' '

12 de abr de 2016

Panini no Festival GdQ

ATUALIZAÇÕES: no texto, em vermelho, sobre A FACE OCULTA LENDAS DO CAVALEIRO DAS TREVAS. Resumimos a seguir a palestra da Panini no Festival GdQ ocorrida ontem (o evento continua hoje, domingo 10 — veja a programação completa aqui). Levi Trindade, Carol Pimentel e Ivan Reis, mediados por Marcelo Naranjo, falaram sobre o mercado de quadrinhos de heróis. No final, o Planeta Gibi ainda tirou duas ou três dúvidas de seus leitores.



VENDAS

O mercado de quadrinhos também foi atingido pela crise. Custos de gráfica e distribuição subiram e a Panini ajustou seu plano de 2016 para adequá-lo à realidade. 


Os preços de capa tiveram que sofrer um reajuste. E nesse ponto a editora teve que se equilibrar entre o mínimo necessário para não inviabilizar o negócio e o máximo que julgou que não afastaria o leitor. 

Mesmo a quantidade de lançamentos, como os encadernados, é pensada de forma a não afugentar esse leitor, que "tem um limite". A editora tem evitado cancelamentos, que "é ruim para todos", e demissões, "como infelizmente têm ocorrido em outras editoras", finalizou Levi.

LIVRARIAS x BANCAS

Levi diz que houve um crescimento de 45% de vendas dos quadrinhos da Panini nas livrarias. Daí a continuidade do investimento em lançamento de encadernados. Quanto às bancas, considera que a distribuição não tem como crescer e é "caótica". 

REBOOTS, REBIRTHS, EVENTOS

Ivan diz que reboots e eventos estão mais frequentes hoje porque o mercado é instável. As editoras ainda estão tentando entender o que está acontecendo. Há um consumo de filmes e séries de TV com super heróis que antes não existia. Então abre-se um mercado para novos leitores para quem Marvel e DC querem oferecer novos pontos de partida.

E esse novo público não teria paciência em acompanhar tramas mensalmente, dando preferência a ler arcos fechados encadernados.

Levi vai além e opina que no futuro os eventos e reboots serão anuais, como as temporadas dos seriados de TV — que, assim como os filmes, são cada vez mais ágeis visando prender o público.

RETROALIMENTAÇÃO OU AUTOFAGIA

Nesse processo, os quadrinhos começam a adotar ideias de suas próprias adaptações para cinema e televisão.

E corre-se o risco de tudo implodir, pois pode-se condenar à morte a fonte criativa, ressalta Ivan.

RENOVAÇÃO DE PÚBLICO LEITOR

A produção atual de quadrinhos é mesmo direcionada para um público mais jovem, que demanda maior agilidade narrativa. As editoras investem naturalmente nesse público porque é ele que sustentará as séries e os títulos no futuro.

Levi dá o exemplo de Tex: se não conseguir renovar seu público, a tendência é do título morrer (o editor foi gentil, claro, ao não completar com o óbvio "juntamente com seus leitores atuais".)

GUERRAS SECRETAS 2015

Levi acredita que as consequências do evento resultarão num reboot do Universo Marvel. 

(Opinião deste editor do Planeta Gibi Blog: depois de Marvel Now, All Marvel Now, All-New All-Different Marvel talvez seja um contrassenso se falar em abrir uma porta para novos leitores já que dificilmente ele terá certeza de estar entrando ou saindo por ela.)

REBIRTH DC

Quando atingirem suas edições #52 nos EUA, os títulos da DC terão a numeração reiniciada. Levi deixou claro que não será um reboot. A cronologia atual prosseguirá. Ou seja, novamente será adotada a estratégia de criação do "novo ponto de partida".

(Nota deste editor, apenas para situar: no checklist deste mês da Panini, BATMAN #43 apresenta o conteúdo da americana BATMAN #41, cuja data formal de capa é ago/2015; a edição com data formal de capa neste mês nos EUA é a #49.)

TURMA DA MÔNICA

Levi chegou a citar o reinício de numeração dos gibis da Turma da Mônica, ocorrida no ano passado quando os títulos tradicionais atingiram a centésima edição na Panini: "as vendas aumentaram".

O leitor novo chega na banca hoje e se depara com um X-MEN #90 e com um X-MEN ALGUMA COISA #1: qual você acha que ele dará preferência para comprar, perguntou o editor à plateia.

