' '

29 de dez de 2011

SETE casos de capas inéditas

Por E. Rodrigues & Rivaldo Ribeiro

De vez em quando, por motivos diversos, acontece: a editora divulga uma capa que acaba sendo substituída ou que seria de uma revista jamais publicada. É nesse caso que se encaixa o ALMANAQUE CLÁSSICOS DO BUMERANGUE #7 (set/08). A Panini iniciara uma linha infantil em 2004, com personagens de HB, Warner, Cartoon e Turner. De todos, só restariam SCOOBY-DOO! e TOM & JERRY — por obrigação contratual, registre-se, e ainda assim aos trancos e barrancos em 2011 (SCOOBY-DOO! já tem sua volta garantida em fevereiro, com numeração reiniciada). 



A propaganda precisa sair, mas a capa ainda não está pronta. O que fazer senão apelar para uma arte prévia? Esta parece ter sido a ideia do calhau que anunciou o ALMANAQUE DO SUPERPATO #5 em out/87. A ausência de elementos gráficos e a utilização da ilustração ampliada de um quadrinho, pelo menos, levam a essa conclusão. Pois tal gibi chegaria às bancas com o alter ego de Donald em pose altiva e mais heróica (confira texto completo sobre isso aqui).



ZAGOR estreou na Editora Record seis anos após a Vecchi abandonar a publicação bonelliana e deixar uma aventura incompleta (algo que a nova casa, após assumir o título, consertaria em poucos meses). Pois o mesmo problema ocorreu na vez da Record cancelar o gibi do Espírito da Machadinha: ficamos com uma HQ inconclusa (e assim permaneceu por muitos anos, até a Mythos relançar o título) e uma curiosidade: ZAGOR #65 (out/95) nunca seria publicado pela Record, mas sua capa chegou a ser divulgada, como abaixo.



Quando o barco entornou para a Gemstone, diversas capas de suas futuras publicações, de encadernados a gibis mensais, já encontravam-se em pré-venda em livrarias virtuais americanas. Poucas seriam reaproveitadas depois pela BOOM! (como a capa de WALT DISNEY'S COMICS AND STORIES #700 da Gemstone, que virou a comemorativa dos 70 anos da publicação, na BOOM!). Mas coisas como DON ROSA LIBRARY e as edições de DISNEY TREASURES dedicadas aos aniversários de Donald e Mickey permaneceram engavetadas (veja todas aqui).



A REVISTA EM INGLÊS #13 PATO DONALD certamente constou por muito tempo da lista de muitos colecionadores, intrigados com a possível falha de distribuição e, mais ainda, com a coincidência de nenhum conhecido a possuir (quanto mais vê-la em sebos ou em bancas de usados). Claro, estávamos em 1990, 1991, e não se tinha uma Internet (e suas redes sociais) para compartilhar informações. De fato, tal edição nunca foi impressa, a despeito de sua capa ter sido divulgada em pelo menos um gibi da Abril. 



Mistério... Como a quadrinização de Carros foi parar na capa de AVENTURAS DISNEY #12? Numa propaganda de revistas da Abril dedicadas ao filme da Disney-Pixar, lá estava Relâmpago McQueen ocupando a capa da revista (o mesmo anúncio seria republicado depois, corrigido, mostrando aquela HQ na capa de GRAPHIC NOVEL [DISNEY] #4. O suspense nem durou muito, pois foi só ventilarmos o assunto nas redes sociais, buscando um possível felizardo que possuísse a edição "alternativa", que Paulo Maffia (editor dos gibis Disney) informou tratar-se de um equívoco na montagem do calhau (veja aqui a capa final e os anúncios que geraram a confusão).



No início de 2009, a Abril anunciou um novo gibi mensal, GIBITECA DISNEY. A revista teria 308 páginas, metade de inéditas, metade de republicações. O esquema seria semelhante ao do bom e velho DISNEY ESPECIAL: edições temáticas. A de estreia seria sobre futebol, e logo viria, por exemplo, uma dedicada aos 50 anos do homem na Lua. Estávamos na fase em que havia apenas cinco mensais (AVENTURAS DISNEY ainda circularia por alguns meses) e a aposta parecia arriscada: uma quantidade de páginas nunca vista num gibi Disney mensal, uma proposta que falhara há não muito tempo (com NOVO DISNEY ESPECIAL) e a quantidade de inéditas que colocaria o preço de capa num patamar consideralmente acima, por exemplo, de um DISNEY BIG (cuja edição supostamente única havia sido lançada pouco mais de dois meses antes). E foi assim que, poucos dias antes de ir à gráfica, GIBITECA DISNEY foi engavetado. E foi assim que DISNEY BIG virou a aposta da editora nesse modelo de almanacão, após provar em bancas que tinha fôlego. E foi assim que os colecionadores sequer puderam ver o logotipo de GIBITECA DISNEY (a ilustração de capa, como dissemos no Planeta Gibi algumas vezes, acabou indo parar numa edição de PATO DONALD). Pois, eis aqui, pela primeira vez vindo a público, a capa original e final da edição cancelada:


6 comentários:

  1. Ja estava esperando Scooby Doo e cia na Abril seguindo os 4 títulos de heróis que foram lançados recentemente. Tem certeza do Scooby em fevereiro? Sabe o formato e papel? Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Marcelo, SCOOBY-DOO! volta mesmo em fevereiro, do #1 (não temos detalhes por ora de papel e formato). E volta também SCOOBY-DOO! ESPECIAL (aquela revista em formato magazine, com passatempos, quadrinhos e brinde). Esta, porém, terá sua numeração continuada (a última que havia saído era a #9, no início de 2011).
    Abs.
    E.Rodrigues

    ResponderExcluir
  3. Não houve propaganda do almanaque da margarida 2?

    Eu jurava que essa dos 75 unluck years e rosa/barks collection 5 tinham saido tb, e pensei que a AVD tb tinha saido.

    Tem mais uma capa inédita ae, que "pode" ser aproveitada um dia né... Disney Jumbo...

    Abs

    ResponderExcluir
  4. Sergio, há mais capas aqui para, pelo menos, mais um post desses. Em algum momento voltaremos a isso.
    Abs
    E.Rodrigues

    ResponderExcluir
  5. Gostei do logotipo do Gibiteca!:p

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.