' '

21 de dez de 2011

Checklist dezembro 2011 — Diversos

Por E. Rodrigues & Rivaldo Ribeiro  :: postado originalmente em 5/dez/11 ::

ATUALIZAÇÕES: OS MORTOS-VIVOS #7 e LULUZINHA TEEN: resumo e imagens. Lulu e Bolinha (clássicos) ganham seu segundo almanaque pela Pixel... DARK TIMES retorna em STAR WARS #32, da On Line — que após cancelamento da linha Disney, volta a publicar os quadrinhos de POKÉMON...  Nas livrarias, mais uma compilação de tiras de NÍQUEL NÁUSEA, Cadê o Ratinho do Titio?, a 11ª pela Devir, que também lança REX MUNDI Vol. 4 e OESTE VERMELHO. Da Conrad, chega YURI — QUARTA-FEIRA DE CINZAS. E a Abril lança três novas HQs nacionais.

:: editora abril / lucas lima ::
UFFO #1
Abril
36 páginas cor, formato 13,5 x 19 cm, R$ 1,95
Leia mais sobre esse lançamento nacional aqui.

:: editora abril / triboulet ::
GAROTO VIVO #1
Abril
36 páginas cor, formato 13,5 x 19 cm, R$ 1,95
Leia mais sobre esse lançamento nacional aqui.

:: editora abril / tv pinguim ::
GEMINI 8 #1
Abril
36 páginas cor, formato 13,5 x 19 cm, R$ 1,95
Leia mais sobre esse lançamento nacional aqui.

:: classic media ::
LULUZINHA #10
Pixel
mensal, 52 páginas cor, formato 13,5 x 19 cm, R$ 3,50
Acompanha caderno avulso com passatempos da turma em 16 páginas coloridas

BOLINHA #8
Pixel
mensal, 52 páginas cor, formato 13,5 x 19 cm, R$ 3,50
Acompanha caderno avulso com passatempos da turma em 16 páginas coloridas

ALMANAQUE DA LULUZINHA E DO BOLINHA #2
Pixel
especial, 84 páginas cor, formato 17 x 24 cm, lombada quadrada, R$ 7,90

LULUZINHA TEEN E SUA TURMA #32
Pixel
mensal, 100 páginas p&b / cor, formato 17 x 24 cm, lombada quadrada, R$ 6,40
O réveillon de Luluzinha Teen e sua Turma acontece em clima de trapalhadas e picadeiro. Na edição 32 da revista, um circo chega à cidade de Liberta agitando toda a galera (com exceção de Aninha que não vê graça em algo tão antigo). Contudo, às vésperas da estréia, quase todos os artistas adoecem misteriosamente. Lulu e Bola decidem, então, unir suas habilidades para tentar salvar o espetáculo. Que rufem os tambores... repleto de investigações e surpresas, tem início o maior espetáculo da Terra! Em meio a toda animação decorrente do circo, Aninha não é a única a se desagradar com a novidade. Astrogildo, dono da loja de eletrônicos, fica muito nervoso ao descobrir que a estréia do show circense está marcada para o mesmo dia de seu campeonato de vídeo games. Longe dali, Lulu conhece o filho do dono do circo, Luis, que a convida para acompanhar os bastidores da trupe. Mas para sua surpresa, ao chegar lá, se depara com uma cena triste e intrigante. Todos os funcionários do circo – exceto Pablo, o dono, e seu filho – apresentam intoxicação devido a uma contaminação na comida com claros sinais de sabotagem. Para aumentar a angústia, a hospitalização da trupe e o cancelamento do espetáculo podem obrigar o circo a fechar suas portas para sempre. Sem perda de tempo, Lulu começa a investigar quem poderia ser o responsável por tanta desordem. Entre uma pista e outra, Luluzinha tem uma grande idéia: todos os seus amigos poderiam usar seus talentos e habilidades para se apresentarem na estréia e salvar o circo. Será que vão conseguir? E quanto ao repentino surto que atingiu a equipe do circo? Será que o culpado pela contaminação dará um segundo passo e, pior, contra a Lulu ou alguém da turma? Descubra a partir do dia 22, na edição 32 de Luluzinha Teen e sua Turma.

