' '

17 de jan de 2013

Quadrinhos em 2013

O Planeta Gibi compila aqui as principais informações de lançamentos de quadrinhos para 2013 ventiladas pelas editoras. De comemorativos da Turma da Mônica (Panini) à imprevisível adaptação para o mangá do Manifesto Comunista (isso mesmo, de Marx e Engels, via L&PM), tem de tudo. Os lançamentos Disney, já divulgados neste espaço, resumimos a um link — da Abril, aliás, deve sair em breve o gibi do vencedor do 2º PAP, MENINOS & DRAGÕES. Balão Editorial, Devir, HQM, JBC, Nemo, New Pop, Quadrinhos na Cia., Marvel e DC (via Panini)... tudo a seguir. ATUALIZADO: mais quadrinhos pela L&PM no 1º semestre.   

ABRIL
MENINOS & DRAGÕES — de Lucio Luiz e Flavio Soares; vencedor do 2º Prêmio Abril de Personagens; revista periódica, a partir do 1º trimestre
Quadrinhos Disney: leia aqui (mas o leitor Disney pode esperar também por títulos que ainda não foram divulgados)


BALÃO EDITORIAL
POBRE MARINHEIRO — de Sammy Harkham, baseada no conto En Mer, de Guy de Maupassant (inicialmente prometida para janeiro)


DEVIR
DOM CASMURRO — de Felipe Greco (roteiro, baseado na obra de Machado de Assis) e Mario Cau (desenhos); em janeiro
THE BOYS VOL. 3 e 4 — via Dynamite
SIN CITY VOL. 2 a 7 — reedição; via Dark Horse
WILL EISNER: NARRATIVAS GRÁFICAS — reedição
WILL EISNER: O ÚLTIMO DIA NO VIETNà— reedição
WILL EISNER: O NOME DO JOGO — reedição
WILL EISNER: ANATOMIA EXPRESSIVA — obra póstuma
EISNER/MILLER — via Dark Horse
CONTOS TRISTES — álbum nacional
TARZAN VOL. 3 — de Joe Kubert, via Dark Horse
DREADSTAR: O PREÇO — via Dynamite
DOG MENDONÇA E PIZZABOY — HQ portuguesa
BRASIL 1500 VOL. 3 — álbum nacional
BRASIL 1500 COMPLETO — álbum nacional
O MARTELO DOS DEUSES — via IDW
ZÉ GATÃO: ETERNIDADE — álbum nacional
STAR TREK: RAÇAS ALIENÍGENAS VOL. 2 — via IDW
ERIKA CREEP — álbum nacional
NÍQUEL NÁUSEA — compilação de Fernando Gonsales
SUPERPOWERS VOL. 2 — via Dynamite


HQM
OS MORTOS-VIVOS VOL. 11 a 14
INVENCÍVEL VOL. 5
ESTRANHOS NO PARAÍSO VOL. 3
SPAWN VOL. 2 e 3: ENDGAME
O PRÍNCIPE DO BEST SELLER — do Futago Studio, dando continuidade ao mangá lançado em 2010
VITRAL — idem
ZOO VOL. 3 — de Nestablo Ramos (2º semestre)
DAVE STEVENS' ROCKETEER THE COMPLETE ADVENTURES
ROCKETEER ADVENTURES
HAUNT VOL. 1
RACHEL RISING VOL. 1
(Os lançamentos desta editora foram divulgados pelo blog Papo de Quadrinho)


JBC
MIRAI NIKKI: DIÁRIO DO FUTURO — no checklist de janeiro
BURN-UP: EXCESS & W — idem




L&PM
SÉRIE MANGÁS: CLÁSSICOS DA LITERATURA — a partir de março, com Hamlet (baseado na obra de Shakespeare). Na sequência, ainda no 1º semestre, virão A Arte da GuerraO Contrato Social Assim Falou Zaratustra. Em seguida, O Grande GatsbyA MetamorfoseManifesto do Partido ComunistaEm Busca do Tempo PerdidoOs Irmãos Karamazov e Ulisses

Outros lançamentos no 1º semestre:
NINGUÉM GOSTA DE MIM... — de Charles M. Schulz
TURMA DA MÔNICA 2: CHICO BENTO: HISTÓRIA DE PESCADOR — de Mauricio de Sousa (lançamento reprogramado para este ano)
HISTÓRIA DE O — de Guido Crepax
TURMA DA MÔNICA 3 — de Mauricio de Sousa
A INVENÇÃO DE MOREL — de Adolfo Bioy Casares & Jean-Pierre Mourey
É PARA ISSO QUE SERVEM OS AMIGOS — de Charles M. Schulz
BIDU — de Mauricio de Sousa
O SMURF SELVAGEM — de Peyo
FELICIDADE É... — de Charles M. Schulz

