas no ALMANAQUE DO TIO PATINHAS, HQs dos DuckTales são sempre solicitadas e apreciadas pelos leitores.

• Não por acaso, em 2017, quando completará 30 anos, a série animada ganhará nova leva de episódios (leia mais aqui).

• Três longas sagas americanas ocupam o volume: 

Em Busca da Nº. 1 (184 páginas, roteiro de Marv Wolfman, desenhos de Cosme Quartieri & Robert Bat, publicada antes somente em DUCKTALES OS CAÇADORES DE AVENTURAS #22-25, 1991).

A Odisseia do Ouro (182 páginas, roteiro de Bob Langhans, desenhos de Cosme Quartieri & Robert Bat, arte-final de Carlos Valenti, publicada pela última vez em DISNEY TEMÁTICO #1, 2009).

Legítimos Donos (88 páginas, roteiro de Warren Spector, desenhos de José Massaroli, Leonel Castellani & Magic Eye Studio, publicada antes em TIO PATINHAS #561-562, 2012).



#14 
O PATO DONALD DE CARL BARKS VOLUME 1
Cerca de 240 páginas, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo off white

• A partir daqui, datas de lançamento e formatos a divulgar. Mas a editora garante que sairão todos em 2016. 

• Há mais de um ano, o Planeta Gibi sugeriu à Abril que reproduzisse aqui o material que vem sendo lançado pela Fantagraphics nos Estados Unidos (e que já ganhou réplica, por exemplo, na Itália). A ideia ganhou força após o Diretor de Redação Sergio Figueiredo por as mãos em alguns exemplares emprestados pelo Planeta Gibi e se encantar com sua qualidade. A Editora Abril decidiu, então, que não relançaria a obra de Carl Barks em capa dura simplesmente encadernando as edições já publicadas por ela em capa cartão entre 2004 e 2008 (O MELHOR DA DISNEY — AS OBRAS COMPLETAS DE CARL BARKS, 41 volumes, HQs repintadas), considerando mais atraente e valioso oferecer aos leitores e colecionadores algo diferente. 

• Começa aqui a reedição da obra completa de Barks da forma como está sendo feita desde 2013 nos EUA: pela primeira vez um Carl Barks Library está sendo lançado respeitando-se os traços e cores originais. Tudo restaurado. 

• Assim como as edições da Fantagraphics, a nova coleção de Carl Barks no Brasil terá papel branco, poroso, melhor apropriado para a apreciação dessas HQs. 


#15
PAUL MURRY

• Nenhuma informação sobre esse volume foi ainda divulgada. Mas o Planeta Gibi apurou que ele está sendo produzido para ser lançado logo depois do primeiro CARL BARKS LIBRARY e que a editora busca HQs inéditas no Brasil para nele incluir.

• Uma compilação de Murry (1911-1989) é um velho desejo dos leitores e colecionadores Disney. A possibilidade de produzi-la foi aventada pelo editor Paulo Maffia na palestra do mês passado no Festival Guia dos Quadrinhos (veja no final deste artigo outras ideias da editora para dar continuidade a essa série de livros de luxo).

• O Inducks lista 36 HQs do artista que permanecem inéditas no Brasil. Menos de uma dúzia delas, porém, estariam disponíveis para publicação neste momento.

#16
O PATO DONALD DE CARL BARKS VOLUME 2
Cerca de 240 páginas, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo off white


#17
TODOS OS MILHÕES DO TIO PATINHAS
Mais de 400 páginas, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo couché

• A série criada por Fausto Vitaliano conta com desenhistas diferentes a cada episódio. Entre eles, Andrea Freccero (que assina atualmente 9 em 10 capas Disney), Paolo Mottura (Moby Dick) e Lorenzo Pastrovicchio (Mancha das Trevas).

• Na Itália, vem sendo compilada na coleção DEFINITIVE COLLECTION (veja mais aqui).



#18
PATETA REPÓRTER
480+4 páginas, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo couché

• A série criada pelos italianos Stefano Turconi e Teresa Radice faz uma viagem ao jornalismo dos anos 1920 e 1930.

• Concluída, possui 15 episódios. Estreou no Brasil num volume de DISNEY TEMÁTICO e continuou em edições da revista mensal do PATETA

• Incluirá, pelo menos, uma versão extended play da entrevista de Marcelo Alencar com os criadores da série

• Seguramente é uma das melhores produções Disney dos últimos anos. Inventiva, divertida, cheia de referências. Um luxo, enfim. Na Itália, também vem sendo compilada em volumes da DEFINITIVE COLLECTION (veja mais aquiveja aqui a lista de todos os episódios).



