' '

28 de jun de 2011

Almanaques Disney #2 — jun/11

Por E. Rodrigues & Rivaldo Ribeiro

As segundas edições de ALMANAQUE DO TIO PATINHAS, PATO DONALD, MICKEYZÉ CARIOCA colocam-se, em termos de seleção de HQs, no nível de um DISNEY BIG. São mais de duas dúzias delas; um desfile de destacados artistas Disney para todos os gostos, como Don Rosa, Canini, Saidenberg, Euclides Miyaura, Primaggio, Júlio de Andrade, Herrero... e o infalível Carl Barks. Nota técnica não menos importante: desta vez as lombadas estão bem coladas e as capas, sem aquele verniz que desagradou a tantos. Mais detalhes a seguir.


Todas as edições têm 84 páginas coloridas, em formatinho 13,4 x 19 cm, lombada quadrada, por R$ 4,95.


ALMANAQUE DO PATO DONALD #2
Os maiores destaques desta edição são Superdonald (de 1949), de Carl Barks, e uma espécie de continuação: O Superdonald Ataca Novamente (1992), de Don Rosa, que tem basicamente a mesma ideia do roteiro de Barks, porém num tom algo mais hilário. Licença poética à parte, na HQ Tudo o que Sobe... Desce (1991), Rosa faz do prédio de A Patada um notável arranha-céu, perfeito — pelo menos até Donald ser contratado como limpador de vidros.

Outras histórias: O Lado Bom (Janet Gilbert & Tino Santanach Hernandez), Torneio de Aeromodelismo (Tony Strobl), Um Clic Especial (Tom Anderson & Vicar) e Trapalhão? Como Não Sê-lo? (Primaggio Mantovi & Carlos Edgard Herrero).


ALMANAQUE DO ZÉ CARIOCA #2
Edição temática, dedicada à aparição de quase todos os primos famosos do papagaio — só Zé Baiano ficou de fora. Vale destacar O Novo-Rico (de 1974) e O Crime da Cabra (1976), ambas desenhadas por Renato Canini, com roteiros de Júlio de Andrade e Ivan Saidenberg, respectivamente. A única exceção ao tema, mas de valor histórico, é Nestor, o Destatuador. A HQ foi produzida pela Abril quando seus estúdios já estavam há muito desativados especialmente para a edição comemorativa ZÉ CARIOCA 60 ANOS (publicada em nov/03). O roteiro é de Arthur Faria, com desenhos de Eli Leon e cores de Donizeti Amorin. Depois dessa, somente aquela surreal produção de Canini para seu volume de MESTRES DISNEY. A Abril estuda retomar a produção dos quadrinhos de Zé Carioca para publicação a partir de fevereiro próximo, como tratamos aqui.

Outras histórias: Que Estresse! (Denise Ortega & Eli Marcos M. Leon), O Sumiço da Gabriela (Ivan Saidenberg  & Canini), Uma Cabra por Baixo do Pano (Carlos Edgard Herrero), O Forró de Brocoió (Ivan Saidenberg & Herrero), Rede de Intrigas (Luiz Podavin), Um Gaúcho de Fibra, Chê! (Euclides Miyaura) e Agente Secreto por Acaso (Júlio de Andrade Filho & Canini).


ALMANAQUE DO MICKEY #2
Uma raridade ocupa as últimas 57 páginas desta edição: Mancha Negra e a Máquina do Tempo, de Ivan Saidenberg e Moacir Rodrigues Soares, é republicada pela primeira vez, depois de quase 40 anos. A saga ocupou originalmente uma edição inteira de MICKEY ESPECIAL em setembro de 1974 — gibi que a Editora Abril convencionou identificar, anos depois, como EDIÇÃO EXTRA #60. Seu resgate, associado ao espaço disponível nesses almanaques bimestrais, dá-nos esperança de ver reeditadas outras produções brasileiras semelhantes, que tampouco nunca tiveram nova chance, como A Volta ao Mundo em 8 Manchas (set/73), Mancha no Espaço (ago/75) e Prof. Pardal na Atlântida (dez/76).

Outras histórias: O Crime do Cel. Cintra (Tom Anderson & Antoni Bancells Pujadas), Detetive Muito Particular (Carson Van Osten) e Um Mergulhador em Órbita (Carl Fallberg, Tony Strobl & Ellis Eringer).



