' '

2 de jan de 2013

Checklist janeiro 2013 — Mauricio de Sousa

O ano do cinquentenário de Mônica começa com ao menos dezenove títulos. Além das revistas mensais e dos almanaques bimestrais, haverá COLEÇÃO HISTÓRICA #33, ALMANAQUE BIDU & MINGAU #10, ALMANAQUE TEMÁTICO #25 e as edições em inglês e espanhol de TURMA DA MÔNICA JOVEM — o idioma espanhol, aliás, também será tema de SAIBA MAIS! em janeiro. O ano promete ainda a volta de TINA, a estreia de CHICO MOÇO e novas edições de GRAPHIC MSP. Na bienal do Rio, no segundo semestre, devemos esperar um lançamento comemorativo com a personagem carro-chefe de Mauricio.


• PANINI

MÔNICA #73
mensal, 80+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, edição 519, R$ 4,90

CEBOLINHA #73
mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, edição 487, R$ 3,50

CASCÃO #73
mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, edição 654, R$ 3,50

CHICO BENTO #73
mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, edição 654, R$ 3,50

MAGALI #73
mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, edição 474, R$ 3,50

RONALDINHO GAÚCHO #73
mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, R$ 3,50

TURMA DA MÔNICA #73
mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, R$ 3,50


MONICA'S GANG #38
mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, R$ 3,90

MÓNICA Y SU PANDILLA #38

mensal, 64+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, R$ 3,90

TURMA DA MÔNICA JOVEM #54
mensal, 128+4 páginas p&b, formato 16 x 21,3 cm, lombada quadrada, capa cartonada, R$ 7,50


MONICA TEEN #6
trimestral, 128+4 páginas p&b, formato 16 x 21,3 cm, lombada quadrada, capa cartonada, R$ 7,50 — não consta do checklist oficial

MÓNICA JOVEN #6
trimestral, 128+4 páginas p&b, formato 16 x 21,3 cm, lombada quadrada, capa cartonada, R$ 7,50 — não consta do checklist oficial

SAIBA MAIS! COM A TURMA DA MÔNICA #65: ESPANHOL
mensal, 32+4 páginas cor, formato 19 x 27,5 cm, R$ 5,70

ALMANAQUE DA MÔNICA #37
bimestral, 80+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, edição 185, R$ 4,90

ALMANAQUE DO CEBOLINHA #37
bimestral, 80+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, edição 141, R$ 4,90

ALMANAQUE DO CASCÃO #37
bimestral, 80+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, edição 145, R$ 4,90

ALMANAQUE BIDU & MINGAU #10
semestral, 72+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, R$ 3,80

ALMANAQUE TEMÁTICO #25 CHICO BENTO: ESCOLA
trimestral, 160+4 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, R$ 6,50

COLEÇÃO HISTÓRICA TURMA DA MÔNICA #33
bimestral, 224+20 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, R$ 19,90
Kit com caixa montável mais as cinco revistas edição #33 de: MÔNICA (jan/73), 64+4 páginas; CEBOLINHA (set/75), 64+4 páginas; CASCÃO (10/nov/83), 32+4 páginas; CHICO BENTO (17/nov/83), 32+4 páginas; MAGALI (set/90), 32+4 páginas.


Por E. Rodrigues

30 comentários:

  1. Deve sair ainda no primeiro semestre.

    ResponderExcluir
  2. Gostei da capa do Cebolinha...tomare que as HQs esteja mais caprichadas em 2013...ultimamente estão bem pobres e vazias(montagens de pc e traços fininhos,etc)! :p

    ResponderExcluir
  3. Lindas as capas, e também estou na espera de Chico Moço. E o gibi do Neymar? Parece que o projeto não decolou, ou ainda estão mesmo planejando para estourar na copa.

    ResponderExcluir
  4. Olha aí que belo serviço editorial da Dona Panini...

    Interessante o fato de uma revista do Cebolinha ter 64 páginas e custar R$ 3,50, enquanto a revista do Mickey na Abril ter 50 páginas e custa R$ 3,20. Trinta centavos que fazem uma diferença enorme!

    A Turma da Mônica tem muita coisa bacana e educativa em sua line-up, como as revistas em inglês e espanhol. Aproveitando o máximo o que esse universo de personagens pode apresentar e até mesmo tornando isso atrativo pro mercado externo.

    O almanaque temático com suas 160 páginas (de repetecos acredito) por R$ 7,50 também está longe de ser um preço ruim.

    Enfim, a MSP parece bem numa editora que entende de quadrinhos. Eu acho que nunca vi a linha Turma da Mônica com uma estrutura tão grande, abrangente, dinâmica como é atualmente em sua fase Panini.

