' '

20 de mar de 2013

Novidades nos gibis Disney

Fim da setorização dos títulos tradicionais, muito mais páginas inéditas, origem do Indiana Pateta, comemoração dos 50 anos da revista TIO PATINHAS, origem do Morcego Vermelho republicada pela primeira vez...  Nos últimos tempos, a Abril trabalhou com e sem a famigerada setorização. E, finalmente, analisados os resultados, decidiu: a partir do mês que vem, a distribuição dos gibis mensais e dos almanaques bimestrais Disney volta a ser nacional — atendendo também a muitos pedidos de leitores e colecionadores. Além disso, teremos mais especiais temáticos (todos inéditos). Confira a seguir.


DISNEY TEMÁTICO
Os especiais de 300 páginas (e capas em relevo e reserva de verniz, cada vez mais vistosas) ganham fôlego no período que precede as férias, com duas edições por mês.

Dentre os volumes vindouros, VIAGENS FANTÁSTICAS (lançamento previsto para 25/abr, com HQs excepcionais, como abordamos aqui) e LENDAS DA ANTIGUIDADE (10/jun, com a HQ de estreia do Indiana Pateta) já merecem, de cara, os holofotes.

Mas as demais edições programadas não ficam nada atrás, recuperando temas muito apreciados pelos leitores Disney, como aventuras no Egito e nos 7 mares.

E tudo inédito.

Confira a lista completa:
1: DUCKTALES — A ODISSEIA DO OURO — set/09
2: AS GRANDES AVENTURAS DO MICKEY — dez/09
3: SUPERPATO 40 ANOS — dez/09
4: ESCOTEIROS MIRINS SEMPRE ALERTA — out/11
5: A HISTÓRIA DE PATÓPOLIS — abr/12
6: FUTEBOL 2012 — mai/12
7: DISNEY OLÍMPICO — jun/12
8: VELHO OESTE — jul/12
9: HORROR — ago/12
10: AGENTE SECRETO — set/12
11: ZÉ CARIOCA 70 ANOS VOLUME 1 — out/12
12: ZÉ CARIOCA 70 ANOS VOLUME 2 — nov/12
13: AS NOVAS AVENTURAS DO SUPERPATO: A ORIGEM — jan/13
14: EPIC MICKEY 2 — jan/13
15: O PAÍS DOS METRALHAS — fev/13
16: NO FUNDO DO MAR — 25/mar/13
17: SUPER-HERÓIS — 10/abr/13 (veja o conteúdo deste volume aqui)
18: VIAGENS FANTÁSTICAS — 25/abr/13 (leia mais sobre essa edição aqui)
19: VELOZES E DESASTROSOS — 10/mai/13
20: VIKINGS — 24/mai/13
21: LENDAS DA ANTIGUIDADE — 10/jun/13
22: PIRATAS — 25/jun/13
23: NA TERRA DOS FARAÓS — 25/jul/13
...

DISTRIBUIÇÃO NACIONAL
As mensais PATO DONALD, MICKEY, ZÉ CARIOCA, TIO PATINHAS, PATETA e MINNIE, e as bimestrais ALMANAQUE DO PATO DONALD, ALMANAQUE DO MICKEY, ALMANAQUE DO ZÉ CARIOCA e ALMANAQUE DO TIO PATINHAS voltam a ter distribuição nacional já a partir de abril (NATAL DE OURO DISNEY completa essa lista).

Assim, atende-se os muitos pedidos dos leitores de fora do eixo Sul-Sudeste. A setorização permanece apenas para DISNEY BIG, DISNEY JUMBO, MEGA DISNEY e DISNEY TEMÁTICO.

DISNEY JUMBO
O gibizão de mais de 500 páginas ganha uma certa periodicidade quadrimestral: no dia 15/mai sai a edição #5. 

DISNEY JUMBO passa a trazer material mais variado. E aqui também atende-se aos leitores, já que a republicação das grandes sagas, como Os Mágicos de Mickey, perde espaço — ao mesmo tempo em que aumenta a possibilidade dessas HQs longas preencherem especiais à parte.

A edição de maio trará material raríssimo de Morcego Vermelho (acompanhado de entrevista com um de seus criadores, Carlos Edgard Herrero — que também providenciou ilustrações especialmente para esse evento comemorativo dos 40 anos de criação do personagem). Tal material, a propósito, havia sido anunciado para publicação no ALMANAQUE DOS SUPER-HERÓISNessa guinada da Abril para um maior equilíbrio entre material inédito e republicações, no entanto, esses almanaques semestrais, assim como os gibizinhos semestrais DISNEY FÉRIAS e DISNEY EXTRA!, estão com sua publicação suspensa.

DISNEY BIG
Falando em gibizão, o bimestral DISNEY BIG destaca em suas próximas edições:

#20 (abr/13): A estreia do desastrado urso Colimério nos quadrinhos, pelas mãos (nada menos) do mestre Paul Murry. Leia aqui o conteúdo completo desta edição.