(Opinião deste editor: são casos distintos. Marvel e DC sabidamente seguem uma cronologia e a numeração de capa sem dúvida afeta a percepção de quão atrasado o leitor novo esteja chegando a um título. No caso de Turma da Mônica, o reinício de numeração atende somente ao colecionador e pode ser um tiro saindo pela culatra, já que pode determinar o ponto de encerramento de uma coleção, pelos motivos que sejam. Nos EUA, a IDW retomou os gibis Disney e adotou dupla numeração para MICKEY MOUSE, UNCLE SCROOGE e DONALD DUCK, exibindo na capa tanto a continuidade da numeração clássica como uma numeração reiniciada; evitou ferir suscetibilidades, no entanto, ao simplesmente continuar a numeração clássica do ultraclássico WALT DISNEY'S COMICS AND STORIES, o gibi que já foi, disparado, o mais vendido no universo conhecido pelo homem: 5 milhões de exemplares mensais em seu auge.)

ENCADERNADOS

Coleções como LENDAS DO CAVALEIRO DAS TREVAS, LENDAS DO HOMEM DE AÇO e COLEÇÃO HISTÓRICA MARVEL, antes supostamente mal vistas, hoje são muito bem aceitas, dado ao custo X benefício.

LENDAS DO CAVALEIRO DAS TREVAS

A editora pensou em lançar ainda neste ano mais 4 volumes da coleção de Batman, mas ficou a dúvida, dada a conjuntura econômica atual: "será que o leitor aguenta?"

Levi esclareceu ao Planeta Gibi: A dúvida não foi em relação à quantidade de volumes, mas sim de coleções, já que LENDAS trata cada autor como uma coleção. A questão para a editora foi: se programarmos 4 coleções será que os leitores conseguem acompanhar todas elas? Assim, uma nova leva de Jim Aparo pode ter 4 volumes, uma do Gene Colan pode ter 2.

LENDAS DO HOMEM DE AÇO

A coleção terá continuidade.

COLEÇÃO HISTÓRICA MARVEL

Guerras Secretas (dos anos 1980, naturalmente) será reeditada em 4 volumes e incluirá as HQs que mostram como os personagens chegaram até ali.

X-Men já conta com dois volumes prontos para lançamento.

COLEÇÃO MARVEL TERROR: A TUMBA DO DRÁCULA

O #4 será lçançado junto com a caixa colecionadora. Por que ela não saiu com o #1, como ocorre com as coleções similares? Porque a editora não tinha certeza de que a obra teria continuidade, ou seja, que teria boas vendas.

Outros 4 volumes estão sendo programados para 2017.

WEREWOLF BY NIGHT

Assim como ocorreu com A TUMBA DE DRÁCULA, será lançado um volume para testar o mercado. Se for bem sucedido, terá continuidade e virá com a caixa num eventual #4.

(Nota deste editor: a Bloch publicou essas histórias Marvel de Lobisomem dentro da muito complicada série CAPITÃO MISTÉRIO. Leia mais sobre ela aqui.) 

FACE OCULTA

A série da Bonelli teve sua publicação interrompida após a Panini lançar os dois primeiros volumes no final de 2012.

A editora anunciou na CCXP 2015 que a obra seria retomada.

Levi disse ao Planeta Gibi que o próximo volume está fechado. A editora só está decidindo se irá lançá-lo em algum evento que ocorrerá nos próximos meses ou se o lançará fora de algum evento, mesmo.

DEADPOOL

O volume 2 de DEAPOOL CLÁSSICO já está garantido.

JUSTICEIRO E ELEKTRA

Sairá em encadernado (tipo CAVALEIRO DA LUA).

HOMEM-ARANHA: ARANHAVERSO

A saga será concluída no #4, mas o título continuará.

COLEÇÃO NOVA MARVEL

Novos encadernados a caminho. (Veja aqui o Guia Planeta Gibi COLEÇÃO NOVA MARVEL.)

RELANÇAMENTOS

De forma geral, só virão em 2017.

O QUE MAIS?

Após a palestra, Levi respondeu perguntas de leitores do Planeta Gibi, a saber...

ARQUEIRO VERDE

O título mensal foi mesmo encerrado na edição #7. A Panini publicará alguns encadernados eventuais, com numeração reiniciada, concluindo essa fase. 

BATMAN: MORTE EM FAMÍLIA

Relançamento apenas a partir do ano que vem.

(Nota deste editor: a história acaba de ser republicada pela Eaglemoss em DC COMICS COLEÇÃO DE GRAPHIC NOVELS #11. Antes, saiu pela Panini em CLÁSSICOS DC COMICS, 2009. A Editora Abril a havia apresentado em O MELHOR DE BATMAN #1, 1996, e em DC ESPECIAL #1, 1989. Vide Guia dos Quadrinhos.)

