' '

20 de nov de 2010

O Escapista ganha mais um volume pela Devir

Por E. Rodrigues

A Devir lança nos próximos dias mais um volume de O Escapista (leia sobre a formidável edição de estreia aqui). Os Escapistas traz produções de artistas como Frank Miller, John Cassaday, Paul Pope, James Jean e Alex Ross. A introdução fica a cargo do escritor Michael Chabon, ganhador do Prêmio Pulitzer pela bibliografia fictícia dos 'criadores' do Escapista, The Amazing Adventures of Kavalier & Clay, de 2000, e corroteirista de Homem-Aranha 2. A série em quadrinhos foi produzida pela Dark Horse em 2004.



Press Release:

O premiado e cultuado escritor Brian K. Vaughan conta a história de três aspirantes a autores de quadrinhos com grandes sonhos, pouco dinheiro e os direitos de publicar um herói esquecido da Era de Ouro: O Escapista!



Inspirado no romance vencedor do prêmio Pulitzer As Incríveis Aventuras de Kavalier & Clay, de Michael Chabon, esta obra é a carta de amor de Vaughan à sua mídia favorita, uma história sobre o que é necessário para se começar do zero em Cleveland, Ohio, e terminar com uma revista em quadrinhos tão popular que uma grande corporação quer roubá-la de você! Misturando com brilhantismo as vidas dos autores e o mundo que eles imaginaram, os artistas Steve Rolston e Philip Bond dão vida ao trio de quadrinistas formado por Maxwell Roth, Case Weaver e Denny Jones, enquanto os inigualáveis Jason Shawn Alexander e Eduardo Barreto ilustram as fugas emocionantes e as incríveis aventuras do novo – e do velho – Escapista!


Uma maravilhosa aventura heroica, uma emocionante história sobre o amadurecimento, um olhar muito pessoal sobre a indústria dos quadrinhos e uma apaixonada defesa dos sonhadores em toda parte, Os Escapistas é a razão pela qual todos nós amamos as histórias em quadrinhos!



Este volume traz ainda artes de grandes nomes como Frank Miller, John Cassaday, Paul Pope, James Jean e Alex Ross e uma introdução especial do escritor Michael Chabon!


A arte de Jason Shawn Alexander está voltada para ilustração e histórias em quadrinhos, apesar de suas pinturas estarem chamando cada vez mais atenção. Além da Dark Horse, ele já trabalhou para Image, DC e Oni Press, onde recebeu duas indicações ao Eisner Award por seu trabalho em Jogos de Poder (Queen & Country). Jason recebeu uma medalha de prata da Society of Illustrators West pela sua capa de Damn Nation para a Dark Horse. Ele mora em Los Angeles.


O uruguaio Eduardo Barreto desfruta de notoriedade internacional por seu trabalho em títulos de alto nível, como Batman, Superman, Star Wars, Arqueiro Verde, Demolidor e Aliens vs. Predador. Ele já trabalhou para DC, Marvel, Archie Comics, Western Publishing, Dark Horse, Oni Press e várias empresas de publicidade e jornais. Ele também é o artista da tira de jornal Judge Parker, da King Features.


Philip Bond ganhou seus primeiros fãs com a sua criação Wired World, que teve início na primeira edição da revista Deadline, um dos marcos dos quadrinhos britânicos. Desde então, ele desenhou Tank Girl, Como Matar Seu Namorado, Os Invisíveis, Hellblazer: Bad Blood e Vertigo Pop: London, entre outros. Além de produzir as capas de The Exterminators, o seu mais recente trabalho para a DC/Vertigo é a série Vimanarama, cocriada por ele e Grant Morrison. Bond vive em Nova Jersey com sua família.



Além de seu trabalho com quadrinhos, o multipremiado John Cassaday também trabalhou para a Ringling Bros. e Barnum & Bailey Circus, Levi´s e para o grupo de hip hop alemão Die Firma. Seus trabalhos já foram exibidos em Hong Kong, Nova York e no Smithsonian Institute em Washington, DC. John mora em Nova York e trabalhou na adaptação para motion comics da série Astonishing X-Men (desenhada por ele e escrita por Joss Whedon).