#21 (jun/13): Todas as HQs de Crocante, o crocodilo astro aposentado que acabou virando o pet de Zé Carioca (leia mais aqui).

#22 (ago/13): Tudo Começou Assim..., a HQ de origem do Morcego Vermelho, por Ivan Saidenberg & Herrero, que nunca havia sido republicada no Brasil (desde sua estreia, em EDIÇÃO EXTRA #53, mai/73).

MORCEGO VERMELHO 40 ANOS
Além das páginas de DISNEY JUMBO #5 e DISNEY BIG #22, Morcego Vermelho está escalado para ao menos uma aventura inédita ao lado de Morcego Verde, a ser publicada este ano em ZÉ CARIOCA. Arthur Faria Jr. e o próprio Herrero vêm trabalhando nesse projeto.

REVISTA TIO PATINHAS 50 ANOS
A Abril não vai deixar passar em branco os 50 anos do gibi do TIO PATINHAS (a se completar em dezembro). E nem poderia: a revista já foi simplesmente a publicação (de qualquer gênero, frise-se) de maior circulação deste país, superando os 500 mil exemplares mensais. E tem muita história contada e para contar...

Os detalhes da comemoração do aniversário serão divulgados oportunamente.

NATAL DE OURO DISNEY #4
O tradicionalíssimo título chega em novembro, com a continuação do clássico A Espada de Gelo. Distribuição nacional.

CAPAS DE ABRIL E MAIO





(A ilustração da capa de MICKEY #848, feita por Carlos Mota, revela algo importante do final da HQ da edição anterior — motivo pelo qual o Planeta Gibi a suprimiu na imagem acima)










Por E. Rodrigues & Rivaldo Ribeiro

48 comentários:

  1. REVISTA TIO PATINHAS 50 ANOS = Wouuu...não vejo a hora(meu personagem preferido/favorito)!! xD

    Sobre o fim de alguns - bem que gostava e colecionava o Almanaque do Peninha(junto com Margarida e Super-Hérois)...(pena)as extras e férias...(gibis finhinhos né? então deixa acabar)! :(

    Distribuição NACIONAL!? Aleluia Editora Abril!!!(poxá até os gibizinho da E.Pixel são distribuição nacional a pouco tempo) ;)

    Edições Especiais(DISNEY TEMÁTICO - 300 págs inéditas continuam sensacionais)...enfim faltam ser distribuição nacional assim com para o BiG também)! :D

    " como Os Mágicos de Mickey, perde espaço "

    ^Aff ainda bem,detesto essa série...TEM coisa muito melhor e mais divertida nos Quadrinhos Disney! :o

    As capas mensais estão espetaculares(os com chamada então)...só Minnie(Cadê o gibi da Margarida também Abril?..vamos equilibrar) que continua comum demais desde dezembro! :P

    Ops..Tio Patinhas #573 - Lindona a capa também adorei(chamada então)!!! Ficou mais bonita que na TOPOLINO 2971! xD

    Ah..e mais págs para as edições de 50 né(vamos equilibrar 2):/

    E os livro em capa-dura?...Os Mistérios dos Signos,Dragonlonds,etc...xD

    Em parte tou concordando com as novidades...vamos aguardar! :)

    ResponderExcluir
  2. Bons lançamentos anunciados, mas dois especiais por mês, fica um pouco pesado para o bolso... enfim, com esses especiais, acho q o pessoal deveria se contentar com as 50 páginas dos mensais! Fim das edições Férias e Extras?! Uma pena pq eu gostava de comprar!!! Fim dos almanaques semestrais?! Lá se vão os dois únicos almanaques q eu colecionava fielmente: Pluto e Peninha!!! Com o "fim" da setorização, espero q comecem a se preocupar tb com a DISTRIBUIÇÃO, q impede q muitos gibis cheguem às bancas de muitos lugares, independente da setorização! Espero tb q com a preocupação em dar visibilidade aos títulos com lombada quadrada (e muitas páginas), comecem a se preocupar tb com a encadernação de tais gibis! O País dos Metralhas foi um bom exemplo de uma boa encadernação... sem estalos, buracos internos ou folhas enrugadas, abrindo macio, macio (ao contrário do lixo Epic Mickey 2 que comprei. Lixo pela péssima encadernação)!

    ResponderExcluir
  3. Parece mesmo que o problema da encadernação foi finalmente sanado. A revista dos Metralhas me chamou a atenção por não estar mal colada.

    E acho que vale a pena o esforço da Abril de publicar dois especiais temáticos por mês. A cronologia Disney está muito defasada no Brasil e isso é uma respeitável tentativa de tirar o atraso, assim como a Panini está fazendo com os heróis!

    ResponderExcluir
  4. Os capa dura citados pelo Xandro ainda estão nos planos. A coleção semanal também. Barks também. Não citamos nada disso aqui porque não há informação nova em relação a eles que já não havíamos abordado no post do final de fevereiro.