NOVA MARVEL DELUXE

Levi informou que o volume já anunciado com Hulk encontra-se na gráfica. Portanto, é certo que logo estará nas livrarias. A data não pode ser precisada porque a impressão se dá no exterior.

Perguntado se essa coleção repetirá o padrão editorial da atual MARVEL DELUXE, Levi confirmou. Apenas haverá distinção na cor padrão das capas, que não será preta. Veja aqui o Guia Planeta Gibi MARVEL DELUXE.


Por Edenilson Rodrigues
Fontes: editor Levi Trindade para o Planeta Gibi, palestra da Panini no Festival GdQ em 9/abr .
Publicado originalmente em 10/abr/2016. Atualizado em 12/abr/2016.

43 comentários:

  1. Sobre o Lenda do Cavaleiro das Trevas: "Será que o leitor aguenta?" seria em que sentido exatamente? No sentido que 14 volumes já chega ou em questão de $$? Ou ambos?

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante as opiniões e informações do Levi. A ideia do Tex é meio triste mas verdade: não lembro de ter visto gente com menos de 30, para não dizer 40 anos, comprando os títulos - e não só Tex, mas dá Bonelli como um todo.
    Já sobre Turma da Mônica, fiquei surpreso em saber que as vendas aumentaram. Eu não parei de comprar as mensais mas achei que era um ótimo ponto de parada e imaginei que as vendas cairiam. Até porque, aqui onde moro, vejo menos exemplares sendo recebidos do que antes (mas, para ser justo, é uma diferença pequena).
    E sobre o Arqueiro Verde! O que foi esse cancelamento de última hora? Há duas semanas o editor da DC havia informado num comentário no site que Arqueiro voltaria normalmente. Estranho, mas eles provavelmente devem ter arriscado a lançar um título solo do Esquadrão Suicida para ver se vende mais. Mas e agora? O Arqueiro sai em encadernados, porém e Exterminador e Canário Negro? Encadernados também ou vão para a mensal do Esquadrão Suicida?
    Parabéns pela cobertura das palestras no Festival, Planeta! Muito bom, mesmo!

    ResponderExcluir
  3. Quando der, pergunte pq são 8 meses de diferença com os EUA da DC e 1 ano com a Marvel. Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok. Mas talvez porque a cronologia tenha sido herdada assim da Abril, não? (A Abril que pôs ordem na casa da cronologia Marvel, a propósito; aquilo era uma balbúrdia.)

      Edenilson

      Excluir
  4. Opa, obrigado por ter lembrado de perguntar do "Morte em Familia" Edenilson, infelizmente a resposta foi evasiva, se ele tivesse pelo menos dado a certeza que ano que vem haveria o relançamento nos mesmos moldes daquela de 2009 eu iria aguardar, como não deu, vou acabar procurando alguma com um preço justo, o que é difícil...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rodrigo, ficou explícito o cuidado da Panini em não criar falsas expectativas na plateia quanto a lançamentos futuros. E isso certamente decorre do momento econômico que vivemos (tema que abriu a palestra).

      Quanto ao preço: de fato, MORTE EM FAMÍLIA já não foi barato nem em seu lançamento (R$ 68,00). Tal valor, atualizado pelo INPC acumulado no período, chega a R$ 105,64. Ao se tornar raro (não importa a data de lançamento), é certo que um gibi tende a ser vendido seguindo a lei da oferta X procura.

      Se aparece um raríssimo DISNEY ESPECIAL #174, por exemplo, somente um comerciante desavisado o venderia "barato". Foi o último número que faltou em minha coleção, por exemplo. Paguei por ele, há muitos anos, mais de 100 reais. Hoje, não o venderia por nada. Simplesmente porque não se acha outro para comprar. E estamos falando de uma edição "qualquer", lançada "ontem". É difícil se falar em "preço justo" nessas situações.

      Obviamente que entendo seu ponto de vista, ainda assim, pois estou dos dois lados do balcão. Também sou colecionador.

      Abs.

      Edenilson

      Excluir
    2. Sim, tmb entendo o cuidado do editor em propagar informações e criar expectativas que talvez não sejam realizadas, a decepção aparente é apenas o meu lado colecionador falando mais alto que o meu lado racional hauuahuhauha. Aliás acho tmb totalmente normal o preço de certo item subir de acordo com a demanda, entretanto fiquei esperançoso com o relançamento de Batman Ano Um, com um preço bastante parecido da época que foi lançado, tenho/tinha a esperança que o mesmo irá/iria acontecer com o Morte em Família...

      Mas aguardemos os próximos capítulos... e mais uma vez obrigado

      Abs

      Excluir
    3. Sim, o preço de relançamento não inclui o custo de produção da primeira edição, você tem razão. Mas a inflação é significativa e o papel é cotado em dólar, que disparou.

