' '

25 de jul de 2012

DISNEY BIG #16 tem homenagem a Fellini e raridades

Fazendo par com o gibi do MICKEY de agosto, DISNEY BIG #16 traz a homenagem que os quadrinhos italianos haviam feito anteriormente a Fellini, em A Estrada da Vida. A edição abre com uma HQ dos mestres Guido Martina e Giovan Battista Carpi, Telepateta Telecinético, que havia saído por aqui antes somente em ALMANAQUE DISNEY #107, em 1980. Seguem-lhe dezesseis produções, assinadas por medalhões como Tony Strobl, Cavazzano, Ivan Saidenberg (recuperando uma gema de 1974), Massimo De Vita e muitos outros. Confira lista completa a seguir.


DISNEY BIG #16
Editora Abril — lançamento em 15/ago/12
bimestral, 308 páginas cor, formato 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, capa cartonada, R$ 13,00
distribuição setorizada

capa: Giorgio Cavazzano


Telepateta Telecinético
Roteiro: Guido Martina
Desenhos: Giovan Battista Carpi
Acidentalmente, Pateta ganha poderes telecinético, e é sequestrado por um dono de circo inescrupuloso.

Perigo no Gelo
Roteiro: Charlie Martin
Desenhos: José Colomer Fonts
Durante as férias em uma montanha congelada, Donald e sobrinhos descobrem uma civilização perdida.

Camelôs do Futuro
Desenhos: Paulo Renato da Costa Noely
Madame Min e Maga Patalójika recebem visita de pequena bruxa do futuro para estudar como eram as bruxas e os feitiços do passado.

O Mancha Cinzenta
Roteiro: Ivan Saidenberg
Desenhos: Sérgio Lima
O Mancha Negra tem que enfrentar a concorrência de um novo vilão na cidade; O Mancha Cinzenta .

Invasores do Espaço
Roteiro: Rudy Salvagnini
Desenhos: Lara Molinari
Pateta narra para o Mickey seu romance de ficção cientifica, onde ele luta contra uma invasão alienígena.

A Verdadeira Descoberta da América
Roteiro: Dick Kinney
Desenhos: Tony Strobl
Arte-Final: Steve Steere
Dona Ricarda conta para Huginho Zezinho e Luisinho como um antepassado seu, em 1492, ajudou a descobrir o Novo Mundo

O Último Faraó
Roteiro: Augusto Macchetto
Desenhos: Massimo De Vita
Indiana Pateta descobre um cetro magico que faz as gigantescas estátuas dos faraós ganhem vida!

O Tempotronic
Roteiro: Bruno Concina
Desenhos: Nicola Tosolini
Cansado de fazer rondas a noite debaixo de chuva, o Superpato pede para Prof. Pardal inventar um capa de chuva especial, é quando os problemas começam.

Mickey, O Inimigo Público No. 1
Roteiro: Stefan Petrucha
Desenhos: Cèsar Ferioli Pelaez
Mickey sofre de amnésia e pensa que é membro de uma perigosa quadrilha de ladrões de bancos.

O Tesouro dos Astecas
Roteiro: Vic Lockman
Desenhos: Tony Strobl
Donald e seus sobrinhos saem em busca um fabuloso tesouro perdido na terra dos Astecas!

O Caso da Estelonave
Desenhos: Cliff Voorhees
O Superpateta tem que investigar uma misteriosa onda de assaltos a bancos, feitos por uma gangue de robôs.

Um Milhão de Azares
Roteiro: Nino Russo
Desenhos: Alessia Martusciello
Quando Gastão tem uma repentina onda de azar, este acha que a culpa é do primo Donald.  

O Super-Herói
Desenhos: Tony Strobl
Donald tem que impedir que os Irmãos Metralha realizem um grande roubo durante um jantar em homenagem a um grande atleta de Patópolis.

O Pinguim do Papagaio
Roteiro: Arthur Faria Jr.
Desenhos: Roberto O. Fukue
Zé Carioca angaria fundos para poder enviar um pingüim perdido de volta ao polo sul.  

Terapia Rural
Roteiro: Charlie Martin
Desenhos: José Maria Millet Lopez
Donald tenta se recuperar do estresse de trabalhar para o Tio Patinhas, passando uma temporada no interior.

