' '

4 de fev de 2016

Veneta anuncia novas obras de Marcello Quintanilha e Wagner Willian

Marcello Quintanilha, recém premiado em Angoulême por TUNGSTÊNIO, assina HINÁRIO NACIONAL, que a Veneta lança no próximo mês. A editora também anuncia para a mesma data BULLDOGMA, de Wagner Willian, que ficou em segundo lugar no prêmio Jabuti de ilustração em 2015 por LOBISOMEM SEM BARBA (Balão Editorial).


HINÁRIO NACIONAL
Veneta, Marcello Quintanilha, 21/mar/2016.
Publicação avulsa, formato 21 x 14 cm, 136+4 páginas, capa dura, R$ 49,90, distribuição em livrarias.

Hinário Nacional, um pequeno e delicado épico onde a história de diversos personagens se entrelaçam sutilmente. De Marcello Quintanilha, ganhador em 2016 de um Angoulême, o principal prêmio dos quadrinhos mundiais. São histórias de pequenas tristezas e grandes dramas, todos vividos silenciosamente. A história de alguém que se resigna com o fato de ter sido vítima de abuso sexual, e de outro que oculta um dilacerante sentimento de culpa por ter abusado sexualmente. A tristeza de um homem com a velhice e o desbotamento das histórias de amor. O desejo de esquecer o sofrimento, de esquecer o que se fez, de ser o que não é. Uma edição de luxo em capa dura. Um livro que já nasce com ares de clássico.



BULLDOGMA
Veneta, Wagner Willian, 21/mar/2016.
Publicação avulsa, formato 23 x 16 cm, 320+4 páginas, capa cartão, R$ 59,90, distribuição em livrarias.

Misturando ficção científica, games, álcool, sexo e um clima de Nouvelle Vague, Bulldogma é o retrato de uma geração e da efervescente cena artística alternativa das grandes cidades brasileiras. Botecos, casas noturnas, cafés e festinhas de apartamento são os cenários desta aventura sci-fi, protagonizada por Deisy Mantovani e seu buldogue Lino. 

Deisy é uma ilustradora de embalagens, livros infantis e histórias em quadrinhos. Ela acaba de se mudar para um apartamento em um bairro cujo solo é rico em silício, o que atrai naves intergalácticas para reabastecimento e levanta a preocupante suspeita de abduções alienígenas. Mas Deisy não se deixa levar por boatos. Ela tem mais com que se preocupar: acaba de sair de um relacionamento complicado e o trabalho está cada vez mais difícil. A única saída talvez seja ser abduzida por um disco voador.


Por E. Rodrigues




Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos.
• Incluam ofensas e palavrões;

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.