      Excluir
  5. E quanto ao Marve Terror Motoqueiro Fantasma? Vai ter o vol 2 ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi mencionado, Luciano.

      Excluir
    2. em um video o Levi havia comentado que não teria volume 2 por enquanto por falta de material original na Marvel.
      Caso eles digitalizassem o material, poderia existir uma chance de continuar a publicação.

      Excluir
  6. Olá Edenilson, ótimo resumão das palestra da Panini, imagino que deva ter sido bastante concorrida!

    Sobre A Tumba de Drácula é ótimo saber que a série superou as expectativas e que teremos em 2017 mais quatro volumes. Bola dentro pro leitores que viabilizaram a Coleção!

    E sobre a CHM das Guerras Secretas, ótima sacada incluir histórias contando como os personagens foram cooptados por Beyonder. Isso sem dúvida agrega muito valor ao camarote :) Eu que nem pensava em pegar a série já começo a rever tal decisão. Bola dentro pra Panini!

    E Edenilson, pensando mais lá na frente o sucesso desse relançamento poderá viabilizar a publicação de fases inteiras como o DD da Nocenti/Romitinha e o Quarteto do Byrne, seguindo o exemplo da Tumba de Drácula, que nada mais é que uma CHM publicada em sequência!

    Abraços e parabéns pelo evento,
    VAM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O recado foi assim: continuaremos a lançar o que vende, mas tomando cuidado para não sufocar o leitor (em termos de grana).

      Excluir
    2. Esse cuidado é super válido, Planeta.

      A situação relatada a respeito da série Lendas do Batman realmente é legítima, inicialmente o Levi havia comentado que além dos volumes 5 a 8 de Jim Aparo, teríamos também 4 volumes de Gene Colan e possivelmente mais dois ou quatro de Archie Goodwin. Num total de 10 ou 12 edições, praticamente uma nova mensal do Batman!

      Sendo fases atemporais, não tem por que a Panini se apressar em lançar todas num único ano realmente, o bolso da gente agradece.

      Abs,
      VAM!

      Excluir
  7. e sobre capa duras...não teve uma previsão...como será o cronograma....algo que de esse respado, planeta gibi?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tinha previsão de entre a foice e o martelo....os maiores super herois da terra...ainda está de pé...houve alterações?

      Excluir
    2. Foi dito genericamente que os relançamentos só ocorrerão em 2017. A editora reviu seus planos para 2016 em decorrência da conjuntura econômica.

      Excluir
    3. Aliás, em outra ocasião eu já tinha ouvido Levi dizer isso (relançamentos jogados para 2017).

      Excluir
    4. Certo, em relação a relançamentos.. Mas terá encadernados novos? Tem essa informação ...haja visto que tinha uma previsão já pra isso..como Batman e morte DA família..ou outros já programados

      Excluir
    5. Algo novo nessa pauta claro. . .

      Excluir
    6. Tinham vários programados...mas nem conseguiram até agora entregar o fechamento do arco do sandman o 3 livro

      Excluir
    7. Alguma posição Planeta Gibi, sobre isto?

      Excluir
    8. Helder, não há rigorosamente nada que tenha sido falado acerca de lançamentos ou novidades que eu não tenha transcrito para o texto acima.

      Os editores foram extremamente cautelosos ao falar sobre lançamentos futuros.

      Em suma, Levi abre a palestra dizendo que a crise fez a Panini ajustar seu plano para 2016; em dado momento, (re) afirma que os relançamentos ficaram para 2017; também diz que os encadernados ganharam foco e a editora investirá cada vez mais neles; por fim, que a COLEÇÃO NOVA MARVEL terá novos volumes em breve.

      Pois bem.

      À partir daí, podemos SUPOR, baseados no que foi dito na palestra e até mesmo nos lançamentos recentes de MARVEL DELUXE e outros encadernados, além da chegada CONFIRMADA da NOVA MARVEL DELUXE, que novos encadernados, sobretudo os já anunciados, virão.

      Abs.

      Edenilson

      Excluir
  8. Essa historia de reinício em títulos infantis é uma bobagem. Se isto se tornar frequente, prefiro que não venham com números então.