    Quadrinhos nas mãos de quem entende é outra coisa, né?

    Enquanto isso os fãs Disney continuam naquela velha árvore oca e mofada, que leva anos pra cair na cabeça de alguém...

    ResponderExcluir
  5. Nossa!

    Este é um dos piores comentários disparados desde que conheço esse blog!!
    Por favor Thiago! Você é um puta cara inteligente, mas desqualificar e desrespeitar descaradamente o trabalho e os gibis da Abril puxando a brasa e o saco pros da Panini TM. É foda!

    Então não compra camarada.
    Fica com a Turma da Mônica então!!

    Fala sério meu!

    "lha aí que belo serviço editorial da Dona Panini..."
    POIS É: ATRASOS E MAIS ATRASOS E TROCENTOS TÍTULOS QUE ELES NEM PARECEM DAR CONTA.

    "Interessante o fato de uma revista do Cebolinha ter 64 páginas e custar R$ 3,50, enquanto a revista do Mickey na Abril ter 50 páginas e custa R$ 3,20. Trinta centavos que fazem uma diferença enorme!"
    POIS É: COM DESENHOS TÃO BONS NÉ...? E OS FUNDOS DOS QUADRINHOS, SÃO DEMIAS! ACHO QUE MEU FILHO DESENHA MELHOR.
    R$3,50 PELAS 64 PÁGINAS PRODUZIDAS POR ARTISTAS DA PROPRIA MSP ESTÃO DE BOM TAMANHO. A ABRIL COMPRA DE FORA E DEVE PAGAR BEM CARO, E PAGA TRADUTORES TAMBÉM, PENSO EU E DEVE TAMBÉM TER UMA TIRAM BEM MENOR QUE OS DA TM. TUDO CONTA.
    E TRINTAS CENTAVOS NEM MENDIGO QUER MAIS, SE VC DER 30 A UM ELE MANDA VC POR NAQUELE CANTO.

    "A Turma da Mônica tem muita coisa bacana e educativa em sua line-up, como as revistas em inglês e espanhol. Aproveitando o máximo o que esse universo de personagens pode apresentar e até mesmo tornando isso atrativo pro mercado externo."
    DE FATO A TURMA TEM COISAS EDUCATIVAS, E MUITA HQ QUE DÁ SONO ANTES D O FINAL.
    O MERCADO EXTERNO PENSO QUE SÓ INTERESA PRO BOL$O DA MSP.

    "O almanaque temático com suas 160 páginas (de repetecos acredito) por R$ 7,50 também está longe de ser um preço ruim."
    R$7,50 POR 160 PÁGINAS NÃO ESTÃO RUINS? AH E COMO MUITA COISA RECENTE SENDO REPUBLICADA. SABIA?
    ENTÃO 13,00 POR 300 PÁGINAS DE SELEÇÕES MATEMATICAMENTE FALANDO NÃO LHE PARECE MAIS BARATO?
    ME REFIRO A DISNEY BIG

    "Enfim, a MSP parece bem numa editora que entende de quadrinhos. Eu acho que nunca vi a linha Turma da Mônica com uma estrutura tão grande, abrangente, dinâmica como é atualmente em sua fase Panini."
    DE FATO A MSP É BEM ORGANIZADA, ESTÁ NAS REDES SOCIAS, O PRÓPRIO MAURICIO INTERAGE COM SEUS LEITORES, ENFIM.

    "Quadrinhos nas mãos de quem entende é outra coisa, né?
    Enquanto isso os fãs Disney continuam naquela velha árvore oca e mofada, que leva anos pra cair na cabeça de alguém..."
    NÃO ACHO QUE UMA EDITORA QUE TINHA QUATRO TÍTULOS EM CIRCULAÇÃO A CERCA DE CINCO ANOS E DEU A VOLTA POR CIMA SEJA OCA E MOFADA.
    PELO MENO NA MINHA OPINIÃO, QUE LEIO CADA PÁGINA DE QUADRINHOS QUE COMPRO. NUNCA ME DESLUMBRO POR CAPINHAS FEIAS OU BEM FEITAS.
    PARABENS ABRIL.
    TAMBÉM COLECIONO ALGUNS TÍTULOS DA MSP, MAS POR TRADIÇÃO

    ResponderExcluir
  6. Não acredito q existem pessoas q brigam por causa de editoras... Elas nem sabem q vcs existem. Eu só compro o q gosto e não fico puxando nem tirando o saco de ninguém :p