    Jefferson, você diz "espero q comecem a se preocupar tb com a DISTRIBUIÇÃO, q impede q muitos gibis cheguem às bancas de muitos lugares": isso acontece com qualquer revista, não? Não se encontra toda a linha Marvel ou DC na maioria absoluta (aposto dizer) das bancas da cidade de São Paulo (por exemplo). Porque para isso a tiragem teria que ser astronômica.

    Mas cito um caso real: dia desses o jornaleiro da minha rua exibiu-me uns 4 exemplares de Walking Dead mensal e disse-me que não sabia que aquela revista estava saindo. Mas passara a recebê-la porque um cliente seu pediu e ele ligou para a distribuidora. Então vai muito também do cliente pedir e do jornaleiro ir atrás. Numa banca normal nem cabem todas as revistas publicadas no Brasil.

    Abs.
    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  5. A família Disney está crescendo nas bancas, e ficando mais eficiente, a meu ver.

    Saem fininhos e alguns repetecos, a entram mais hqs inéditas em gibis encorpados: Temáticos, Big, Jumbo e Mega, e focados nas grandes praças de consumo.

    A volta da distribuição nacional é essencial, e começar pelas mensais é uma boa, pois são os pilares das publicações Disney.

    Agora com a consolidação desta estratégia, resta otimizar os pacotes de assinaturas, incluindo "todos" estes títulos em pacotes opcionais, suprindo as falhas na distribuição.

    Para finalizar: esqueçam o papel jornal, e deixem nossas hqs sempre branquinhas... Já sofremos muito com isto.



    ResponderExcluir
  6. CARACA! Que bizarríssimo a capa de Mickey de Maio! O_O

    É tão bizarra que não sei se é boa ou ruim. Quanto mais dizer se funciona ou não.

    É algo meio que inédito numa gibi não?

    Me lembrou "DON'T PANIC" (se não entendeu, fico triste por você) XD

    -------------

    Quanto as novidades (e os cancelamentos)... tudo OK. Como já disse previamente, fico triste pelo Almanaque do Peninha, que era excelente, fora isso, nada que eu vá realmente sentir falta.

    Agora se a Abril tivesse rebolado e feito um pacote de assinatura dos almanaques, talvez não tivesse que ter cancelado os semestrais...

    Agora os bimestrais poderia ser diluidos pra mensais... 2 por mês ao inves de 4 mes sim, mes não. Meu bolso agradeceria...

    ----------

    ResponderExcluir
  7. Ei! Essa não é a capa de Mickey de maio! O Planeta Gibi apagou a imagem porque ela estragaria a surpresa contida no final da parte 1, da edição anterior.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  8. Maravilha! Apesar de eu não sofrer tanto com a distribuição setorizada em Curitiba, essa foi a melhor notícia dos últimos tempos. Vamos ver se agora fica assim em definitivo e param de fazer experiências!!!
    Planeta Gibi: tem um erro na lista dos especiais, o 19 não seria "Velozes e dEsastrosos"?
    E das revistas canceladas, os extra e férias pra mim não faziam diferença. Os almanaques eram mais interessanets, mas são tantos que nunca dá pra comprar todos, muito menos encontrar tempo pra ler... De certa forma até não fiquei triste de ter diminuído a quantidade...

    ResponderExcluir
  9. Agora só falta uma coisa para os gibis Disney ficarem no ponto: VOLTAR A LOMBADA QUADRADA NO TIO PATINHAS!!! A Abril poderia aproveitar os 50 anos da revista e nos atender nesse pedido tão frequente!
    Se saíram fora alguns almanaques que tinham lombada quadrada, poderia voltar a ter no gibi do véio muquirana! Aumenta 1 real no preço e boa!!

    ResponderExcluir
  10. Luciano: mancada eliminada! Grato.

    E.Rodrigues

    ResponderExcluir
  11. Wow, deixa eu respirar um pouco!

    Quanta coisa boa.

    Os almanaques deviam atender um público fiel porém pequeno (acho que hoje em dia poucas pessoas sabem quem são Peninha, Prof Pardal e Companhia), portanto foi uma decisão estratégica, investir mais onde está rendendo usando o custo de onde não estava tendo um bom retorno.

    Especiais temáticos quinzenais foi uma sacada excelente, teremos 600 páginas de inéditas por mês além das cerca de 300 nas mensais (seriam mais mas Zé Carioca não é todo inédito).
    Com isso teremos absurdos 900 páginas inéditas por mês.

    Republicações acumularão, em média, 500 páginas por mês (300 da BIG bimestral, 500 da Jumbo quadrimestral, 800 da Mega anual e 320 dos 4 almanaques bimestrais).

    Olha que equilíbrio interessante, 900 de inéditas contra 500 de republicações!

    Claro que não levo em conta nenhum especial ou coleção que não foi anunciado, que pode pesar tanto pras inéditas quanto pras republicações, dependendo de como seja.