James Jean é um premiado ilustrador que vive em Los Angeles. Ele nasceu em Taiwan em 1979, cresceu em Nova Jersey e estudou na School of Visual Arts em Nova York. Depois de se formar em 2001, ele tornou-se rapidamente um aclamado capista na DC Comics, recebendo quatros Eisner Awards seguidos, dois Harvey e uma medalha de ouro da Society of Illustrators of L.A. Ele também já trabalhou em diversas publicações dentro e fora dos EUA. Entre seus clientes estão a Time Magazine, The New York Times, Rolling Stones, Spin, ESPN, Atlantic Records, Target, Playboy e Knopf.


Frank Miller atualmente está finalizando as séries Xerxes e Holy Terror!, mas a sua carreira começou no fim dos anos 70, revitalizando o Demolidor, da Marvel Comics. Depois, ele foi para a DC, onde reinventou o Batman em, 1986, com Batman: O Cavaleiro das Trevas. A sua continuação, Batman: O Cavaleiro das Trevas 2, publicada quinze anos depois, quebrou todos os recordes de vendas da indústria. Antes disso, Miller desenvolveu inúmeros projetos autorais: Big Guy e Rusty o Menino-Robô e Hard Boiled (ambos com Geoff Darrow), Martha Washington (com Dave Gibbons), Bad Boy (com Simon Bisley) a premiada Os 300 de Esparta (adaptada para o cinema com enorme sucesso) e a popular série Sin City (que também gerou um filme dirigido por Robert Rodriguez e Miller).


Paul Pope é o visionário cartunista por trás de títulos como THB e The One Trick Rip-Off . Começou sua carreira nos quadrinhos independentes em 1995, e foi o primeiro ocidental a assinar um contrato de cinco anos com a Kodansha, a maior editora do Japão. Seus trabalhos posteriores, Heavy Liquid e 100%, foram publicados pela DC/Vertigo. Pope recebeu o Eisner Award por seus trabalhos na revista Solo e Batman Ano 100 (publicadas pela DC Comics).


Steve Rolston é mais conhecido por ser o artista principal da premiada série de espionagem Jogos de Poder (Queen & Country). Ele também trabalhou em MEK, Pounded e Jingle Belle. Como roteirista e artista, ele criou o bem-humorado Jack Spade & Tony Two-Fist e One Bad Day. Steve mora em Vancouver, no Canadá, e pode ser encontrado online em www.steverolston.com.


Alex Ross revolucionou os quadrinhos pintados com as séries Marvels (Marvel, 1993), Reino do Amanhã (DC, 1996) e U.S. Tio Sam (DC/Vertigo, 1998). Entre 1998 e 2003, Ross trouxe Superman, Batman, Mulher-Maravilha e o Capitão Marvel à vida, em uma série de especiais em tamanho gigante, comemorando o sexagésimo aniversário desses ícones. Ross trabalhou como designer de personagens e coroteirista de Terra X, Universo X e Paraíso X, para a Marvel, e coescreveu e pintou a série Justiça, para a DC.


O premiado escritor Brian K. Vaughan é mais conhecido por seu trabalho no sensacional Y - O Último Homem. Ele também é o cocriador de Os Fugitivos (Marvel), Ex-Machina (DC/WildStorm) e de Leões de Bagdá (DC/Vertigo). Vaughan também já trabalhou em revistas populares como Batman, Ultimate X-Men e Homem-Aranha. Brian é ex-mágico e ex-presidente do Clube de Circo de seu colégio, e costumava apresentar um ato que faria o Escapista tremer.


Michael Chabon é um incrível escritor e uma pessoa igualmente incrível, de acordo com o seu editor.


Os Escapistas
Formato: 16,5 cm × 24,0 cm
Miolo: 160 páginas coloridas em papel couche 90g/m²
Acabamento: Brochura com laminação fosca e reserva de verniz
História: Brian K. Vaughan
Arte: Steve Rolston, Philip Bond, Shawn Alexander e Eduardo Barreto





Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.