' '

31 de mar de 2010

Da série "capas inéditas": Zagor #65

Por José Rivaldo Ribeiro

Quando chegou às bancas brasileiras em ago/77, a revista Zagor #1 trouxe a clássica A Origem de Zagor, aguardada com ansiedade pelos leitores, pois a Vecchi já vinha há meses falando do novo personagem bonelliano — chegou até a dar uma palhinha em algumas páginas da revista Tex. Porém, assim como tratava o ranger veterano, a editora tampouco seguiu a cronologia do personagem. 

Formada por 55 edições, a série da Vecchi contém peças cultuadas pelos colecionadores e possui edições tão raras que fazem alguns fanáticos perderem cabelos por procurar, procurar e nunca achar, seja em sebos, lojas virtuais ou mesmo em site de leilões. É o caso da edição #49, que alguns teimam em dizer que não existe — é tão rara que, quando aparece, atinge valores bem expressivos —, isso sem falar dos números 54 e 55, os dois últimos da coleção.


Zagor #65, da Record: nunca distribuído

Todavia, pobre do desinformado que procurar a edição #56, prometida pela editora para ago/83: jamais vai encontrá-la, já que o gibi nunca foi às bancas, e nem sequer teve sua capa divulgada.

Naquela prometida edição seria concluída a bela HQ A Pista do Oeste, fato que não ocorreu devido ao processo falimentar pelo qual infelizmente enveredou a Vecchi, deixando na mão milhares de leitores curiosos e sedentos pelo desfecho da aventura.

Seis anos depois, em ago/89, Zagor retornava às bancas brasileira com selo da Editora Record, com nova série e novo #1.

A Record deu imensa alegria aos leitores quando finalmente concluiu a aventura abandonada pela antecessora. Ainda assim, parece ter padecido de similar maldição, pois acabou igualmente deixando seus leitores na mão: a HQ Pequenos Assassinos também ficou pela metade. Prometida em anúncio para o mês seguinte, Zagor #65 (out/95) nunca chegaria às bancas, apesar de ter tido sua capa divulgada.

A original, por Gallieno Ferri, da italiana Zagor #174

Ah, sim: a HQ A Pista do Oeste foi concluída em Zagor #11 (Record, jul/90). E Pequenos Assassinos, em Zagor Especial #1 (Mythos, ago/02).


3 comentários:

  1. Eu tenho a coleção completa de Zagor da Vecchi, inclusive com os três números citados em excelente estado de conservação. Mas engraçado que ainda muito mais difícil parece ser encontrar o número 52 (O Justiceiro da Noite), ainda mais em bom estado... Esse sim é difícil, e sei lá porque, visto que nem especial era...

    ResponderExcluir
  2. boa tarde!eu queria saber se quantos gibis voçe tem,e quanto que voçe vende todos eles. aguardo resposta.

    ResponderExcluir
  3. Gilson

    Entre em contato com nossa loja virtual pelo fale conosco.

    Assuntos de vendas de gibis é diretamente com a loja.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.