    Só falta realmente acertar os almanaques (Mickey e Zé em um mês e Donald e Patinhas no outro).

    E essa comemoração de 50 anos da Tio Patinhas tem que ser especial, a Mônica está fazendo um fuzuê danado e a Abril não pode ficar atrás, recebi esse mês uma Mônica toda especial, com histórias sobre o tema, a primeira história dela, revista com capa especial, mais páginas (acho que foi de 80 pra quase 100) e nem mudaram o preço.

    Ainda de quebra tem o fim da setorização pras mensais e almanaques, pra quem não conseguia comprar tudo, agora conseguirá (creio que os especiais não podem ser nacionais por serem muito maiores e mais caros, se não vender dará um prejuízo monstro pra editora, assim os outros estados recebem o encalhe. Já as mensais são baratinhas e devem ser venda certa).

    Parabéns Abril, parabéns Paulo Maffia, obrigado pelo respeito e por escutar os consumidores.
    Faremos a nossa parte, esgotaremos todas as publicações, se forem inéditas então, melhor ainda!

    Volta Almanaque Disney!

    ResponderExcluir
  12. Legal ter mais almanaques temáticos esse ano, e é uma pena o cancelamento dos almanaques semestrais... mas acho que não vendiam mesmo.

    Pena, pena mesmo, são as extras e férias terem sido canceladas. Falo isso n pq as adore, mas pq acho que se alguma criança ainda compra Disney, seriam essas revistas, fininhas e baratinhas. Quando vejo elas sendo canceladas, logicamente pq n devem vender, vejo o futuro (em relação à demanda) como preocupante... Crianças, LEIAM DISNEY!!!

    No mais, pena não sair mais republicações de sagas em jumbo... eu adorava

    ResponderExcluir
  13. adorei a volta da distribuição nacional aqui na minha cidade era um sacrilégio conseguir um mensal, a única coisa que as bancas mais grandes faziam eram colocar os gibis em pacotes de 2 por 1.

    para conseguir um mensal tinha que ir umas 20 vezes na banca para pedir al dono que conseguisse aquela edição.

    falando dos cancelamentos que a abril fez só liguei muito para o almanaque do peninha e os extras e férias, que eu gostava bastante por causa de hqs mais finas legais de ler. já os outros almanaque não ligue muito para os cancelamentos só mesmo do peninha que eu adorava por causa das historias muitos engraçadas.

    já sobre os especiais gostei muito da ideia da editora de colocar dois especiais por mês que vai ficar bem legal, só estou meio preocupada com o especial fundo do mar que por aqui não chegou ainda estou na espera.

    gostei das capas dos meses de
    abril que são muito interessantes por o caso de terem si dos publicados em topolinos.

    obr. Douglas

    ResponderExcluir
  14. Só espero que desta vez dê tudo certo.

    Fabiano Caldeira.

    ResponderExcluir
  15. Tem que relançar Zé Carioca 70 anos. E no Tipo Patinhas 50 anos, poderia vir de brinde a moedinha número 1, com fizeram há décadas. Eu já tenho a minha, hahaha

    ResponderExcluir
  16. realmente a Abril poderia pensar em dar algum brinde com a revista comemorativa do TP e também com outras como faz a topolino na Itália de vez em quando da brindes dos personagens, e antigamente a abril fazia isso, a moedinha nr 1 como citou o amigo Servilio, miniaturas dos personagens, e muitas outras, pensem nisso ai Maffia.

    ResponderExcluir

  17. Esse pessoal é muito ansioso! O Maffia já avisou que a coleção semanal ficará pro ano que vem, provavelmente acompanhando miniaturas Disney italianas. Eu não ligo muito pra isso, mas tem quem goste.

    A moedinha "número 1" que saiu no Tio Patinhas Especial de 1987 era uma fraude! Como a moeda que Tio Patinhas recebeu, quando criança, engraxando sapatos pode ter sua imagem adulta no lado "cara"?
    A "coroa" está correta, onde consta Uma Pataca, emitida pelo Banco de Patópolis. Apesar disso, muitos leitores até hoje guardam esse engodo como se fosse uma peça valiosa!

    ResponderExcluir
  18. Ops! Retificando: nem o verso da moeda de 1987 está correta porque junto à inscrição Banco de Patópolis está a imagem da Caixa Forte!

    Existe uma versão anterior da moeda (se não me engano, vinha de brinde com o Manual do Tio Patinhas) que não tem a imagem da Caixa, porém também tem a cara do Tio Patinhas.

    Veredicto: ambas são falsificações cunhadas no intuito de iludir os incautos.

    ResponderExcluir
  19. A moeda a que vc se refere (de 1987) mereceu este post:
    http://www.planetagibi.net/2010/02/numero-1.html

    ResponderExcluir
  20. ...e a do Manual (com certificado original e tudo) está no post da entrevista do Júlio de Andrade (imperdível, aliás):

    http://www.planetagibi.net/2011/03/julio-de-andrade-filho-entrevista-parte_1677.html

    ResponderExcluir
  21. Puxa, quanta notícia boa...agora, faço côro ao Luciano: A Abril tem que parar de ser tão pão-dura e colocar lombada quadrada no gibi do velho pato!