  

#19
O PATO DONALD DE CARL BARKS VOLUME 3
Cerca de 240 páginas, lombada quadrada, capa dura com reserva de verniz e hot stamping, miolo off white


DISNEY DE LUXO EM 2017 E ALÉM

O editor Paulo Maffia apresentou à plateia do Festival Guia dos Quadrinhos em 9/abr/2016 os planos da Abril para este ano e antecipou ideias para os DISNEY DE LUXO para 2017 e além, destacando a parceria da Abril com a Fantagraphics para possível lançamento no Brasil, nos moldes usados no mercado americano, de:

• todos os demais volumes de CARL BARKS LIBRARY

• MICKEY MOUSE: FLOYD GOTTFREDSON

• DON ROSA LIBRARY

• TIRAS DIÁRIAS e PÁGINAS DOMINICAIS DO PATO DONALD (publicadas pela IDW, mas produzidas pela mesma equipe da Fantagraphics)

Maffia também prometeu:

• MICKEY MYSTERY #2 (reproduzindo o volume que a Panini Itália deve lançar na Lucca Comics em outubro, que conclui a saga)

• tantos volumes de UM BRASILEIRO CHAMADO ZÉ CARIOCA quanto necessários para compilar a produção de destaque com o personagem, não só da parceria Renato Canini & Ivan Saidenberg, mas também de outros artistas, como Herrero.

Além de ventilar a possibilidade de obras compilando Paul Murry, as HQs de A Patada e outras.

Por fim, solicitou que os leitores continuem a prestigiar os títulos mensais, que trazem a produção Disney inédita e são a porta de entrada de leitores e indicam tendências. 

Aproveitou para anunciar a paródia de Mickey a Asterix, traduzida por Marcelo Alencar, que estará no gibi de junho do camundongo.




 

 





Por Edenilson Rodrigues & Rivaldo Ribeiro.
Fontes: Acervo Planeta Gibi, Banco de Dados Planeta Gibi, divulgação Editora Abril.
Publicado originalmente em 6/mai/2016. Atualizado em 10/jun/2016.





106 comentários:

  1. Não vai ter mais o capa dura das Olimpíadas?

    ResponderExcluir
  2. ei... e o capa dura das olimpíadas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabemos apenas que a editora trabalha com os títulos acima (e "somente" eles) para este ano.

      Abs.

      Edenilson

      Excluir
    2. Bom... se não tivermos este ano um especial das olimpíadas, acho difícil ter uma edição assim nos próximos 3 anos... lamentável!!!

      Excluir
    3. Humm... do jeito que essas olimpíadas estão fadadas a serem um fiasco, acho desnecessário alguma edição alusiva a elas também. Basta ver que falta menos de 2 meses para começar e praticamente nem se fala em olimpíadas no Brasil, a empolgação tem sido mínima...

      Excluir
  3. Preciso de uma ajuda: A Abril vai republicar as Obras Completas de Carl Barks na íntegra ou apenas esse Pato Donald de Carl Barks mais as histórias desse autor em Escolteiros Mirins?

    SE republicar as Obras Completas de Carl Barks, não vai ficar em duplicidade com esses especiais?

    Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alê, Escoteiros Mirins, assim como Natal (lançado no ano passado) são compilações temáticas da obra de Barks.

      O que a Abril fará, a partir de O PATO DONALD DE CARL BARKS, será reeditar as obras completas de Barks, mas não aquela coleção que já saiu aqui entre 2004 e 2008, e sim a versão atualmente publicada pela Fantagraphics.

      Abs.

      Edenilson

      Excluir
    2. Salve.

      Essa edição publicada pela Fantagraphics, que será publicada no Brasil, contém todas as histórias publicadas na coleção de 2004 a 2008 ou diferem em algo?

      Excluir
    3. As HQs de OMD são repintadas num estilo mais contemporâneo; as de DDLCB buscam reproduzir as cores originais.

      OMD apresentou basicamente tudo o que Barks fez, de roteiros/desenhos a apenas roteiros. Pouca coisa ficou de fora, como as tiras de jornais com trama dele e alguns remakes. Em outros casos, a Abril optou por publicar o remake no lugar na primeira versão. Exemplo: Escoteiros Mirins dos anos 1970: Barks só escreveu os roteiros; outros artistas os desenharam; Daan Jippes refez essas HQs conferindo-lhes um ar barksiano, já que é um dos mais notáveis seguidores de Barks.

      Já a coleção da Fantagraphics, até onde sei, terá (ou "teria", porque obviamente mudanças de planos podem ocorrer) somente as HQs que Barks escreveu E desenhou. As HQs que têm apenas roteiro dele não estariam contempladas. Nada que a Abril não possa resolver sozinha, diga-se...

      Abs.

      Edenilson

      Excluir
  4. Murry e suas ótimas hqs com o Mickey detetive! Aí sim! =D

    ResponderExcluir
  5. Planeta , quantas histórias Murry escreveu para a Disney ?

    ResponderExcluir
  6. Legal... Ainda aguardando Don Rosa.

