' '

18 de fev de 2011

DuckTales ganha título periódico nos EUA

Por E. Rodrigues

Num dia, é anunciada a transferência dos personagens Pixar para a Marvel. No outro, um alento para quem achou que os quadrinhos Disney na Boom! estariam com dias contados: a pequena editora anunciou que lançará em maio um periódico com HQs novas de DuckTales (roteiros de Warren Epic Mickey Spector). É a terceira atração do programa de TV Disney Afternoon (EUA, 1990-1997) a ganhar título pela Boom!, depois de Darkwing Duck e Rescue Rangers.


Antes disso, a Boom! havia publicado HQs antigas do seriado por oito edições seguidas de Uncle Scrooge, até final do ano passado



Agora faltam Bonkers, TaleSpin, Turma do Pateta, Ursinhos Gummi, Gargoyles, Timão e Pumba...

7 comentários:

  1. Espetaculares as capas!!!;)

    Abçs!:D

    ResponderExcluir
  2. Acho muito bom o Tio SAM começar a produzir HQs Disney, mesmo que de forma ainda tímida... Bons tempos em que a produção norte americana podia contar com grandes mestres...

    ResponderExcluir
  3. Mas, como nada é perfeito, é péssimo eles tentarem vender o material para outros países a peso de ouro...

    ResponderExcluir
  4. O Patacôncio está na 2a. capa próximo à Maga mesmo? Ele já apareceu em "Duck Tales"?

    [Mas, como nada é perfeito, é péssimo eles tentarem vender o material para outros países a peso de ouro...]

    Puxa, eles fazem mesmo isso?! E eu que achava que americano era bonzinho. Mas, falando sério, ou não tão sério, penso que o Tio Sam é um velho muito peste mesmo. Ele quer nos impor a sua cultura e evitar ao máximo a dos outros. A Disney americana nos vende o que é de sua propriedade por um preço exorbitante e não publica quase nada da gente por lá (leia-se hqs produzidas pelos estúdios Disney daqui). Sem falar que a vastíssima e interminável produção italiana de hqs Disney é vexosamente ignorada. Pronto, voltei a falar na xenofobia.

    ResponderExcluir
  5. Ora,qualquer um no lugar da Disney venderia sua produção a peso de ouro. E por é que não temos mais os estúdios aqui em terras tupiniquins? Falta o quê? Competência e leitores é que não...

    ResponderExcluir
  6. É, Alan Carlos, venderia a peso de ouro, mas pelo que foi escrito pelo cara do PG acima(e. rodrigues ou josé rivaldo?), eles cobram mais que os outros.

    ResponderExcluir
  7. As histórias dos autores americanos são assim tããão fenomenais para justificar isto? Creio eu que atualmente os maiores talentos em atividade nos quadrinhos Disney não são empregados do Tio Sam. Bom, a Egmont tem uns caras muito bons como o dinamarquês Lars Jensen, e a Egmont é diretamente ligada à Disney americana, mas a Itália está cheia de cartunistas talentosos como a Silvia Ziche. A mesma que escreveu e desenhou a paródia "Paperina di Rivondosa", que o Brasil mal conhece, por sinal.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.