COLEÇÃO POCKET 64 PÁGINAS, no 1º semestre:
120 TIRINHAS DO SNOOPY — de Charles M. Schulz
120 TIRINHAS DO GARFIELD — de Jim Davis


NEMO
BOULE & BILL — mais quatro volumes, incluindo MEU MELHOR AMIGO (capa abaixo; 48 páginas, formato 20 x 27,3 cm, R$ 14,90, "em breve")
COLEÇÃO GEO VOL. 1: O APANHADOR DE NUVENS — de Béka e Marko (capa abaixo; 48 páginas, formato 20 x 27,3 cm, R$ 24,00, "em breve")
COLEÇÃO GEO VOL. 2 e 3
AS AVENTURAS DO CAPITÃO NEMO VOL. 1 E 2 — com desenhos de Will
FORÇA ANIMAL VOL. 2 e 3 — de Wellington Srbek (roteiro)
A LUTA CONTRA CANUDOS — de Daniel Esteves (roteiro), Jozz (desenhos) e Akira Sanoki (cores)
HAMLET DE WILLIAM SHAKESPEARE — de Wellington Srbek (roteiro adaptado) e Alex Shibao (arte)
COLEÇÃO WILLIAM SHAKESPEARE EM QUADRINHOS: REI LEAR — de Jozz (roteiro adaptado) e Octavio Cariello (desenhos)
COLEÇÃO MOEBIUS: O HOMEM DO CIGURI
COLEÇÃO MOEBIUS: CRÔNICAS METÁLICAS
COLEÇÃO MOEBIUS: CAOS
PETER PAN VOL. 1 a 3 — de Loisel 
BOLLAND STRIPS! — de Brian Bolland


NEW POP
HANSEL & GRETEL — de Douglas MCT, Rafu Bluebunny e Fred Hildebrand


PANINI: DC
RAPINA E COLUMBA, de Rob Liefeld — no checklist de janeiro
LEGIÃO DOS SUPER-HERÓIS — lançamento "em breve"; compila as sete primeiras edições originais da Legião nos Novos 52
JUSTIÇA — 2º semestre; em formatão similar ao de OS MAIORES SUPER-HERÓIS DO MUNDO
DC DELUXE: BATMAN VOL. 3: A MORTE DE BATMAN
SUPERMAN CRÔNICAS VOL. 3
BATMAN: ASILO ARKHAM — prometido há alguns meses, deve sair, finalmente, no 1º trimestre
UNIVERSO DC com Terra 2, Melhores do Mundo e Desafiadores do Desconhecido — a partir de fevereiro
O que Aconteceu ao Cavaleiro das Trevas, de Neil Gaiman
ORQUÍDEA NEGRA — EDIÇÃO DEFINITIVA — de Neil Gaiman e Dave McKean, sai no 1º trimestre (capa abaixo; capa dura, formato Panini, 180 páginas, R$ 24,90)


PANINI: MANGÁS
TORIKO — de Mitsutoshi Shimabukuro
KATEKYO HITMAN REBORN! — de Akira Amano
PSYCHIC DETECTIVE YAKUMO — 
de Suzuka Oda
TRIAGLE X — de Shouji Satou


PANINI: MARVEL
THOR POR ASGARD — lançamento "em breve"; capa dura, formato 18,5 x 27,5 cm, 164 páginas, R$ 48,00
X-MEN em dose dupla — em fevereiro, chegarão às bancas as edições #134 (com 154 páginas) e 134.1 (a Panini visa a acelerar a cronologia Marvel no Brasil e informa que essa operação envolverá outros títulos Marvel, com detalhes a divulgar)
DEMOLIDOR NOIR
HOMEM-ARANHA: A MORTE DE JEAN DEWOLFF

WOLVERINE: O MELHOR NO QUE FAZ
OS VINGADORES SOMBRIOS: REINADO SOMBRIO — encadernados de luxo
OS VINGADORES VERSUS X-MEN — minissérie