    ResponderExcluir
  9. Eu não entendo pq vejo várias pessoas pedindo a republicação de Morte em Família para a Panini se ela acabou de ser publicada pela Eaglemoss... As edições da Eaglemoss não agradam? Essa dos encadernados para livraria terem aumentado as vendas, realmente acredito! Fazia uns 10 anos q eu não comprava super-herois, mas voltei ano passado, comprando apenas edições especiais, acho q a maioria, de republicações q eu nunca tinha lido, antigas ou nem tanto! Ja levei um "preju" de mais de R$ 1.000 (edições mensais não me interessam). Legal saber q tumba do Drácula vai continuar... Eu nunca tinha lido, aí arrisquei a edição 1 e agora comprei a 2 e a 3. PS.: Lembrando q não só o papel é cotado pelo dolar, mas tb a tinta e os próprios direitos de publicação a serem pagos para as editoras de origem. E apesar de não comprar Tex frequentemente, se tem um tipo de quadrinho q merece continuidade são os da Bonelli, com artes super detalhadas e roteiros cinematográficos. Super-herois são fichinha, sempre passando por más fases criativas (por isso só compro especiais q me agradem)!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah sim. Leio um pouco de tudo... Disney, Marvel/DC, Bonelli, mangá, tiras de humor, graphics nacionais, européias, americanas.. Mas eu diria q o melhor título periódico publicado no Brasil hoje, é Júlia Kendall! Quem não conhece, provavelmente irá gostar caso lhe de uma chance...

      Excluir
  10. Bom, depois de ver pela internet a porquice que a Eaglemoss tem feito na revisão dos textos dessa coleção, prefiro pegar a versão da Panini mesmo.

    ResponderExcluir
  11. Gostaria que mandassem essa pergunta ao Levi. Quando saíra A Face Oculta, da Bonelli ???

    ResponderExcluir
  12. Muito bom o resumo das news, obrigado. Se possível mandassem essa pergunta pro Levi:

    1- Já tem algo a respeito ou planos de uma plataforma digital pra leitura das edições Panini, aos moldes do Social Comics e da recém anunciada da JBC?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Putz... aí em cima eu menti, então... Porque falaram, sim, sobre isso. Mas não registrei por algum motivo. Abordaremos esse assunto oportunamente, sorry.

      Edenilson

      Excluir
  13. Gostaria de saber se sairão mais volumes Deluxe do Demolidor.

    ResponderExcluir
  14. Quanto a Batman Lendas, é só continuar lançando como agora... Uma coleção de cada vez...Pelo q entendi, o Levi fala de lançar mais de uma coleção de Lendas simultaneamente.

    ResponderExcluir
  15. Não foi dito nada sobre os problemas constantes de revisão?

    ResponderExcluir
  16. Olá Edenilson,

    Sou da opinião que as coleções de Lendas devam sair uma por vez.

    Com o atraso na aprovação das capas de Neal Adams a coleção embolou
    com a de Marshall Rogers e foi muito ruim dificultando bastante a aquisição de ambas.

    Abs,
    VAM!

    ResponderExcluir
  17. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem contar que ainda teremos as Lendas do Homem de Aço do Gil Kane, que deve coincidir com Jim Aparo ou Gene Colan, Edenilson.

      Abs,
      VAM!

      Excluir
  18. Os amigos do PG podem perguntar sobre a possibilidade da Panini lançar um poster do Cap Sam Wilson, estou gostando muito da revista Novissimos Vingadores. Valeu.

    ResponderExcluir
  19. Bom ver que a Panini está cautelosa. Poderiam, nestas Coleções Históricas/Lendas do Cavaleiro das Trevas, mudar para mensal ao invés de quinzenal. Ficaria melhor para acompanhar e uma coleção não "vampirizaria" a outra tal como a Salvat está fazendo.

    ResponderExcluir
  20. Bom ver que a Panini está cautelosa. Poderiam, nestas Coleções Históricas/Lendas do Cavaleiro das Trevas, mudar para mensal ao invés de quinzenal. Ficaria melhor para acompanhar e uma coleção não "vampirizaria" a outra tal como a Salvat está fazendo.

    ResponderExcluir
  21. Perguntei do "FACE OCULTA" no Levi Responde ... e aqui fala mais sobre o mesmo.

    Vamos aguardar ... e divulguem por favor!!

    Nós dos Fãs Clubes Tex e ZAGOR Brasil daremos todo o apoio à Panini/Levi na divulgação ... estamos nos blogues, páginas, site e fóruns da net e mesmo, como disse este mês no ar no "HQ&Cia" na AllTV ... queremos fechar o FACE OCULTA.

    Estamos junt@s, e desejosos para o sucesso e finalização da coleção.

    ResponderExcluir
  22. AS COLEÇÕES HISTORICAS MARVEL VÃO SAIR SIMULTANIAMENTE OU UM SEGUIDA DO OUTRO? E MAGNETO TRIUNFANTE QUE FAZ PARTE DA FASE BYRNE E CLAREMONT VÃO SAIR ESTE ANO?

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.