' '

17 de nov de 2015

O ABRIGO: prévias

A Devir anuncia para este mês o primeiro encadernado de O ABRIGO. Originalmente uma webcomic, a produção ganhou pequenas alterações ao virar impresso nos EUA. O ponto de partida é a descoberta de um abrigo subterrâneo por cinco amigos, onde são encontradas cartas a ele endereçadas, supostamente escritas pelos próprios, no futuro, com revelações perturbadoras. Veja mais a seguir

Veja aqui outros lançamentos deste mês.


O ABRIGO #1
Devir, de Joshua Hale Fialkov & Joe Infurnari
Publicação eventual, formato 17 x 26 cm, 136+4 páginas, capa cartão, miolo couché, R$ 50,00, distribuição em livrarias.

Cinco amigos, Grady, Heidi, Natasha, Daniel e Billy, estão no meio de uma floresta. Sua missão: enterrar uma cápsula do tempo com cartas escritas por eles para serem abertas no futuro. 

Todos eles estão prestes a passar por várias mudanças em suas vidas, como
ir atrás de um emprego ou começar um relacionamento amoroso. Então, aquilo seria uma forma de marcar um último momento em que todos eles fizeram algo juntos e, quem sabe dali a alguns anos, se reunirem novamente para recordar o passado. 

Mas acontece uma coisa inesperada... e assustadora! Assim que começam a cavar um buraco no chão, eles encontram a misteriosa escotilha metálica de uma espécie de abrigo nuclear ou algo parecido. 

Quando finalmente entram no tal abrigo, encontram cartas endereçadas a eles... escritas por eles mesmos, mas do futuro!!! E o mais aterrador de tudo é que, de alguma forma, eles serão responsáveis pela destruição do mundo! 

Aos poucos, a história de cada uma das cinco personagens vai sendo contada e seus mistérios explorados. O que eles farão? Será que tentarão mudar o rumo dos eventos e salvar o mundo? Ou vão simplesmente esperar que as coisas aconteçam naturalmente? 

Sem que possam controlar seus próprios sentimentos e dúvidas, eles acabam se distanciando uns dos outros, na tentativa de esquecer o temor do amanhã. 

No entanto, tem algo errado... Um deles, aparentemente, não recebeu carta alguma. Outro deles, entretanto, começa a perceber que pode tirar vantagem daquilo tudo. E, aos poucos, a desconfiança toma conta do grupo de amigos. 

Mas a dúvida persiste: as cartas foram realmente enviadas por eles do futuro? 

Criada por Joshua Hale Fialkov (história) e Joe Infurnari (arte), O ABRIGO (The Bunker) começou como uma webcomic no final de 2013, conquistando uma legião de leitores assíduos. 

Por causa desse sucesso relâmpago, a editora Oni Press assinou contrato com os dois para lançar uma versão impressa da série, com ligeiras modificações para oferecer um produto diferente daquele encontrado na internet. 

Assim, em fevereiro de 2014, chegava às lojas de quadrinhos americanas o primeiro número da série em papel. 

Felizmente, o sucesso da web se repetiu nessa nova versão e O ABRIGO tornou-se um dos quadrinhos mais falados da atualidade! 

Por causa disso, seus criadores já estão cogitando uma versão da série para a TV ou para o cinema... 

Este primeiro volume que a DEVIR está lançando reúne os primeiros quatro números da série, além das artes das capas originais e outros extras. 

Com uma pitada de Além da Imaginação e uma espécie de De Volta Para O Futuro invertido, O ABRIGO é uma história instigante e viciante!










Um comentário:

  1. Parece bacana, mas acho q essas pequenas editoras estão tendo cada vez mais dificuldades de atingir o seu público consumidor (acho!). Primeiro, pelo preço (deveriam pelo menos, produzir a hq com capa papel cartão para baratear o custo), segundo, pela periodicidade incerta (uma edição por ano? uma a cada dois anos?) e terceiro, pela possibilidade de cancelarem a série pela metade! Deveriam investir mais em edições únicas ao invés de séries, pq o leitor de quadrinhos está cada vez mais com a "pulga atrás da orelha" com essas editoras!

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.