    ResponderExcluir
  22. Sem querer discordar com os amigos, mas lombada quadrada em TP poderá ser um desastre. Vide os almanaques: folhas enrugadas, estalando, mal-cuidado na distribuição e bancas! Além disso, com o passar dos anos, as folhas podem se soltar. Quem tem gibis do TP ou AD das décadas de 80 e 90 deve saber q essas lombadas perdem a cola e começam a se desmontar! Ainda prefiro o velho grampo enferrujado do q uma lombada quadrada mal-feita!

    ResponderExcluir
  23. Jefferson.

    Acho que você generalizou num ponto, em minha opinião.

    Possuo particularmente todas as edições do Tio Patinhas (todos com lombadas perfeitas) e também, como você sabe, vendemos na loja, e é raro aparecer Tios das décadas de 80 descolando.

    Já vi alguns soltando páginas, mas geralmente porque estão em estado deplorável.
    Da da década de 90 nunca vi nenhum descolando.

    Mas os Tios entre os #401 e 457 são enrugadinhos na parte px a lombada, enfim, quem tem sabe.
    Como também sabe que também são raríssimos devido a tiragens menores.

    Veja o caso de Disney Big, Mega, Jumbo e Almanaques, as lombadas são bem firmes e perfeitas.
    Então se Tio fizesse parte do time a lombada certamente teria a mesma qualidade.

    Abs

    ResponderExcluir
  24. Agora fiquei em dúvida! Havia entendido que o Disney Temático era na verdade o "Walt Disney Apresenta" que por razões de distribuição em banca não pode ter um nome fixo.
    Assim a sua "primeira edição" seria a História de Patópolis.
    No entanto agora se apresenta como a edição referente ao Duck Tales (??). Neste caso não deveria ser considerada as edições do Donald Duplo, Epic Mickey (esta apesar do formato) ou as do futebol na época da Copa América??

    ResponderExcluir
  25. Essa iniciativa foi do Planeta Gibi, para facilitar a referência aos volumes avulsos. Sepultada a ideia de oficialmente chamar a série de WDA, incluímos todos os volumes temáticos avulsos antes lançados (e eles começaram com DuckTales). Epic Mickey, além, do formato, consideramos um especial avulso e que foge muito do modelo das edições temáticas. Já as minisséries, como Disney Gol e DonaldDuplo, têm nome oficial e sequência numérica: não há porquê colocá-las aqui.

    Abs.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  26. Bem, como eu disse: "as folhas 'podem' se soltar". Talvez eu tenha me expressado de forma generalizada mesmo, mas é q infelizmente, muitos TP, EE ou AD q tive no passado, foram para o lixo por esse motivo! No entanto, é claro q ainda tenho edições inteiras dessas revistas, incluindo um TP 03 e 06 q nem da minha época eram! Mas considero a lombada quadrada um risco.. mesmo q não solte as páginas, ela tb pode se "quebrar" internamente, ficando parte das páginas coladas à esquerda e parte colada à direita, se é q me entende... Devemos considerar q na época eu era criança e tinha menos cuidado q hoje, mas tb devemos considerar q muitas crianças de hoje tb colecionam os gibis, por isso, uma boa atenção à durabilidade das lombadas é importante! Não gosto da lombada quadrada com folhas enrugadas q vejo nos almanaques, por isso, eu disse: "lombada quadrada em TP 'poderá' ser um desastre". E acho q a qualidade não seria a mesma de Big, Mega ou Jumbo, mas dos almanaques! Enfim, um ponto de discussão q vale para a Abril se preocupar; afinal, se o 'consumidor' está preocupado, o normal é q o 'fornecedor' tb se preocupe!!! ;)

    ResponderExcluir
  27. Entendo, Jefferson.

    Mas, pela minha experiência em contato com o público que curte quadrinhos, me chamou a atenção o fato de você 'não curtir' lombada quadrada.

    Aliás, eu nunca tinha visto alguém que não gostasse nem desejasse a volta, você é o primeiro.

    Mas, gosto é gosto.

    Abs

    Rivaldo

    ResponderExcluir
  28. Só vejo benefícios na lombada quadrada.

    QUADRADA: você organiza melhor sua coleção, muitas vezes você vai à estante pra confirmar se tem um determinado número sem precisar sequer mexer nele.
    Se for um especial sem número a facilidade é a mesma, pois o nome vai estar na lombada.
    GRAMPOS: (?) Impossível fazer isso sem precisar mexer neles.

    QUADRADA: visualização agradável

    GRAMPO: enferrujam dependendo do tipo de metal ou onde vc guarda os gibis

    GRAMPO: o colecionador precisa ficar virando as revistas de ponta cabeça para deixa-las retas, ou ficam sempre escorregando.