    ResponderExcluir
  7. Um volume compilando todas as histórias que ele fez do Mancha ("Mickey vs Mancha Negra por Paul Murry" seria um título legal) seria vitória absoluta. Pelas minhas contas, daria um volume de mais ou menos 480 páginas.

    ResponderExcluir
  8. Finalmente, a Abril resolveu atender aos fãs. Também achei lamentável a falta de um capa dura englobando varias olimpíadas. Tem história que foram publicado apenas uma vez no Brasil. Uma pena!

    ResponderExcluir
  9. Bom demais ! Pedimos, pedimos e aí está. Tomara que as cores fiquem próximas das originais e que este seja o primeiro de muitos do Murry. Abraços !

    ResponderExcluir
  10. Parabéns a Abril!!!
    Espero que Mickey X Mancha Negra e o Super Pateta de Murry estejam contemplados nesta edição. No aguardo, com muita ansiedade. Tadeu Olivetti

    ResponderExcluir
  11. E, por favor, caprichem na capa.
    Que ela seja autoral!!!

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito do anúncio, provavelmente levarei.

    Mas, o que mais me chamou atenção aqui foi que o capa dura das Olimpíadas foi retirado da previsão. Sério que a Abril vai perder a chance de lançar um especial de Olimpíadas esse ano? Se não sair agora, vão perder uma grande chance de vender mais por causa da empolgação dos jogos no Brasil.

    ResponderExcluir
  13. Tô vendo um monte de encadernado encalhar porque no lugar de lançar material realmente especial, a editora fica ouvindo leitores com sugestões pessimas de HQs mal feitas e ingênuas que nem alcançam público hoje. Vão comprar uma meia duzia de velhotes e depois não vai vender mais. Mas, enfim, eu não sei de bada, sou um reles leitor mesmo.... Paul Murry tem HQs imbecis que doem na ingenuidade para os jovens de hoje em dia. A Abril ta fazendo encadernado pra velha guarda ou para que o publico novo conheça o melhor da Disney? Sei não...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. A Abril tem que fazer quadrinhos para todos os públicos, meu caro, seja para crianças, seja para s veteranos.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Para todos os públicos sim. Mas isso não é pegar um material bolorento que não interessa a ninguém atualmente e fazer um capa dura dele. Tem uma diferença enorme ae...

      Excluir
  14. Acho que pela minha idade, eu seria considerado público da "nova guarda" e mesmo assim as histórias do Paul Murry me agradam muitíssimo. Idem as do Carl Barks, Don Rosa, Ivan Saindberg, Renato Canini e outros tantos da 'velha guarda'. As aventuras do Mickey do Murry são histórias bem divertidas. Não importa a época que elas tenham sido feitas, mas sim a qualidade (é isso elas tem de sobra). Claro, os roteiros de Casty atuais, por exemplo, são melhores do que os de Murry, mas isso não tira o fato de que ele fez ótimas HQs e que tem uma grande base de fãs que pedem por esse encadernado (e os novos leitores tbm -eu, por exemplo comecei a ler Disney em 2012 apenas, por causa do Mega Disney 1). A Abril provavelmente está mais preocupada com Pateta Repórter encalhar do que com Paul Murry.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto de Paul Murry, Tony Strobl, Carl Fallberg, mas como hs em gibi normal, feitas pra isso, pois a intenção é ser miolo, enchimento de edição. Daí a fazer um especial de capa dura ha uma diferença enorme. Por que eles não soltsm logo o material de Carl Barks e do Gottfredsom em vez de ficar querendo convencer pessoas que Paul Murry é especial?? Por que eles não fizeram um capa dura do Peninha 50 anos, do Urtigão 50 anos, que mereciam ser especiais e tem HQs de vários autores lá, inclusive esses que só srvemnpr miolo?? Só parar e pensar. Quem se interessa em comprar Paul Murru? A velha guarda que já tem suas HQs BA coleção. Qualquer um com menos de trinta anos vai folhear deixar onde está. Daqui a pouco a Abril vai lançar um capa dura do Jorge Kato também. To só observando.kkkk

      Excluir
    2. Estratégia de mercado... colocar autores menos populares entre lançamentos com os mais badalados, para que os completistas adquiram tudo, gerando lucro.

      O"

      Excluir
  15. A MSP colocou mais páginas em Cebolinha neste mês e já de cara ele ganhou lombada quadrada. Tio Patinhas tem as mesmas 84 páginas todo santo mês e é grampo. Pega uma revista da turma da Mônica, o mesmo papel jornal só que mais claro, desenhos nítidos e coloridos... pega uma mensal da Disney, papel jornal escuro, sempre tem alguma página com desenhos não tão nítidos e as vezes parece que só tem cores de azul, amarelo e verde... afff.... Que bosta! Aí a gente vê tanta HQ com efeitos de cores sendo desperdiçadas em Bigs, Jumbos e Megas quando elas dariam ótimos especiais em papel melhor para maior realce da arte, especialmente dos efeitos de cores. Mas a editora liga pra isso? Que nada! EStá bom assim, não é? Então tá certo!