:: lucasfilm / dark horse ::
STAR WARS #32
On Line Editora
mensal, 100 páginas cor, formato americano 17 x 26 cm, lombada quadrada, R$ 9,99

:: walter lantz / universal ::
PICA-PAU E SEUS AMIGOS #51
Deomar Editora
mensal, 36 páginas cor, formato 13,5 x 21 cm, R$ 3,50

:: mattel ::
MAX STEEL #8
Deomar Editora
bimestral, 36 páginas cor, formato Pato 13,5 x 21 cm, R$ 3,50

POLLY POCKET #8
Deomar Editora
bimestral, 36 páginas cor, formato Pato 13,5 x 21 cm, R$ 3,50

BARBIE #4
Alto Astral
irregular, 52 páginas cor, formato americano 17 x 26 cm, R$ 5,99

:: ec publications / warner ::
MAD #42
Panini
mensal, 44 páginas cor, formato magazine 20,5 x 27,5 cm, R$ 7,20

:: nintendo ::
POKÉMON EXTRA #1
On Line Editora
36 páginas cor, formato 13,5 x 20,5 cm, R$ 2,99

:: cartoon network / warner ::
BEN 10 #15
On Line Editora
bimestral, 36 páginas cor, formato 13,5 x 20,5 cm, R$ 2,99

:: franco de rosa / renato aragão ::
DIDI & LILI #10
Editora Escala
irregular, 68 páginas p&b/cor, formato 16 x 21,5 cm, R$ 4,90



Nas livrarias:




:: skybound / image ::

OS MORTOS-VIVOS VOLUME 7 MOMENTOS DE CALMARIA
HQM Editora
148 páginas p&b, formato 16,5 x 24 cm, R$ 32,90
Roteiro de Robert Kirkman, arte de Charlie Adlard, tons de cinza por Cliff Rathburn
Leia e veja mais aqui.

:: fernando gonsales ::
NÍQUEL NÁUSEA #11 CADÊ O RATINHO DO TITIO?
Devir
52 páginas cor, formato 21 x 28 cm, R$ 24,00
Seja bem-vindo à mais nova coletânea de tiras do rato Níquel Náusea e seus amigos inusitados, como a Gatinha, uma a rata que o Níquel acha uma gata e que tem um talento excepcional para produzir filhotes; o Rato Ruter, um rato mutante que tem o peso de um gato gordo, a capacidade digestiva de um tanque de ácido sulfúrico e o temperamento de uma moto-serra desgovernada; o Sábio do Buraco, um ancião dos roedores que alterna momentos de profunda sabedoria com momentos de pura esclerose (difícil é descobrir qual é qual); a barata Fliti, que está sempre “trançando” as pernas e é doida por uma dose de Baratox; e tantos outros personagens capazes de provocar risadas no mais mal-humorado dos seres. NÍQUEL NÁUSEA: CADÊ O RATINHO DO TITIO? é um livro com mais de duzentas tiras coloridas do rato Níquel Náusea e seus divertidos amigos! Fernando Gonsales nasceu em São Paulo em 1961. É veterinário e autor de histórias em quadrinhos. Seu personagem Níquel Náusea começou a ser publicado na Folha de São Paulo em 1985, onde continua saindo.Também publica em vários outros jornais do Brasil, nas cidades de Brasília, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, entre outras, além de publicar em Portugal, num jornal de Lisboa. Seu trabalho de quadrinhos já ganhou vários prêmios importantes, tanto no roteiro, como desenho. Dentre eles, ganhou 14 vezes o troféu HQ Mix, o mais importante do gênero. Além de quadrinhos, também faz ilustrações para diversas publicações, inclusive publicidade, e escreveu roteiros de TV para a Rede Globo.

:: magno & marcelo costa ::
OESTE VERMELHO
Devir
92 páginas cor, formato 20,5 x 20,5 cm, R$ 34,50
UM FAROESTE COMO VOCÊ NUNCA VIU! Pense em uma típica cidade pequena do Velho Oeste americano povoada por fazendeiros e ameaçada por bandidos assassinos. Seria uma história comum, se não fosse a ambientação do mundo dos desenhos animados de gatos e ratos. Oeste Vermelho é inspirado nos filmes de Sergio Leone e John Ford, estrelados pelos astros Clint Eastwood e John Wayne. Esta é uma jornada de perdas, redenção e, mais do que tudo, vingança. É sangue por sangue! Magno e Marcelo Costa são gêmeos nascidos no Paraná. Vivem em São Paulo há mais de vinte anos e desenham desde pequenos, quando tiveram contato com quadrinhos da Marvel e DC. Atualmente, trabalham com ilustração editorial, arte e quadrinhos. Trabalham sempre em parceria e colaboram nos trabalhos um do outro. 'Um dia, Marcelo me pediu para escrever uma história para ele. Eu disse que tinha uma ideia antiga para um curta de poucas páginas sobre uma cidade do Velho Oeste de ratinhos ameaçada por gatos malvados. Ele odiou. Mas, para minha surpresa, começou a esboçar personagens e a peguntar como seria. A ideia tomou vida. O que começou como brincadeira cresceu e virou algo sério. De vinte páginas, chegou a pouco mais de setenta. Assim, aquele ratinho franzino se transformou em um personagem forte e determinado que, por um longo tempo, foi nosso melhor amigo.' — Magno Costa