    GRAMPO: Se por azar ou na hora da pressa ou alguém colocar um gibi de lombada ‘canoa’ fora do lugar, você tem que tirar todos e literalmente procura-lo.

    Sobre lombada quadrada se quebrar, só se acontecer um acidente tipo algo cair em cima ou o gibi passar por muitas mãos-muito-descuidadosas, ou alguém dobrá-lo ao meio.
    Não é normal, do nada, um gibi de lombada quadrada se quebrar.

    abs

    Rivaldo

    ResponderExcluir
  29. Legal o comentário dos 'benefícios da lombada quadrada1, gostei!!! Realmente, são muitos os benefícios da lombada quadrada no quesito organização, mas infelizmente, o meu espaço só me permite que eu amontoe as revitas uma por cima da outra (virando as resvistas de ponta cabeça conforme citado, rs)... Quem me dera ter espaço para colocar as revistas uma ao lado da outra, numa extensa prateleira, como vejo em algumas fotos; muito legal mesmo! Mas enfim, a minha bronca em particular, não é com a lombada quadrada em si, mas com as lombadas quadradas da Abril! Folhas enrugadas, estalando, com "buracos" internos q as vezes até nos impede de abrir o gibi direito, simplesmente me impedem de comprar o material! Nem colecionei CLD por isso! Já se fosse como as lombadas quadradas da Panini (linha vertigo ou almanaques do Astronauta ou Piteco&Horacio, p exemplo, q coleciono)... pô, aquilo é lombada quadrada... os gibis abrem macio, macio, sem nenhum incômodo ao leitor! Estou abrindo aqui agora, o Alman. do Pluto e as folhas são enrugadas e estalam, Epic Mickey 2 então, o q q é isso... tem até pequenos buracos rasgados nas páginas coladas (na lombada interna; infelizmente não vi isso na hora da compra). Mal consigo abrir o gibi, encadernação da pior qualidade... por isso, temo por TP; 'possívelmente' a lombada vai ser igual à dos almanaques! Agora vamos pegar aqui o meu 100 Balas da Panini, meu J. Kendall da Mythos ou até mesmo o meu PTT Faz História, q inclusive é da Abril... cara, isso é um espetáculo de encadernação, isso sim é lombada quadrada "confortável para abertura do gibi e uma boa leitura sem folhas estalando ou apertando o gibi com os dedos, externamente, para tentar diminuir os buracos ou rugas internas a cada folheada"! Só pra completar, vou repetir algo q já disse antes: a lombada quadrada de O País dos Metralhas ficou perfeita; o gibi abre macio, macio... E é esse tipo de lombada q desejo ver nos gibis de linha da Abril (quem sabe daqui pra frente, se todas as gráficas da Abril aprenderem com o gibi dos Metralhas)! ;)

    ResponderExcluir
  30. A questão da encadernação não é da Abril ou da Panini, e sim das gráficas que fazem o serviço.

    Há almanaques da turma da Mônica que tem a lombada toda enrugada. Coleção História Pelezinho #2 está com encadernação lastimável. O primeiro Disney Big era uma tragédia. E por aí vai.

    ResponderExcluir
  31. Concordo PG! Mas quem contrata e paga pelos serviços das gráficas?! E de quem são os consumidores finais?! Enfim, ambos sabemos que a Abril (ou as gráficas da Abril) ainda tem muito a melhorar no serviço gráfico e ao leitor só cabem duas opções: reclamar quando necessário ou fingir q está bom! Tem empresa q se preocupa com a reclamação do cliente e corre atras, pq a reclamação é um ponto importante para a melhoria de um serviço ou produto. Para se ter ideia, tem empresas q dão tanta importância às reclamações de seus clientes, que elas tem até um SAC para isso! São empresas q estão sempre em busca da 'excelência na qualidade', nunca satisfeitas em se acomodarem nesse mercado capitalista "selvagem" , e é isso q espero da Abril quando reclamo! Se não fosse pelas reclamações dos leitores (pq descasquei a banana em cima da Abril pela encadernação de CLD, q nem comprei por causa disso), talvez não teríamos melhorias nas lombadas quadradas das coleções semanais que saíram posteriormente (inclusive, perfeitas) ou no especial dos Metralhas! Sei q sou um consumidor chato q as vezes faz comentários chatos (mas não deixo de elogiar também), mas é isso, estou mais preocupado com os leitores (me incluindo nessa) do q com a editora. Por consequência, o sucesso da editora depende dos leitores. Leitores satisfeitos = Sucesso nas vendas = Prosperidade! Abç!

    ResponderExcluir
  32. Eu gosto das quadradas principalmente pela organização. Fica fácil localicar um título na estante.

    Mesmo quando somente uma da linha é quadrada já ajuda, por exemplo a da Mônica é quadrada, logo depois dela ficam outras 5 revistas que são da mesma numeração que ela (se quero por exemplo Cebolinha 71 é só encontrar a Mônica 71 e ela será uma das próximas 5, como eu guardo essas 5 sempre na mesma ordem então ela será facilmente localizada).
    Agora com Disney não tem como, é na tentativa e erro.