ALMANAQUE DO TIO PATINHAS #2
A aventura A Cidade dos Telhados de Ouro (de 1957), de Carl Barks, é um dos grandes clássicos do velho Patinhas e seus sobrinhos viajando mundo afora em busca de tesouros. Na história seguinte, Sempre É Tempo... (1991), de Don Rosa, Tio Patinhas e Mac Mônei brigam para ver quem primeiro chega a uma enorme fortuna ainda sem dono. Essa aventura de 14 páginas só havia saído por aqui uma única vez, na rara EDIÇÃO EXTRA #109 INCRÍVEIS AVENTURAS DO TIO PATINHAS (jun/93).

Outras histórias: Quem Põe o Bico Onde Não Deve... (Román Arámbula & Steve Steere), O Segredo dos Incas (Giorgio Pezzin & Guido Scala) e Investimento Anônimo (Carl Barks).



10 comentários:

  1. Os três gibis estão bom demais. Um espetáculo.Parabéns Abril mais uma vez!!!

    ResponderExcluir
  2. Existe algum problema em fazer um "merchan"? XD - Quem tiver a curiosidade de ver a prévia em imagens das histórias de cada um dos novos almanaques, basta visitar este link (não precisa nem se registrar, o forum é aberto a qualquer um):

    http://projetoinducks.forumeiros.com/f1-almanaque-de-personagens

    -----

    Por sinal eu já comprei todos os 4 almanaques e fiquei admirado não só com a qualidade gráfica deles, que melhoraram o papel da capa e a cola da lombada, quanto a seleção de histórias que está imperdível!!

    ResponderExcluir
  3. Correção,os 04 gibis estão bom demais...

    ResponderExcluir
  4. Aliás, planetagibi, dá uma anunciada no fórum projetoinducks ae, se não for nenhum incômodo. poxa, quando mais união tiver entre os amantes dos quadrinhos Disney, melhor, vcs n acham?

    ResponderExcluir
  5. Almanaque do Tio & Donald(Só os que tou colecionando - Todas as HQs inédita para mim)destacando a excelente seleção/qualidade grafica, tudo muitissimo bem colado e a capa totalmente sem o odiavel(para mim)vernil...indiscultivel tb a seleção de HQs,tudo muito perfect...meus parabéns ao Paulo Maffia que nessa segunda roda de almanaques está show,como é ótimo ele ouvir a nós os fãs de HQs/gibis Disney e que venha MAIS!!!:D

    ResponderExcluir
  6. Torço para que essa profusão (adoro essa palavra) de títulos disponíveis da Disney/Abril não seja 'fogo de palha'. Só gostaria que o Mago Maffia transformasse o "Almanaque do Peninha" em bimestral (sim, eu escrevi isso de novo) e lançasse um almanaque semestral dedicado ao Urtigão (sim, eu não esqueço dele) e um Disney Big dedicado inteiramente ao Professor Ludovico (ele é conhecido dos cartoons pela garotada de hoje), que está completando 50 anos de existência este ano (sim, eu lembrei disso de novo).

    ResponderExcluir
  7. Achei fantástica a publicação da "saga" do Mancha pela história...
    Fico na torcida para que as outras "sagas" também voltem a ver a sua cor estampada em futuros almanaques... histórias que só saíram naquelas EE primordiais e nunca mais...
    Confesso que não gostei das capas... a exceção do Donald as outras três são muito ruins, na minha opinião...

    ResponderExcluir
  8. Aqui na "roça" ainda não chegaram os almanaques. O distribuidor da região está reformando o prédio e as entregas estão ligeiramente irregulares.
    Gostei demais da psotagem e por saber que o acabamento das edições melhorou.
    A qualidade das hqs é indiscutível, e só de saber dessa saga super legal no Almanaque do Mickey, já estou super curioso.
    O Paulo Máffia sabe o que faz, e está se dedicando... Parabéns a ele e à editora Abril.

    ResponderExcluir
  9. "Só gostaria que o Mago Maffia transformasse o "Almanaque do Peninha" em bimestral"

    EU também comprei o almanaque do Peninha N/1 e até se possivel gostaria dele bimestral!:p

    Sobre o Disney BIG que tal uma edição só com as melhores HQs feitas no Brasil!?!xD

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.