:: arvid nelson ::
REX MUNDI — LIVRO QUATRO: A COROA E A ESPADA
Devir
196 páginas cor, formato 16,5 x 24 cm, R$ 42,00
Nos anos 1930, em uma França ainda sob o controle da Igreja medieval, sociedades secretas poderosas ligadas ao Santo Graal provocaram uma guerra que ameaça engolir o mundo inteiro. O Dr. Julien Saunière continua sua busca pelo segredo do Graal, enquanto é seguido e vigiado pelos agentes brutais da Santa Inquisição e o igualmente impiedoso Duque de Lorraine. Ele desvenda a terrível conexão entre o Graal e o crescente conflito, mas com a nova descoberta surgem novos perigos. Saunière segue em frente imprudentemente, sem saber que sua namorada Genevieve está espionando-o a mando de Lorraine e protegendo-o ao mesmo tempo. Mais cedo ou mais tarde, ela terá que se decidir entre os dois... As tramas atingem um ponto crítico em REX MUNDI: A ESPADA E A COROA, o quarto volume nesta saga sobre política e magia escrita por Arvid Nelson e ilustrada por Juan Ferreyra.

:: daniel og ::
YURI — QUARTA-FEIRA DE CINZAS
Conrad
272 páginas p&b, formato 16 x 23 cm, R$ 36,00
Bem-vindo ao Rio de Janeiro de Daniel Og, um lugar habitado por malandros e otários, trabalhadores e gatunos, publicitários e... zumbis. Yuri, o protagonista da história, é um publicitário de saco cheio da vida que um dia decide se matar. O problema é que ele não foi exatamente bem-sucedido. Yuri acaba voltando do mundo dos mortos em pleno carnaval e pretende retornar para lá definitivamente. No meio do caminho, ele conhece Andrei, um ladrão de carros homossexual que decide ajudá-lo em sua busca pelo descanso eterno. Acompanhe a saga dessa dupla improvável, que parte sem rumo certo pelo Rio de Janeiro, esbarrando em personagens caóticos, tipicamente cariocas, armando planos para fazer Yuri morrer de vez e tentando faturar uma grana enquanto isso não acontece. Daniel Og, ou simplesmente Dog, nasceu no Rio de Janeiro em 1979. Além de quadrinista, é ilustrador e diretor de arte e animação. Abandonou a faculdade de belas artes e começou trabalhando com storyboards e dirigindo clipes para bandas como Ultraje a Rigor, Detonautas e Pitty. Foi chefe de animação do jogo online Red Light District, diretor de arte dos filmes Muito gelo e Dois dedos d´água,de Daniel Filho, e Os inocentes, de Rodrigo Bittencourt. Yuri é sua primeira HQ...

:: lemoine & woehrel / stevenson ::
A ILHA DO TESOURO
COLEÇÃO CLÁSSICOS DA LITERATURA EM QUADRINHOS #2
L&PM
60 páginas, formato 16 x 24 cm, capa dura, R$ 25,00
A ilha do tesouro é o segundo volume da série Clássicos da literatura em quadrinhos. Com adaptação e roteiro de Christophe Lemoine, desenhos de Jean-Marie Woehrel e cores de Patrice Duplain, o clássico de Robert Louis Stevenson ganha uma versão em HQ. O lindo livro em capa dura oferece 60 páginas, todas coloridas, e que traz ainda, no final, um completo dossiê, contextualizando o clássico com informações detalhadas sobre o autor, sua época e sua obra. A coleção é um grande sucesso na França e na Bélgica, formada por adaptações de alguns dos principais clássicos da literatura mundial. O objetivo é oferecer um livro que encante todos os leitores e que seja direcionado também para estudantes. Aliás, este caráter pedagógico fez com que a coleção ganhasse total apoio da UNESCO. A ilha do tesouro conta a história de quando um misterioso marinheiro morre em circunstâncias estranhas numa pousada e o jovem Jim Hawkins acaba se deparando com um baú que pertence ao homem. Dentro dele há um mapa indicando o caminho de um valioso tesouro. Mas Jim logo percebe que não é o único a saber da existência do mapa, e sua bravura e astúcia são postas à prova. Na companhia de Squire Trelawney e do doutor Livesey, Jim embarca no navio Hispaniola e parte para uma perigosa aventura em meio a ardilosos piratas. Esta história de traição e heroísmo é também uma alusão à passagem da infância para a idade adulta, à perda da inocência. Diante de situações assustadoras, Jim passa a conhecer seus defeitos e seus limites, mas também sua coragem. A ilha do tesouro foi um sucesso imediato quando da sua publicação, em 1883, e continua sendo uma das maiores histórias de aventura da literatura.