    ResponderExcluir
  33. Epa! Em nenhum momento quis dizer que não se deve apontar os defeitos.

    Muito ao contrário: reclamações causam sim efeito nas editoras e elas correm atrás (inclusive processando gráficas, como já vi acontecer — o que não vai acontecer é a lavagem de roupa em público; a editora não vai dizer que "a gráfica fez um serviço porco e a estamos acionando judicialmente por isso" porque dizer isso publicamente é horroroso — na minha modestíssima opinião, claro).

    Eu citei os problemas que as outras editoras também encontram com suas gráficas porque senão fica parecendo que as outras não têm problema nenhum com seus fornecedores — e isso está muito longe da verdade (olha a dificuldade pela qual a Mythos está passando para por suas publicações nas bancas).

    Sds.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  34. Então chegamos num acordo PG, rs! O dia q eu parar de reclamar com ou da(s) editora(s) - sem esquecer q tb as elogio qdo necessário - então de duas uma: ou morri ou me cansei de reclamar e deixei de comprar! R$ 350 brutos foi o q gastei com a Abril em 2012 (76 quadrinhos Disney); pode não parecer muito, mas considerando q parei de comprar quadrinhos Disney nos anos 90 e só voltei há dois anos, a editora perdeu bastante nesse hiato! Um detalhe é q na época o consumidor não era tão chato quanto hoje, mas quando a qualidade começou a cair, ao invés de reclamarmos, nós "ex" leitores, simplesmente deixamos de comprar e não é o q desejo de momento (quem conhece a história dos quadrinhos Disney no Brasil, sabe q em décadas passadas, tínhamos uma tonelada de lançamentos e d repente, ficamos (não eu) limitados a "meia-dúzia" de títulos, só voltando o aumento no número de lançamentos há cerca de dois/ três anos atrás quando as vendas finalmente voltaram a crescer), e q coincidentemente ou não, foi na mesma época em q me vi atraído a colecionar quadrinhos Disney novamente. Por isso prezo pela qualidade (seja gráfica, de distribuição ou de seleção de histórias e títulos), para que essa não seja apenas uma "boa 'FASE'", abç!! :)

    ResponderExcluir
  35. Os bebefícios da lombada quadrada.... excelente!
    Adorei!


    Fabiano Caldeira.

    ResponderExcluir
  36. a ultima Big que comprei veio com diversas paginas desfocadas, mal impressas, desbotadas, mal colocadas, e a encadernação ruim, estalando para abrir e ler e tendo que abrir ao maximo para poder ler, ocasionando brechas nas paginas, isso é ruim pois afinal pagamos e pagamos "bem" por ela, pois são republicações, e deveria ter um controle melhor de qualidade, assim fica dificil, não foi a primeira que peguei assim, ta virando uma rotina, os especiais tem uma melhor qualidade, ai Paulo Maffia, fica aqui esta reclamação pra você ver ai com a editora um melhor controle de qualidade, senão fica dificl pagar 13 reais por algo com pouca qualidade e uma série de imperfeições, e vale novamente uma ressalva quanto as grandes "Big" "Jumbo" "Mega" e especiais, se poderiam vir plastificadas, pois ta dificil achar as mesmas com capas boas, chega tudo arrebentado nas bancas capas dobradas, riscadas, etc, acho que esses especiais nao precisa ser aberto ja que quem vai comprar ja tem uma noção do conteudo e quem paga por isso são colecionadores que querem algo em perfeitas condições e bom, portanto pensem em plastificar as mesmas para uma melhor proteção.

    ResponderExcluir
  37. Pessoal, valeu pelos toques, vamos cobrar do nosso departamento gráfico uma melhora na qualidade dos produtos. Por favor, continuem se manifestando se acontecer qual que duvida ou reclamação. Obrigado e valeu pela ajuda!
    Maffia

    ResponderExcluir
  38. Agora venho aqui pra fazer um elogio,ontem comprei minha MEGA na Livraria Saraiva em Ribeirão Preto, a encadernação desta estava primorosa, todas as paginas perfeitas, a capa perfeitinha, a seleção de histórias fantastica e abrindo macio macio pra leitura, sem precisar abrir muito, enfim perfeitissimo, então vejo assim que quando querem fazem algo perfeito, e não era só a que comprei estava assim, todas as outras 9 que vi por lá, adorei mesmo qualidade excepcional, agora vale um elogio a grafica.

    ResponderExcluir
  39. Depois de tantas discussões entre a lobada quadrada e canoa (grampo), tenho que registrar aqui um fato. Tenho um colega colecionador que só compra gibis grampeados, em geral Marvel e DC. Pode acreditar, ele deixou de colecionar a Liga da Justiça a partir do momento em que passou de grampo a colado (muito antes da fase Novos 52), e olha que era um dos títulos preferidos dele. Até hoje pergunto por que? Ele diz que não gosta. É, fazer o quê, é cada doido com sua mania.