    Aí vem os encadernados e em vez de lutar contra a crise oferecendo material de primeira, como Barks, Rosa e outras coisas especiais realmente icônicas, ficam colocando histórias re-re-republicadas usando como pano de fundo as desculpas sempre a homenagem a este ou aquele artista, mas na verdade é mais cômodo pegar essas histórias mofadas e bolorentas e só jogar em folhas maiores e com fino acabamento. Pra quê ter trabalho de garimpar coisas realmente especiais para edições realmente especiais, não é mesmo? Afinal, todos temos dinheiro para jogar fora, a crise não passa de marketing. Vamos deixar Carl Barks e outras coisas realmente interessantes pra lá, quando o povo talvez não tiver mais como pagar suas contas mais básicas e ter que esforçar pra comprar um saco de arroz, aí eles vão lançar o que realmente interessam e depois ficar dizendo que não vende, que o público não é fiel, que não tem saída. Vão jogar toda a culpa da incompetência deles em cima dos leitores, como sempre fizeram

    É ruim vir aqui e dizer isto, uma vez que vejo quanto são bons alguns profissionais que estão lá, dando o melhor deles, sempre. Mas parece que a editora gosta que a gente venha dar uns chacoalhões nela. Até quando vamos ficar com essa impressão gráfica péssima nas mensais? Até quando vamos engolir revistas em grampo em Tio Patinas? Até quando vocês vão fazer nas coxas revistas que celebram algo especial de determninado personagem como foi com Peninha, Urtigão e agora com MacMôney? Até quando vamos ficar apenas com Carlos Herrero e o Fernando Ventura produzindo UMA HQ inédita por edição em Zé Carioca???

    Putz! É o fim....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sensacional comentário, essa é a triste realidade.

      Excluir
    2. Bom, eu não quero tanto Barks e Don Rosa assim, pra mim os capa dura prometidos com as cores originais já estão de bom tamanho e já teve Barks recentemente no especial de Natal e Don Rosa no Saga do TP.
      Podendo escolher eu até optaria, em lugar de Barks e Rosa, por um especial com o Cavazzano só com HQs longas dos anos 80/90, quando considero o auge dos desenhos dele...
      Mas sobre o Tio Patinhas concordo em gênero, número e grau! Ô tristeza comprar a revista com lombada grampeada e papel ruim. E depois colocar na estante, ficar caindo e não poder saber nem qual o número da edição sem ter que retirar a revista... =(

      Excluir
    3. A lombada atual do Tio Patinhas é conhecida como "canoa".

      O"

      Excluir
  16. Fabiano, sei q vc não se interessou pelo capa dura do Murry, mas enfim, já vi muuuita gente pedindo um capa dura do Murry. Muuita gente gosta das HQs do cara, então acho válido um capa dura dele para alegria dos fãs. Quanto a lombada quadrada em Tio Patinhas, melhor continuar com grampo. Vc sabe q as lombadas quadradas da Abril são uma droga, q vc mal consegue abrir os gibis e q ao tentar abrir, ficam fazendo "clac-clac". Uma porcaria q com o tempo, por ser um gibi infantil lido por criancas, em q crianças ficando sempre manipulando, se desfaz todo (por isso só tenho uma HQ Disney de lombada quadrada de quando eu era criança, só restou um e com as folhas todas soltas. Os de grampo estão inteiros)!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade! Falou tudo agora... já é uma merda o papel, a nitidez de alguma página, imagine a lombada......

      Excluir
  17. Se a Abril já cobra absurdos R$6,50 por Tio Patinhas, eu me pergunto: com lombada quadrada e papel mais branco (que nem Mônica e Cebolinha), quanto custaria? R$7,50? Os preços dos gibis Disney de banca são um dos grandes empecilhos de porque as crianças lêem BEM mais Turma da Mônica que Disney.
    E outra coisa: penso eu que publicar autores clássicos, como Murry, Barks, Rosa, Canini, etc... é bem mais seguro pra Abril nesses Capas Dura do que lançar uma bomba como Todos Os Milhões do Tio Patinhas (que é recente e de qualidade mediana). Idem o especial das Olimpíadas que soaria mais como um Disney Temático do que como um especial que realmente vale a pena pagar 60 reais para ler. Eu normalmente não comento sobre isso, mas fico muito curioso em saber como seria Disney publicada pela Panini no Brasil. Dá pra perceber que a Panini tem bem mais cuidado e atenção na públicação de suas linhas (seja Marvel, DC, Turma da Mônica, Vertigo, quadrinhos autorais) do que a Abril.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruno, turma da Mônica detém quase 80% das vendas no mercado de gibis no Brasil. Os outros 20% e poucos ficam para os super-herois, mangás, Disney, Bonelli, europeus, nacionais, graphic novels, etc e etc. Então não seria nem justo comparar as vendas de Disney com a t. da Mônica. Aliás, turma da Monica tem preço menor justamente por vender mais, por ter uma tiragem maior... Não dá pra competir!