    ResponderExcluir
  7. "Nossa!" digo eu, quanto ódio partindo do amg Vinícius. Calma, cara, o Thiago apenas apontou as diferenças entre as editoras e quanto a Abril ainda pode melhorar para como está a sua concorrente Panini. Só não se pode dizer, afirmar categoricamente com tas as letras, por exemplo, que quadrinhos Disney seriam melhores na Panini. É a mesma coisa que dizer que o Brasil seria melhor se fosse colonizado pela Inglaterra. Quem garante que seria melhor? Ninguém tem bola de cristal. São apenas suposições, nada mais, nos comentários de um blog de quadrinhos. Só isso, gente :)

    ResponderExcluir
  8. Pois é Vinicius, como tu é bobão. Se morde por tão pouco.

    Como o Gabriel disse, apenas fiz uma leve comparação entre algumas diferenças físicas e mercadológicas entre as duas editoras.

    Não compro Turma da Mônica pelo simples fato de não gostar mais das HQs. Nada a ver com desenho, formato de revista ou preço. Mas uma coisa não tem nada a ver com a outra.

    Em nenhum momento eu levantei que o material Mônica é melhor que o material Disney. Como fã Disney não tem como falar isso.

    O que não significa que há elementos na Panini na forma como ela vende, edita e cria em sua front de mercado que são pra mim, incrivelmente melhores do que as decisões e forma como a editora da árvore oca faz.


    E como disse em outro post do Planeta Gibi, num debate com outra pessoa. Vai mesmo jogar essa carta batida de que "5 anos atrás era 4 revitas, veja como é hoje"... aff. Veja como era a Panini, JBC, Pixel e tantas outras editoras há 5 anos, e depois venha falar que só a Abril e Disney cresceu nesse meio tempo.

    O crescimento da linha Disney se deu por vários fatores, que inclusive beneficiaram outras editoras e não apenas e exclusivamente a Abril. Ela foi na onda, escutou leitores, mudou algumas coisas e se aproveitou da boa fase de mercado. Ao menos nissa ela não foi burra. Mas essa desculpa tá ficando cada dia mais mofada... ah se tá.

    Enfim, menos ódio. Não se morda por pouco. Ah menos que vc seja um agente infiltrado da editora, fazendo se passar por um fã ferrenho. Aí faz sentido tanto ódio contra a minha opinião.

    Valeu.

    ResponderExcluir
  9. "São apenas suposições, nada mais, nos comentários de um blog de quadrinhos. Só isso, gente :)"

    ^Concordo...são ideias construtivas e válidas futuramente...nada de mais! :)

    ResponderExcluir
  10. Veja, Thiago.

    Devo ter uns 15 ou 20 anos a mais que você, certamente você já deve ter visto alguma foto minha e nela eu tenho cara de bobão.
    Enfim, e quem tem ódio e costume semeá-lo e atacar sempre a Abril é vc.
    Basta ler seus posts e comentários internet afora.
    Claro, que precisa-se criticar pra melhorar, mas muita gente nunca sabe o que quer e nunca está satisfeito e você é um deles.
    É porrada em cima de porrada, nunca se ver elogio ao trabalho dos caras.

    Mas leitores chatos como vc é um problema deles, da Abril.

    ResponderExcluir
  11. não importa se eu reclamo mais do que elogio vinicius. ninguém está com um placar marcando quantos elogios e quantas criticas a editora está recebendo. não existe uma contagem de pontos positivos e negativos (a menos que vc esteja fazendo isso)

    uma boa empresa tem que saber ouvir reclamações, sejam elas leves ou pesadas. tem que saber lidar com a insatisfação de clientes. uma empresa que só sabe receber elogios não é uma boa empresa.

    elogios só é bom pra inflar egos. E ego é algo que a árvore não precisa pois já tem além da conta.

    além do que, minhas críticas não são infundadas e é exatamente por isso que elas incomondam muita gente. cutucar aonde dói, sabe?

    nunca vim aqui reclamar sem argumentar. reclamar por reclamar. eu aponto falhas e coisas que uma editora do porte da Abril poderia e deveria melhorar.


    qualidade gráfica, distribuição justa, melhor trabalho com marketing e logística e afins. São problemas reais, que se você não quer enxergar, isso é problema seu.


    não importa se a editora está jorrando revistas nas bancas (setorizadas), se quadriplicou a line-up. Nada disso importa se a qualidade de outros fatores não seguir a tendencia de mercado.

    não adianta revistas com seleções fenomenais impressas em papel porco, distribuido apenas a um grupo seleto e eletivo de bancas.

    e pra terminar, não sei qual é a sua idade e não sei se você realmente sabe a minha. mas vamos por os pontos nos i's então? Eu tenho 28 anos, casado, dono da minha própria casa, pai de primeira viagem com um filhinho de 4 meses (completando hoje) e colecionador disney desde mais ou menos 1995.