    ResponderExcluir
  40. Era pra pelo menos disney big ser distribuição nacional,pois aqui em PE não chegou mais.

    ResponderExcluir
  41. E para não dizerem q só leitores chatos como eu reclamam das lombadas quadradas da Abril, 'especialistas' também reclamam. Está na MSH 40 desse mês (sobre o especial do Super Pato): "O plano da Ed. Abril é publicar muitas outras (hqs do personagem), o que é ótimo. Mas tomara que a encadernação, o único ponto fraco do gibi, seja melhor.

    ResponderExcluir
  42. Jefferson

    Eu ainda não li a Mundo dos Super Heróis deste mês.
    Mas ficarei bem impressionado se vir 'especialistas' reclamando de lombadas.

    Você não gosta de lombada. é diferente!

    Ou estou enganado, ou os 'especialistas' estão reclamando de má encadernação, colagem, etc, em algumas lombadas.
    Não da lombada em si.

    ResponderExcluir
  43. Em julho só vai ter um especial, o dos faraós?
    Vai sair alguma outra coisa junto que foi motivo de só ter um especial no mês?

    ResponderExcluir
  44. Rivaldo, já justifiquei em comentario anterior q o q me incomoda não é a lombada quadrada em si! Nada contra se bem feita. As lombadas quadradas da linha Vertigo da Panini, p exemplo, são perfeitas! Dos meus almanaques do Astronauta, Pateta Faz História, Essencial Disney e J. Kendall tambem, e não vou nem citar os quadrinhos formato livro com lombada costurada, pq seria covardia tal comparação. O q não gosto é justamente de lombadas quadradas mal feitas, chegando aí ao mesmo ponto que você, porque lombadas quadradas mal feitas resultam em má encadernação, má colagem, folhas enrugadas estalando e buracos internos q mal nos permite abrir o gibi pra ler, e no pior dos casos, folhas soltando, como aconteceu com a primeira edição de Os Mortos-Vivos da HQM que comprei! Quando reclamo da lombada, deve ficar bem claro q me refiro à encadernação, assim como a revista citou! Se a lombada quadrada de Super Pato estivesse bem feita, eles não teriam reclamado da encadernação!! É algo tão simples de se entender... Acho q isso já tinha ficado bem entendido, não?! Só repetindo o meu primeiro comentário (antes mesmo de vc citar os beneficios da lombada): "Ainda prefiro o velho grampo enferrujado do q uma lombada quadrada MAL-FEITA!" E é o que acontece com a maioria das publicações com lombadas quadradas da Abril, seja Disney, DC ou mangá (já vi fãs dos três grupos reclamando da encadernação de tais gibis); quanto a isso, não há como negar! Mas td bem, o Paulo Maffia acima, já se preocupou e se prontificou em pedir melhorias gráficas! E pode ficar tranquilo, não postarei mais reclamações contra a Abril aqui, pq vi q o PG se incomoda bastante quando falamos algo contra essa editora (por motivos óbvios, é claro), inclusive citando q outras editoras tb não são perfeitas, o q não tem nada a ver com o assunto aqui! Td o q se fala aqui q maldiga a Abril, vcs fazem questão de rebater e essa discussão já se estendeu demais por causa da implicância de vocês! Como já comprei algumas vezes do PG e me considero cliente, acho q vcs deveriam se preocupar mais em defender o pão-de-cada-dia de vcs ao invés de ficar se condoendo pela Abril e implicando com o leitor! Se o cliente não está totalmente satisfeito pelo que está comprando, não reclama sem razão! E na pior das hipóteses, farei como disse já ter feito na década de 90, paro de comprar! Outra coisa, se algum dia alguém comprar um gibi do PG e vcs mandarem um mal-encadernado com as folhas soltando, o cliente não vai reclamar para a editora ou ex-dono do gibi (se usado), vai reclamar para vcs! Então é melhor que comecem a se preocupar com isso também! Abç!!!

    ResponderExcluir
  45. Jefferson.

    Eu também prefiro grampo a uma lombada mal-feita, se for o caso.
    Para finalizarmos: mesmo que você prefira lombada de grampo de um forma geral, eu respeito.
    É um gosto teu.
    Abs

    ResponderExcluir
  46. Só haverá 2 especiais por mês nos meses de abril a junho. Depois volta a ser mensal.
    Abs.
    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  47. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  48. Eu odeio lombada quadrada, porque descola. Também odeio lombada canoa com grampo, porque enferruja.

    Por que nenhuma editora, até hoje, teve a idéia de publicar quadrinhos em rolo, como a Torá? Quando veremos finalmente as empresas considerarem as necessidades dos consumidores?

    Somos obrigados a consumir quadrinhos no formato que as editoras querem nos impor. Basta de tanta arrogância e desrespeito!

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.