      Excluir
  18. Gosto é gosto. Aqui há de tudo, até detratores de Strobl e Don Rosa. Pra mim, Murry é clássico e altamente merecedor de um formato de luxo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, enquanto alguns criticam Murry, já vi tantos outros pedindo um capa dura com o mesmo, em contra-partida, já vi outros dizendo q Mickey Mystery não merecia um capa dura, q é lixo italiano, enquanto outros pediam essa publicação há anos. No meu caso, eu comprei e gostei. E outro q espero há muito tempo, são os especiais de luxo do Gottfreson, q outros já disseram não ter interesse.

      Excluir
  19. Abril faça um favor para nós, esta faltando uma hq Disney intermediária nas bancas que não tenha papel jornal.

    ResponderExcluir
  20. É, já vi que nós, velhinhos na casa dos 40 anos, só servimos pra fazer sabão mesmo, rsss. Como disse uma vez Homer Simpson: "As pessoas mais velhas não precisam de companhia. Eles precisam ser isoladas e estudadas para que possamos determinar quais nutrientes elas têm que podem ser extraídos para nosso uso pessoal!", eheheh. Abraços e que venham mais Murry/Falberg.

    ResponderExcluir
  21. Existe um ditado que diz: O que seria do verde se todos gostassem do amarelo?
    Aprendi a ler, nos anos 60, com as histórias do "detetive" Mickey enfrentando Mancha Negra, João Bafodeonça, e outros; todas com ilustrações do ótimo Paul Murry. Aguardávamos com ansiedade, o início do mês, à espera de uma nova "Revista Mickey". Mickey de Murry, para mim, é um super clássico, assim como Gottfredson, Barks e Taliaferro. Que venham todos eles, e os novos italianos para agradar os "troianos". Este velhinho de 57 anos agradece. Tadeu Olivetti.

    ResponderExcluir
  22. Ueh, tenho 40 anos e gosto tanto dos clássicos como Gottfreson, quanto de Paul Murry, quanto de Casty e de Mickey Mystery. Gosto por quadrinhos não tem a ver com a nossa idade e nem com a idade da obra produzida. Fosse assim, todos nós aqui, deveríamos dar crédito àqueles q dizem q gibis é coisa de criança e deixar o PG para as crianças, hehe.

    ResponderExcluir
  23. Taí um capa dura que eu devo comprar, até então estava difícil...

    Claro que ainda estou com cautela, vamos ver que seleção de histórias vem...

    Que Nossa Senhora do Arquivo Digital nos proteja!

    ResponderExcluir
  24. Uma coisa é gostar. Eu gosto dos quadrinhos Disney. Outra coisa é pegar 60 contos no trabalho xexelento do Paul Murry porque tem capa dura. Muitas delas já foram publicadas bastante. Entao eles pegam uma e outra rara e colocam, tudo pra convencimento.... nada impede que hqs de Paul Murry e outros fossem pra um capa dura, desde que fosse um motivo realmente especial, como seria o das Olimpiadas e, pelo jeito, parece que a editora pode ter dado pra trás. Não é porque o quadrinho funciona num formato, que ele funcionar no outro. Um grande exemplo são as historias da Tina, na MSP, que tinha um publico enorme. Fizeram a revista, encalhou sem parar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Engraçado que todos vem aqui e dizem que vao comprar. Até hoje vejo o do Canini e Era uma Vez na América nas bancas daqui... já o Donald 80 anos e da Saga do Tio Patinhas simplesmente sumiram. Mas os demais, sempre dão as caras por aqui. Isso porque todo mundo compra... deve ser um efeito de multiplicação mágico.

      Excluir
    2. Isso é relativo..Na minha cidade, Ribeirão Preto, há meses estava tentando comprar Era uma vez na América e não encontrei, acabei comprando na livraria cultura pela internet, único lugar na internet q tinha por sinal. Já o Pato Donald 80 anos tem em todo lugar aqui ate hoje.
      A distribuição da Ed. Abril é terrivel.

      Excluir
    3. Concordo que a distribuição da Abril poderia se melhor, embora eu não tenho do que me queixar. Não mesmo. Aqui chega de tudo. Quando vai embora, volta meses depois ainda mais barato. Nesse ponto, tiro o meu chapéu pra ela. A omenos aqui, em Ribeirão Preto, a distribuição está ótima. No centro tem um mundo de bancas e todas elas estao abarrotadas de Disney.

      Excluir
  25. Fabiano, tudo o que vc não gosta, é uma porcaria e vc odeia? Tá parecendo até o povo de um partido que tá dando tchau!
    Faça um favor: Nao compre o Murry, fique aí nesse seu resmungo solitário, depois sinta os numeros de vendas sambando na sua cara.