PANINI: MAURICIO DE SOUSA
CASCÃO 50 ANOS — março
MÔNICA 50 ANOS — maio
NEYMARZINHO — revista periódica
CHICO MOÇO — revista períodica
GRAPHIC MSP VOL. 2: TURMA DA MÔNICA — por Vitor & Lu Cafaggi
GRAPHIC MSP VOL. 3: CHICO BENTO — por Gustavo Duarte
GRAPHIC MSP VOL. 4: PITECO — por Shiko
(Em novembro, no FIQ, a MSP anunciará os quatro volumes seguintes de GRAPHIC MSP)


QUADRINHOS NA CIA.
SEGREDO DE FAMÍLIA — de Eric Heuvel, em fevereiro
LIXOS DA HISTÓRIA — de Angeli, em março
MANUAL DO MINOTAURO — de Laerte
TRANSUBSTANCIAÇÃO — de Lourenço Mutarelli
ARE YOU MY MOTHER? — de Alison Bechdel


Fontes, além da citada: divulgação das editoras, SaraivaWizmaniaVertigo e HQM


Por E. Rodrigues
Publicado originalmente em 16/jan/13






15 comentários:

  1. Chico Moço periódico será em paralelo com a turma jovem? Terá uma revista própria?

    E esse Neymarzinho vai substituir o Ronaldinho Gaúcho? Ou teremos 7 mensais?

    ResponderExcluir
  2. Bem, de primeiro momento, os únicos títulos que me empolgaram além dos já anunciados Graphic MSP, foram Rocketeer e Peter Pan de Loisel! Pelo visto, a Devir não dará continuidade à Courtney Crumrin q venho esperando há muito tempo e a Panini não lançará Mulher Maravilha Crônicas! Espero ainda, que a Mythos lance uma nova edição de Conan Cimério (mais duas e fecha a série)! Quanto aos Mortos-Vivos e Estranhos no Paraíso, duas ótimas séries, já no ano passado decidi não dar continuidade à minha coleção, visto o longo período que levaram para dar continuidade à série! Isso é de desanimar qualquer um! Da L&PM, esperava títulos "não-adaptados" para os mangás, mas um desses me interessou: Em Busca do Templo Perdido! Alguns dos títulos das editoras em geral, não conheço, só vendo para saber se me interessarão ou não! Novas edições de Níquel Náusea são sempre bem-vindas! Moebius é bom mas não entra na minha lista: muito caro!!!

    ResponderExcluir
  3. Agora o dilema: trocar ou não a brochura da Globo de Orquídea Negra pelo caprichado trabalho da Panini? A primeira versão capa dura esgotou há alguns anos!

    Uma grande notícia: finalmente, Transubstanciação à venda, em nova edição. Item raríssimo!

    E as novidades nem tão novas assim: o MSP editando vários álbuns para livrarias. Se não desse certo, ele a Panini insistiriam nisso?

    E enfim - até que "enfim" - a HQ de Brian Bolland por estas bandas, sem demora!

    ResponderExcluir
  4. Chico Moço tem título regular próprio anunciado. Neymariznho, idem. Não há informação sobre cancelamento de Ronaldinho (que, no entanto, sumiu de todos os pacotes de assinatura da Turma).

    Jefferson, essa lista é uma compilação do que já foi divulgado, mas tanto pode conter coisas que não acontecerão este ano (por motivos mil), como outras que estejam ainda em negociação ou cujo lançamento a editora considere estratégica a não divulgação por ora.

    No caso da Devir, vale lembrar que a editora havia anunciado a compra dos direitos de publicação da versão em quadrinhos do texto integral de Blade Runner (produzida para a Boom!). E isso até agora não aparece em sua lista de lançamentos.

    Mortos-Vivos: a HQM deu uma boa acelerada e até colocou um mensal nas bancas, com distribuição nacional pela Dinap. Desde 2011, vem lançando 3 encadernados por ano. Mantidos os 4 prometidos para 2013, no ano que vem já estaríamos alinhados com os EUA (o tempo passa rápido!). To apeciando muito esse trabalho — que traz a diversão extra de comparar a rama dos quadrinhos com a do seriado em exibição.