Mickey Apresenta A Estrada da Vida
Roteiro: Massimo Marconi
Desenhos: Giorgio Cavazzano
Uma HQ Disney mais do que especial, que presta um tributo carinhoso ao cineasta italiano, Federico Fellini

Os Veteranos do Klondike
Roteiro: Gabriella Damianovich
Desenhos: Alberto Lavoradori
Tio Patinhas volta à região do Klondike para auxiliar as filmagens, de um longa metragem sobre a sua participação quando jovem na busca do ouro.


>>> Compre esta e outras edições de DISNEY BIG aqui, no Planeta Gibi Comic Shop

DISNEY BIG foi lançado pela Editora Abril em dez/08. Meio desacreditado de início (era para ser uma edição única), o gibizão surpreendeu e passou a circular semestralmente. Em seguida, diminuiu a periodicidade para trimestral e, em 2011, para bimestral. Seleção impecável de HQs Disney, sempre com grandes mestres americanos, brasileiros e europeus. Seu sucesso gerou em 2012 os "filhotões" DISNEY JUMBO (com mais de 500 páginas) e MEGA DISNEY (mais de 800 — o maior gibi Disney do mundo).


Editor: Paulo Maffia
Indexação auxiliar: Inducks
Imagem da capa original: Inducks / Outducks



Por E. Rodrigues

20 comentários:

  1. Gostei muito dessa edição do Disney Big, mas gostaria de saber por que, que nessa e na edição passado do Disney Big não há histórias de Carl Barks e nem de Don Rosa?

    ResponderExcluir
  2. Ótima seleção...não vejo a hora de ler!:D

    ResponderExcluir
  3. Não sou muito chegado nos traços e histórias de Don Rosa e nem gostei da Saga do Tio Patinhas, por isso não faço questão das suas histórias, mas alguém sabe dizer se o artista continua produzindo histórias Disney?

    ResponderExcluir
  4. Don Rosa se aposentou da produção de histórias Disney. Consequência natural, uma vez que ele já matou o Tio Patinhas.

    ResponderExcluir
  5. Ruptured Duck

    Eu discordo que ele tenha matado Tio Patinhas!

    A ilustração já saiu em alguns países, mas é tida apenas como mera curiosidade.
    Segundo uma matéria de uma revista italiana a Disney nunca encomendou a morte de Tio Patinhas ao desenhista.

    Sou um grande fã do trabalho e do traço de Don Rosa, mas acho que existe um 'padrão' que deve ser respeitado.
    A Saga é seu melhor trabalho, seus roteiros com aventuras de Tio Patinhas em busca de tesouros são espetaculares.
    Mas...

    Ele colocou Peninha na Árvore dos Patos forçado por seu editor, não contente, colocou Zeca Pato como irmão do Peninha!

    Sabemos que Zeca Pato é primo de Donald sim, mas por parte de Douglas Mac Patinhas.

    http://www.planetagibi.net/2009/04/polemica-ilustracao-de-don-rosa.html

    ResponderExcluir
  6. Uma pena saber q ele se aposentou, embora não goste muito das suas histórias e desenhos, concordo q ele é um dos mestres Disney e respeito o gosto dos fãs (assim como não sou chegado nas hqs do Tony Strobl e do Bob Gregory, q muitos gostam)! Essa história da "morte do Tio Patinhas" me interessou, em q edição foi publicada pela Abril?

    ResponderExcluir
  7. Há um post dos primórdios do Planeta Gibi Blog que tratou disso:

    http://www.planetagibi.net/2009/04/polemica-ilustracao-de-don-rosa.html

    E.Rodrigues

    ResponderExcluir
  8. Opa, eu detesto o Strobl... hehehe... Já Don Rosa acho legal, embora não seja um super fã dele. Mas anos atrás entrei em contato com ele por e-mail e mandei um gibi via correio, o qual ele retornou autografado pra mim e foi muito simpático. Até tive o trabalho de passar pro inglês a edição do Canini de Mestres Disney e mandei pra ele como agradecimento. Então passei a admirar mais o trabalho do Don Rosa.
    Quanto à morte do Tio Patinhas, não existe uma HQ sobre isso, foi uma mera e única ilustração apenas. Algo totalmente sem importância, na minha opinião:
    http://www.planetagibi.net/2009/04/polemica-ilustracao-de-don-rosa.html

    ResponderExcluir
  9. Obrigado por elucidarem! Mudando de assunto, os checklists do Planeta Gibi estão ótimos!!! Os melhores checklists da internet (só falta um com mangás pra ficar completo)!