    ResponderExcluir
  26. Mais: Pare de poluir os comentários de cada post, uma coisa é dar opinião, outra é fazer flood, que é o que vc está fazendo.
    Não sei se percebeu, mas está sozinho nessa, recolha-se a sua insignificancia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "recolha-se a sua insignificancia", que bonitinho!!!! As pessoas que não tem argumentos são mesmo bem espontâneas. Eu escrevo o que eu quiser, quando eu falo eu falo bem, o que acontece em 90% das vezes que eu venho aqui, as pessoas gostam, então tem que gostar também quando tenho motivos para criticar. Agora, se você prefere pagar 60 reais em um material que não está à altura, o problema é teu. Cada um faz o que quiser com o seu dinheiro suado. E se você se doeu porque chamei a atenção da editora e estou aqui expressando pra ela que não sou bobo de aceitar tudo o que ela faz, o problema também é teu. Fique aí, com raivinha de mim, enquanto eu tenho coisa melhor pra fazer, pois eu não guardo raiva de ninguém, muito menos por causa dessas bobagens de mercado de HQs onde o único explorado é sempre o leitor (e pior, o leitor que não percebe e se contenta com pouco).

      Eu vou ficar aqui, assistindo de camarote as reclamaçoes surgirem depois, porque sempre há reclamações. Até mesmo em bom encadernados houveram reclamações, imagine nessas historinhas xexelentas do Paul Murry então. Enquanto vocês se contentam com "isso", os disneyanos de outros países estão anoz-luz à frente de vocês, com especiais de verdade, onde vem brindes, caixa para guardar as edições, enfim... é realmente cansativo tentar mostrar para os leitores disney daqui o quanto a editora se acomoda e poderia fazer ainda melhor do que faz hoje.

      Morri. rsrs....

      Excluir
    2. Eu discordei do Fabiano Caldeira aqui, mas ditadura nunca mais!
      É o fim da picada os caras virem querendo calar alguém.
      Fabiano siga comentando e quem não gostar que deite da BR.

      Excluir
    3. Obrigado. Pessoas sensatas fazem a diferença. Fico feliz que tu estejas entre elas. Um abraço querido pra você.

      Excluir
    4. Esqueço quando tô com dispositivo móvel do meu parceiro.
      Sou o Fabiano. Um abraço e obrigado mais uma vez.

      Excluir
    5. Fabiano Caldeira, concordo com você quanto à necessidade de melhora do material em que são publicados os quadrinhos da Abril. Quando isso acontece, como no caso das capas duras, eu compro com o maior prazer, porque sei que ali existe uma obra artística de qualidade num material gráfico de qualidade. Agora, chamar o trabalho de Paul Murry de "xexelento" revela o quanto é limitado e pobre o seu conhecimento a respeito dos quadrinhos Disney. Para quem entende um pouco de quadrinhos, sua opinião, nesse ponto, tem o mesmo valor dos latidos dos cães naquele ditado "enquanto os cães ladram, a caravana passa".

      Excluir
  27. Eu tb não sou um grande fã do Murry, gosto mas não sei se ao ponto de comprar um capa dura com seus trabalhos. Mas nem por isso eu vou torcer contra a sua publicação pois sei que muita gente gosta e cresceu lendo suas histórias. Eu sou relativamente novo (tenho 34 anos) e não cresci lendo as histórias dele, li quando republicadas em almanaques, mas muito pouca coisa. Acho que ele deve ter sua importância senão a editora não viabilizaria a publicação, se vai ser sucesso aí já não sei. Talvez ele não tenha uma dimensão de popularidade quanto o Barks, por ex, mas deve ter seu público e devemos respeita-lo, independente de gosto pessoal. E quem sabe com esse material criar novos leitores do Murry, quem sabe?

    ResponderExcluir
  28. Vocês só sabem reclamar. Nada está bom para vocês. Às vezes tenho dúvidas se são fãs da Disney mesmo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fato. Não gosta, não compra, ué, ninguém tá te botando uma arma na cabeça. Quem gosta é que vai atrás.

      Excluir
  29. Sabe o q notei? Q todo mundo está falando sobre o Mickey do Murry, e se esquecendo q ele desenhou muitos outros personagens, inclusive o Zé Carioca. Espero q a Abril também não se esqueça q Murry não é só Mickey e de uma variada. ;)

    ResponderExcluir
  30. Será que tem possibilidade de um especial com histórias do Zorro?Quanto a Murry
    boa notícia vamos aguardar a seleção de histórias.
    Saudações
    Ricardo Oliveti, veterano fã de quadrinhos Disney

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ricardo, a Abril mencionou justamente na seção de cartas do Pato Donald do mês de abril, q está estudando a possibilidade de publicar um especial com o ZORRO entre 2017/2018.