    Talvez você seja mais velho, tenha mais experiência, seja mais vivido, mas isso não me torna um moleque remelento troll de internet que não sabe argumentar ou debater. Alias, em casos como esses, talvez idade seja o que menos conte. então não fique achando que só porque é mais velho (ou não) pode dizer a minha pessoa o que devo ou não reclamar. estou no meu direito e o faço com argumentos e reflexões.

    se isso te incomoda, basta me ignorar. mas tirar esse direito meu você não irá tirar. então ou me ignore ou rebata meus argumentos (com educação e respeito) ou aceite que não sou parte do problema, sou um dos que aguardam que o problema seja solucionado.

    valeu.





    ResponderExcluir
  12. ah e pra dizer que não elogio (ou ao menos sou favorável a certas decisões da editora), vai lá na matéria de Epic Mickey 2 e veja que provavelmente serie um dos poucos que aprova a ideia do especial em formatinho.

    apesar de não concordar com a impressão em papel bunda.

    elogios passam batidos. ninguem quer saber deles. eu já elogiei muito a abril, mas o que as pessoas lembram melhor são as criticas, pois estas doem aonde tem que doer mesmo.

    você apenas enxerga o que quer enxegar. essa é a realidade da base grande de leitores de quadrinhos disney na internet.

    ResponderExcluir
  13. Eu discordo de boa parte dos comentários do Thiago na comparação que fez entre Abril e Panini

    1 - 64 pgs de cebolinha por 3,50 e 50 de MK por 3,2: Pois bem, 6 ou 8 pgs de cebolinha, por exemplo, são de propaganda/jogos, contra 2 de MK, normalmente.Então teriamos um preço de 6,25 cents por pg em cebolinha e 6,7 no Mickey, mas, como disse o amigo acima, n tem comparação... Peguei aqui por exemplo a cebolinha 54, e nas primeiras 32 pgs temos 108 quadros, ou seja, menos de 4 quadros por páginas... é Disney, qtos são??? 6, 8... Sem contar o tanto de Hq "repetida" que tem, principalmente aquelas que se perdem 4, 5 pgs pra contar uma história "sem palavra".

    2 - A TM precisou se consolidar e ter uma venda expressiva para publicar material em inglês e espanhol, que é apresentado tb no exterior. A abril n pode exportar suas revistas, e uma revista em inglês venderia qto??? 3.000 edições??? A 3 reais cada??? Qual o lucro que daria??? 1.000 reais??? Outra coisa, será que a abril poderia publicar HQs em outras linguas, HOJE EM DIA? Creio q n, com o material de fora.


    ResponderExcluir
  14. Concordo porém qdo o Thiago diz que "qualidade gráfica, distribuição justa, melhor trabalho com marketing e logística e afins" são problemas reais.

    E concordo tb qdo ele diz que "não adianta revistas com seleções fenomenais impressas em papel porco, distribuido apenas a um grupo seleto e eletivo de bancas." Como já disse milhares de vezes, se n quer mandar pra capital federal, mas só pro interior do Espirito santo (com todo respeito ao ES), que o faça, mas dê opções pra quem mora nessa cidadezinha de interior chamada Brasília comprar né...

    ResponderExcluir
  15. Tiago,

    seus comentários foram pertinentes. A Abril deveria aprender a vender quadrinhos com essa turma do MSP/Panini. Para nós, fãs da linha Disney, seria algo mais do que bem vindo.

    Sérgio,

    há uma opção, sim, para você comprar: o site da Abril, onde o frete por um formatinho custa até R$ 50,00, dependendo de onde você reside.

    ResponderExcluir
  16. Kleiton, deixa então eu repetir aqui, não sei se vc defendeu ou foi irônico (depende se quis escrever 5 ou 50 mesmo.... Como muitos amigos já mostraram e falaram, os fretes na loja abril estavam TODOS errados e demasiadamente altos... já postei um e-mail que falo com a Abril o seguinte:

    "Boa tarde

    Creio que há algum erro no cálculo do frete da loja Abril.

    Pus no carrinho agora 4 gibis Disney fininhos (32 pgs), 2 finos (50 pgs cada), 2 almanaques (80 pgs cada) e 1 disney horror (300 pgs) e o frete ficou em 121 reais, como podem ver no anexo.

    É erro, não é?