    ResponderExcluir
  10. Luciano, pode entrar em contato comigo? Meu e-mail: filipechamy@yahoo.com.br

    Vamos tirar o chapéu para a Abril numa coisa: homenagens a Fellini! Pegaram o gancho certinho: está tendo uma exposição bem comentada dele aqui em São Paulo! Maravilha!

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Eu não quis dizer que o homicídio do Tio Patinhas tinha sido oficial da Egmont. Don Rosa matou para ele mesmo!
    Foi só uma charge, uma piada cronológica, como eu até já tinha me referido no post original de 2009 (e parece que foi ontem!)

    Pois eu achei uma interpretação ousada e criativa, tamanha é a obsessão de Rosa em seguir fielmente o universo de Barks. Por isso que ele dá mancada como fez com o Peninha, que não participa desse universo. Rejeição que, da parte dele, é pura frescura. Ainda bem que o editor da Egmont mandou ele colocar o Peninha lá!

    Pior são algumas outras versões dessas charges tiradas do Der Hamburger Donaldist que estão cadastradas no Inducks, uma vez que não são material oficial da Disney.

    Quer dizer que eu posso fazer um fanzine xerocado, pedir pro Arthur Faria Lima cadastrar no Inducks e ficar com o nome pra posteridade!?

    ResponderExcluir
  13. Tinha me esquecido!

    As outras charges, a quem interessar possa:

    http://coa.inducks.org/subseries.php?c=Hey+Daisy+whatever+happened+to+Scrooge

    ResponderExcluir
  14. Luciano, só uma dúvida: o Rosa chegou a comentar algo sobre essa edição do Canini que você mandou para ele?

    Pergunto isso porque o Rosa parece só considerar o trabalho do Barks. Gostaria de saber a opinião do Rosa sobre um material tão diferente do produzido pelo "mestre" dele.

    ResponderExcluir
  15. Pessoal do PGblog sabes dizer se a maldita setorização dos gibis Disney acabou NOVAMENTE???:o

    Por aqui hoje chegou o AL. do PLUTO N°4!(estado da Bahia)!:D

    ResponderExcluir
  16. Xandro: não tenho a menor ideia. Se souber de algo, te falo.

    Rupture Duck: regozijo em lembrar que Peninha é verbete da Enciclopédia Oficial Disney; Rosa, não.

    Jefferson: muuuuuuuuuuuuuuuuuuito obrigado, mesmo. Você deve imaginar como isso funciona: trabalho braçal e de garimpagem aqui e ali.

    Quanto aos mangás, a editora JBC não demonstrou interesse nenhum em nos ajudar a divulgar o produto dela (e que nem vendemos em nossa loja), mesmo após insistente, improdutiva e inacreditável troca de emails.

    Quanto aos mangás da Editora Abril, a empresa ainda não pode se posicionar oficialmente sobre isso. Mas já nos colocamos à disposição para divulgar o produto, assim como fazemos para qualquer lançamento em quadrinhos de qualquer editora.

    Abs.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  17. Xandro, chegou junto daqui, mas pode ser uma falha da distribuidora também, já que, na minha região, por algumas vezes, comprei a edição mensal do mês seguinte, junto com a edição do mês vigente, rs! De qq forma, não estou sabendo sobre o fim da setorização! Deixo essa pro PG responder!

    ResponderExcluir
  18. Ricardo
    Não recebi nenhum retorno do Don Rosa sobre a revista do Canini. Mas meu objetivo foi exatamente esse: mandar pra ele algo muito diferente do trabalho de Barks e ainda por cima de um grande artista brasileiro que possivelmente ele nem tivesse ouvido falar... E também pegando um gancho no fato de que ele havia feito a história "Os três cavaleiros", onde o Zé Carioca aparecia.
    Se ele gostou ou não infelizmente fiquei sem saber. Ele chegou a mandar mais um e-mail perguntando algo que não recordo mais sobre algum gibi brasileiro com HQ dele, mas depois disso a conversa "morreu" e nunca mais tive nenhum contato com o mesmo...

    ResponderExcluir
  19. O Maffia me respondeu no face;

    "Continua, deve ter ocorrido algum erro"

    ^Poxá eu tava na esperança...kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  20. notaram que não colocaram mais historias do barks,sera que vão mesmo colocar a venda o melhor da disney novamente assim como eles falaram nas seções de cartas.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.