    Abs.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  5. É verdade, a HQM (sem dó do bolso do leitor), tem publicado várias edições a partir de 2011. Errei no ano, a minha decisão não veio do ano passado, mas após a edição 4. Eles lançaram as ed. 1 e 2 em 2006, a ed. 3 apenas em 2008, a ed. 4, um ano e meio depois, em 2009, retornando com a série de forma regular à partir de 2011. Bem, pra mim foi demais... e então, no intervalo de um ano e meio, entre 2011 e 2012, lançaram 6 edições de uma vez... legal, se não fosse pelo preço de cada edição: cerca de R$ 34. Talvez não para os outros leitores, mas para o meu bolso é muito! Aliás, a edição mensal ainda vai levar 5 anos para alcançar a atual edição encadernada da HQM ou 9 anos para alcançar a atual edição 108 da Image. Agora a dúvida: será q a HQM vai conseguir levar essa série mensal até o fim (ou até a encadernada)? Afinal, Robert Kirkman prevê o final da saga lá pela ed. 300 nos EUA, ou seja, se a série tiver pique e isso realmente acontecer, serão 25 anos para a HQM concluir a série mensal, e eu não sou tão otimista assim, não com a HQM. Uma pena q a série não seja publicada pela Panini, nos moldes e preços das séries Vertigo capa cartonada, seria bem mais rápida e barata!

    ResponderExcluir
  6. Jefferson, você havia perguntado dos demais títulos da L&PM. Pois a editora nos enviou a lista há pouco e já atualizamos o post. Confira aí.

    Abs.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  7. Legal, mais títulos interessantes! Tirinhas de humor e títulos europeus são sempre bem-vindos! E na série Mangás da L&PM, se alguém ainda não leu Solanin (em duas edições), super recomendo!!!

    ResponderExcluir
  8. A Abril vai lançar a revista do vencedor do 2º Prêmio Abril de Personagens... os 3 títulos da primeira edição do Prêmio Abril já foram pro vinagre há um bom tempo! Aliás, não fazem falta!

    ResponderExcluir
  9. "Aliás, não fazem falta!"

    Eu acompanhava Uffo e Garoto-Vivo. Achei uma pena o cancelamento repentino desses títulos nacionais.

    "Para mim", esses gibis fizeram falta.

    É difícil compreender como uma editora que maneja poucos títulos não consegue se organizar.

    ResponderExcluir
  10. As revistas foram canceladas porque não venderam o suficiente e não por falta de organização da editora.

    O que, pra mim, é óbvio é que não basta colocar revista na banca esperando que a molecada compre. Tem que ter marketing. E no caso dos quadrinhos infantis é mais ingrato porque onde está escrito "markenting" leia-se "desenho animado na TV".

    Vide Ben 10, pastiche mal feito de anime e sucesso total entre a criançada.

    ResponderExcluir
  11. E um adendo: esses quadrinhos fazem falta, sim. Para todos aqueles que querem ver a produção nacional prosperando, novos autores vivendo dos seus quadrinhos e editoras grandes fomentando autores e público.

    É triste ver sempre a mesma história. Uma revista infantil nova é lançada e logo mais cancelada. UFFO e Garoto Vivo tentaram fazer algo criativo e mais inteligente do que a Turma da Mônica faz atualmente mas toda a estrutura da Abril não adianta sem o velho marketing. Pras crianças não basta a revista se não houver o desenho e o boneco.

    ResponderExcluir
  12. "As revistas foram canceladas porque não venderam o suficiente e não por falta de organização da editora."

    Isso é meio conflitante. Será que não venderam bem justamente por falta de melhor organização da Editora, em especial quanto a melhor publicidade, como você mesmo disse? E há várias forma de divulgação eficiente além de desenho animado, creio.

    Tudo foi cancelado muito abruptamente, apenas no quarto número!

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Nenhum markenting funciona pra criança sem brinquedo ou desenho animado. Isso é primordial. Que personagens brasileiros - atuais - que elas gostam? Peixonauta, Princesas do Mar.

    Não é mais como na época em que a garotada ia na banca pra comprar quadrinhos independentemente do fato de ter desenho ou não. A HQ era o fundamental e o desenho animado era o complemento.

    Mônica sem animação (embora depois fizessem os longa-metragens) era sucesso tanto quanto Disney e Marvel, com atrações diárias na TV.

    Mesmo quando a televisão brasileira começou a passar os até então impensáveis desenhos do Pimentinha, Recruta Zero, Snoopy e Garfield, todo mundo já gostava por causa das revistas.

    O legal era justamente isso: a novidade de ver aqueles personagens já conhecidos em movimento, conhecer suas vozes, etc.

    Hoje em dia é o oposto. Convencer as crianças que aquilo que elas vêem em movimento também é legal de ver estático...

    ResponderExcluir
  15. Oi,você poderia me dar uma informação?Queria saber a diferença entra as revistas "Flash"(que eu coleciono)e "Flash Ponto de Ignição"?Desde já,obrigado! =)

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.