      Excluir
  31. Podem continuar colocando suas duvidas aqui no Planeta Gibi, eu lei todas e na medida do possível vou respondendo nas seções de cartas das revistas Disney. Combinado? Abraços

    ResponderExcluir
  32. Prezado Paulo Maffia,

    1. Gostaria de saber se Donald Duplo volta para Big, pois ainda faltam algumas histórias, incluindo o recente trabalho que une o agente secreto ao Superpato.

    2. Se os episódios inéditos de Fantomius vão ser publicados em Tio Patinhas ainda este ano.

    3. Se o episódio Gli Argini del Tempo do Superpato, anterior à Raio Negro e posterior à Poder e Potência vai se publicado ainda este ano.

    4. E sugerir um Especial de Luxo com as HQs de Floyd Gottfredson da década de 1960 feitas com o Pateta e sua namorada Glória - Glory Bee em inglês - feitas originalmente para tiras de jornais, além de colocar as histórias grandes do casal feitas por outros artistas, algumas delas publicadas no Brasil uma única vez há anos.

    Obrigado

    Marcos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rapidamente Dornel,

      1) No final do ano ele esta de volta!
      2) Ele já vai estar de volta em TIO PATINHAS 613, onde o Ladrão de Casaca, cujo diário dará origem ao Superpato, estará de volta em Os Anéis de Cagliostro, onde ele tem que localizar sete anéis de ouro, onde esta gravado um criptograma que indica o esconderijo do grande tesouro! Fique ligado por que nas próximas edições da revista do Tio, Fantomius vai se encontrar com um jovem ambicioso e com um talento natural para negócios, chamado Patinhas! Não perca!
      3) Se depender de mim, sim!
      4) Talvez na virada de 2017/2018

      Excluir
    2. Olá Maffia,

      Muito obrigado pelas respostas! Que bom que meus personagens favoritos estarão de volta!

      Junto-me a você na torcida pela liberação de Gli Argini del tempo, nem que seja para o começo de 2017!

      Puxa, fico cheio de esperanças por um especial de Gottfredson com Pateta e Glória. Adoro aquela loirinha e um especial com ela e o Pateta vai ser demais!

      Parabéns pelo seu excelente trabalho.

      Dornnel

      Excluir
    3. Eu amo as histórias do Mickey de Gottfredson!

      Excluir
    4. Eu amo as histórias do Mickey de Gottfredson!

      Excluir
  33. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  34. Prezado Maffia;

    Já existe detalhes de como será este especial do Paul Murry?
    Gostaria, se possível, que contemplasse as fases do Mancha Negra e do Super Pateta; no meu entendimento, as melhores de Murry.
    Grato pela atenção; grande abraço deste leitor Disney de mais de meio século.
    Tadeu Olivetti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Especial do Paul Murry? Da minha boca( ou teclado) eu nunca disse que vamos lançar......

      Excluir
  35. Olá. Creio que deva ser o fã número 1 de Tony Strobl e creio que ele merece um especial assim também. Há muitas HQS com seu traço esquecidas desde os anos 80, como "O Segredo dos Sargaços" HQ em que os Metralhas se regeneram da vida de crimes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jonas, eu também sou fã dele. Este ano quase entrou na seleção final dos capa duras, um só com HQs dele do Jornal “A Patada” . Bateu na trave, talvez em 2017 vire um Golaço! Abraços

      Excluir
    2. Jonas, eu também sou fã dele. Este ano quase entrou na seleção final dos capa duras, um só com HQs dele do Jornal “A Patada” . Bateu na trave, talvez em 2017 vire um Golaço! Abraços

      Excluir
    3. Muito bom saber que hqs do Tony Strobl possuem chance de receber um acabamento de luxo no Brasil. Vale lembrar que o subestimado cartunista nunca conseguiu esse tratamento em seu país natal. Acho que o único país que lançou uma edição de luxo com hqs desenhadas por ele foi a Dinamarca (https://coa.inducks.org/issue.php?c=dk%2FHOF++15).

      Abraços!

      Excluir
    4. Em tempo: Que tal uma edição de luxo com hqs do Peninha criadas pela dupla Hubbard/Kinney, Sr. Maffia? Poderia inclusive trazer hqs inéditas no Brasil.

      Excluir
  36. Durante o evento Festival Guia dos Quadrinhos em Abril o editor Paulo Maffia comentou a possibilidade de reeditar historias antigas (algumas publicadas apenas 1 vez) sera
    delírio imaginar histórias de Juca e Mário, Raposa do Pântano, David Crockett e até mesmo do Vespa Vermelha? Eu acharia ótimo mas não sei se os mais jovens gostarima.

    Saudações,
    Ricardo Oliveti

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O céu é o limite! Mas tenho que verificar junto a Disney se estes personagens (O Vespa vermelha sem problemas) ainda são de propriedade da Disney.

      Excluir
    2. O céu é o limite! Mas tenho que verificar junto a Disney se estes personagens (O Vespa vermelha sem problemas) ainda são de propriedade da Disney.