:: / verne ::
A VOLTA AO MUNDO EM 80 DIAS
COLEÇÃO CLÁSSICOS DA LITERATURA EM QUADRINHOS #3
L&PM
60 páginas, formato 16 x 24 cm, capa dura, R$ 25,00
“Aposto vinte mil libras com quem quiser que posso dar a volta ao mundo em oitenta dias.” Após ter sua aposta aceita, o inglês Phileas Fogg, juntamente com o leal Jean Passepartout, embarcam numa das maiores aventuras da literatura, na qualcada hora é crucial para vencer os desafios que vão aparecendo. A empreitada seria inimaginável sem os progressos tecnológicos da revolução industrial. A cada página, a dupla utiliza um novo meio de transporte, seja uma travessia de barco a vapor, uma viagem de trem, um trecho de bote, outro de trenó, enquanto passam por lugares exóticos e muitas vezes inexplorados. A modernização dos transportes e das comunicações e as inovações científicas sempre fascinaram Júlio Verne, que soube como ninguém unir a efervescência das histórias de aventura a personagens cativantes e emblemáticos.


:: / dickens ::
UM CONTO DE NATAL
COLEÇÃO CLÁSSICOS DA LITERATURA EM QUADRINHOS #4
L&PM
60 páginas, formato 16 x 24 cm, capa dura, R$ 25,00
Ebenezer Scrooge é um homem avarento e solitário.Odeia o Natal e tudo o que ele representa. Ignora familiares, empregadose não sabe o que é compaixão. Mas a aparição de um visitante-fantasma o fará repensar seu comportamento e despertará sentimentos aparentemente adormecidos. Ambientada numa Londres gelada, às vésperas do esperado 25 de dezembro, Um conto de Natal é uma das mais belas e conhecidas histórias do gênero. Escrita às pressas em 1843 para pagar as dívidas de seu autor, Charles Dickens (1812-1870), foi um sucesso imediato de público e crítica. Por meio dessa sátira social – adaptada diversas vezes ao cinema –, Dickens teve um papel fundamental no resgate do espírito de bondade e solidariedadedas tradições natalinas.



















  








11 comentários:

  1. Estou na espera desse Almanaque da Luluzinha e do Bolinha nº2, e também dos gibis mensais deles. Estou adorando a volta desses personagens queridos e acho que a Pixel está indo muito bem com esse projeto. Outra coisa, que queria falar, não sei se aqui (nessa postagem) é o lugar correto, mas é que eu estou vendo algumas revistas de atividades nas bancas com Snoopy, Charlie Brown e outra revista com o Garfield, e fiquei pensando por que não temos gibis com esses personagens em quadrinhos? Sei que eles sempre foram feitos no padrão "tiras" e publicadas em jornais, e sei também que ao longo do tempo tivemos vários pockets especiais que andaram saindo em livrarias, mas bem que seria legal ter gibis "populares" com esses personagens nas bancas. Talvez pelo fato de que suas hqs são sempre no formato "tira", seja um fator de dificuldade para novos gibis? E aproveitando, a deixa queria (se possível) satisfazer uma curiosidade, o que impede que Mandrake, Fantasma, Brucutu, ou Flash Gordon voltem às bancas?

    ResponderExcluir
  2. Tambem estou adorando a volta da Lulu e do Bolinha. Melhor ainda ver que alem dos gibis mensais ainda saem esses almanaques, e os especiais.
    Tomara que as vendas não caiam, a gente merece esse tipo de gibi.

    ResponderExcluir
  3. Qual a diferença de "temática" entre os luluzinha e bolinha mensais e seus almanaques. Vcs falaram aí em "clássicos" mas as mensais não trazem clássicos "do mesmo tipo" tb não?

    ResponderExcluir
  4. Sim, são da mesma fase clássica, produzida por John Stanley e Irving Tripp. Mas o real motivo de distinguirmos aqui, entre parêntesis, é para ficar claro que não se trata de Luluzinha Teen.
    Abs.
    E.Rodrigues

    ResponderExcluir
  5. To querendo colocar la na comunidade da Lulu no orkut. Com os devidos creditos e claro.

    ResponderExcluir
  6. gentee a capa do almanaque da luluzinha e do bolinha 2 ta la no meu blog ... passa la hqluluzinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Parei minha coleção de Luluzinha e Bolinha clássicos. Estou revoltado com a péssima qualidade do papel. Guardo aqui as minhas da Abril que tinham um papel de boa qualidade.

    ResponderExcluir
  8. Que isso Marcelo, nada a ver parar a coleção por causa da qualidade do papel. Pra mim está otimo, se todo mundo pensar assim, a Lulu vai sumir das bancas mais uns 15 anos.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.