    Grato"

    A resposta deles foi:
    "Sergio,

    Esclarecemos que as entregas são efetuadas através de nossas transportadoras, ou através dos correios dependendo da região.

    O valor do frete é calculado de acordo com a região de entrega da compra e de acordo com o peso do produto.

    Continue contando conosco para qualquer esclarecimento.

    Atenciosamente,"

    ResponderExcluir
  17. Sério, não foi ironia, não... Já tentei comprar naquele "espaço".

    ResponderExcluir
  18. Ao Planeta Gibi:

    -O preço do Almanaque Temático continua R$ 6,50 (é o que consta no Mural oficial).
    -Está faltando Pelezinho para Colorir 3.
    -Já consta no checklist oficial Monica Teen e Joven, se estou certo

    Ass,: Lázaro V. S. Bonfim (estou usando a conta da minha avó, desculpe-me pelo incômodo).

    Até mais.

    ResponderExcluir
  19. Desculpe-me, mas o último tópico estava errado. Desculpe-me pelo transtorno. Tenho a intenção de ajudar o blog. Ah! Sugiro mais matérias interativas, tais como análises de revistas (e lembranças de HQs memoráveis), linha direta com Mauricio de Sousa, e matérias especiais, como a aparição da revista Turma da Mônica Jovem 52 na novela "Malhação" de hoje, com créditos também ao blog TMJ Mania, falando sobre outras aparições de revistas da Turma em novelas, etc.

    Até mais, assinado pelo mesmo autor do post acima.

    ResponderExcluir
  20. Lázaro, houve erro de digitação no preço do Almanaque Temático. Já corrigimos, obrigado.

    Quanto a Pelezinho Colorir, a publicação não tem quadrinhos, por isso não consta deste checklist.

    Abs.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  21. Será ainda este mês o lançamento do almanaque do bidu e do mingau #10?
    Tá sem a capa dele no checklist de janeiro

    ResponderExcluir
  22. Blog PG,
    Sugiro que coloquem Pelezinho para Colorir como "Publicações extras - além dos quadrinhos...". Afinal, não deixa de ser uma publicação, não é? O público infantil vai se interessar, e, consequentemente, seus responsáveis. Também gostaria que vocês fizessem uma coluna com os donos de banca, esclarecendo as principais dúvidas dos leitores. O que o PG acha de minha ideia?
    Ah! Eu sinto - literalmente - que a capa de Monica's Gang e Mónica y su Pandilla é diferente das outras. Tenho muito mais sugestões. Como posso enviar as minhas matérias que tenho em mente? Sugestões são bem-vindas?

    Até mais.
    Lázaro.

    ResponderExcluir
  23. Quanto às capas das revistas em inglês e espanhol, de que material é feito as capas dessas revistas?

    ResponderExcluir
  24. Lázaro, os checklists do Planeta Gibi só mostram publicações com quadrinhos. Há inúmeras publicações Disney, por exemplo, que não trazem HQs. Não temos interesse em divulgá-las.

    Quanto à capa que você pergunta, são de papel couché.

    Abs.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  25. Como o Sergio disse, no Cebolinha 54, há poucos quadros, mas você pegou a revista que PRECISA ter esse número de quadros. A Primeira história dessa edição é sobre o BBB do Limoeiro. Então, o tema tem que ser adequado ao número de quadros. Tirinhas de uma página, por exemplo, tem 8 quadros. Você já reparou que boa parte das HQ's do Zé Carioca são de três quadros por página?
    Não sei qual a diferença do número de quadros da página faz com o preço da revista. Disseram também que 8 páginas dos gibis MSP são de publicidade. Mas é lógico. É necessário isso, porque o público alvo são crianças. Já os da Disney, não possuem um público específico, normalmente é pra qualquer idade. Esse o motivo. Não concordo com os comentários do Vínicius. O Thiago tem total razão ao dizer que a Abril deixa a desejar em alguns pontos. Porque você não entra no Blog do Paulo Gibi e vê como está a revista das Aventuras do Super Pato? Hein?
    Deixo aqui a minha opinião sem total intuito de ofender alguém.

    ResponderExcluir
  26. O pacote da TM, pra quem faz assinatura nova no site, n tem mais ronaldinho, e sim pelezinho. Já era hora de tirar esse saco de revista.

    Na verdade, é forçar a barra, pq a revista Turma da Mônic que deveria estar nesse pacote.

    ResponderExcluir
  27. ...mesmo porque vem aí "Neymarzinho"...

    ResponderExcluir
  28. concordo com o Thiago, pra que uma revista com uma boa seleção de historias,com um papel que não presta. a capa por exemplo amassa com muita facilidade.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.