      Excluir
  37. Boa noite Paulo Maffia gostaria de saber ser essas capas do pato donald por carl barks vao sai mesmo nesse estilo americano , ser for mesmo vao ser mas dez capa dura de cada que vou compra concerteza tenho todos os capas duras disney lancadas em dez copias de cada sempre compro dez exemplares abraco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. valeu vamos gastar kkkk hoje peguei meus dez exemplares iniciativas herois na livraria do aeroporto de salvador.

      Excluir
    2. Cledson, o que fazes com cada uma das 10 cópias?

      O"

      Excluir
  38. Banho de água fria do Maffia com relação ao Murry, já tava contando com ele bonitão na estante e com aquelas histórias clássicas junto com o Fallberg. Em tempo, também as ótimas histórias com o Zé Carioca desenhadas pelo Murry que saíram num especial da Abril formatinho da década de 80 que merecem um republicação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gustavo; foi cancelada a publicação do capa dura de Murry?
      Tadeu Olivetti.

      Excluir
  39. Em tempo; acabei de ver o comentário do Maffia acima.
    Uma pena mesmo!!!
    Tadeu Olivetti

    ResponderExcluir
  40. Planeta Gibi:

    Podemos nutrir alguma expectativa em relação ao "Capa Dura" de Murry?
    Tadeu Olivetti

    ResponderExcluir
  41. Planeta Gibi:

    Podemos nutrir alguma expectativa em relação ao "Capa Dura" de Murry?
    Tadeu Olivetti

    ResponderExcluir
  42. Oi Maffia! Queria dizer que adorei o lançamento de Contos de Natal do Carl Barks, posso dizer que foi um sonho realizado, pois sempre quis ver essas hqs natalinas todas reunidas numa só edição especial e isso foi feito. Parabéns e dizer que já estou ansioso pelo lançamento do especial com Os Escoteiros Mirins, pena que com o lançamento da obra do Barks esses temáticos vão ser praticamente extintos, confesso que gosto da idéia.
    Tenho uma sugestão: um capa dura com histórias de um dos desenhistas mais geniais e menos pedidos: o fabuloso Vicar. Cresci lendo as histórias desenhadas por ele e mesmo só sendo desenhista, gostaria muito de poder um dia ver um capa dura com histórias dele, seria uma grande homenagem a esse grande desenhista. Gde abç.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande sugestão, meu caro. Vicar é uma dos meus desenhistas favoritos!
      abraços !

      Excluir
  43. Obrigado Maffia. A sub-série que mais gosto é "Álbum de Fotos".


    Se possível numa próxima ocasião republiquem a HQ de Tony Strobl em que eles precisam tirar a foto do Primo Alarcon na Escócia, que saiu no DE os Fotógrafos.

    ResponderExcluir
  44. BOA NOITE PAULO, POR FAVOR O "PATO DONALD POR CARL BARKS" A CAPA SERA COM DESENHOS DE BARKS, QUAL PREVISÃO DA DATA DE LANÇAMENTO E QUAL O VALOR APROXIMADO, POIS ESTOU NO AGUARDO...

    ResponderExcluir
  45. Olá, Paulo. Tem algum a previsão para lançar especiais Disney sobre as Olimpíadas?

    ResponderExcluir
  46. Com 36 HQs inéditas do murry no Brasil, eu digo q esse capa dura seria realmente especial se chamasse "Paul Murry Inédito"!

    ResponderExcluir
  47. Já estou economizando para comprar todos os Barks e Paul Murry.
    Espero que a edição de luxo de Murry contemple suas histórias com Mancha Negra e Super Pateta.
    Tadeu Olivetti

    ResponderExcluir
  48. Já estou economizando para comprar todos os Barks e Paul Murry.
    Espero que a edição de luxo de Murry contemple suas histórias com Mancha Negra e Super Pateta.
    Tadeu Olivetti

    ResponderExcluir
  49. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  50. PlanetaGibi, Vocês sabem se a Abril pretende aproveitar o bonde das Olimpíadas no Brasil e lançar um especial temático com histórias raras e inéditas?Ou um Disney Especial sobre esportes e Olimpíadas?Acredito que a Disney deve ter várias histórias boas sobre Olimpíadas e essa época é perfeita para isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não temos conhecimento.

      Abs.

      Edenilson

      Excluir
  51. Desejo um encadernado de Darkwing Duck.

    ResponderExcluir
  52. Paulo Maffia, algum projeto/plano/previsão ou possibilidade de vermos: 1)COMANDO LASER; 2) PATRULHA DO ESTELAR; 4) PENINHA HISTÓRICO.

    ResponderExcluir
  53. Eu amo as histórias do Mickey de Gottfredson!

    ResponderExcluir
  54. Eu amo as histórias do Mickey de Gottfredson!

    ResponderExcluir
  55. Paulo mafia quais obras do don rosa saira em 2016 e 2017

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.