' '

28 de out de 2009

Da série 'capas inéditas': Almanaque do Superpato #5

Por José Rivaldo Ribeiro & E. Rodrigues


Almanaque do Superpato #5: capa nunca utilizada

Ao se deparar com a propaganda do Almanaque do Superpato #5, na página 82 do Almanaque do Peninha #3 (out/87), até o colecionador menos exigente estranharia aquela capa. Além da falta de elementos gráficos e de uma melhor escolha de cores, aquela figura do Superpato era justamente um decalque do quadrinho que abre a magnífica aventura A Volta do Superpato, republicada naquele almanaque. Ou melhor...

Vamos voltar um pouco: Superpato foi apresentado aos leitores brasileiros em Almanaque Disney #27, de agosto de 1973, com sua formidável HQ de estreia, O Diabólico Vingador. E a edição seguinte trouxe sua segunda aventura, A Fabulosa Noite do Superpato.

Pois somente cinco anos depois é que nosso herói voltaria a aparecer em um gibi brasileiro: Tio Patinhas #155 trouxe A Volta do Superpato. O longo hiato obrigou a editora a relembrar (ou informar) seus leitores as origens do personagem. As duas páginas iniciais foram compiladas pela Abril a partir de O Diabólico Vingador, resumindo-a.

E como nada é perfeito, essa publicação suprimiu algumas páginas do original italiano — em Superpato Especial, comemorativo de seus 40 anos e escalado para dezembro próximo, finalmente os leitores brasileiros poderão acompanhar a HQ na íntegra. O título em português só era mesmo apropriado por essas bandas. Porque diferentemente do que fazia parecer, A Volta... foi, na verdade, a quinta aventura de Superpato. E foi publicada na Italia com um intervalo de tempo "normal" entre suas aventuras anteriores (que, no Brasil, saíram posteriormente à Volta..., nas edições #156 e 157 de Tio Patinhas).


O Diabólico Vingador: argumento de Elisa Penna, roteiro de Guido Martina e desenhos de Giovan Battista Carpi. Publicada originalmente em Topolino #706 (8/jun/69). 60 páginas de 3 tiras cada. Publicada no Brasil, com layout remontado, com corte equivalente a mais de duas páginas do original, em Almanaque Disney #27 (ago/73), Almanaque do Superpato #1 (jan/82) e Edição de Luxo #3 — A Saga do Superpato (dez/89). I TL 706-AP.

A Volta do Superpato: roteiro de Guido Martina, desenhos de Massimo De Vita. Publicada originalmente em Topolino #827 (2/out/71). 39 páginas de 3 tiras cada. Publicada no Brasil — com layout remontado, com corte equivalente de quatro páginas do original e acréscimo de quase duas páginas introdutórias —, em Tio Patinhas #155 (jun/78) e em Almanaque do Superpato #5 (20/out/87). I TL 827-B.

Fonte de indexação: Inducks.

Clique aqui para ver outras capas inéditas.

Clique aqui para comprar gibis com histórias do Superpato em nossa loja virtual, o Planeta Gibi Comic Shop.

3 comentários:

  1. Encontrei uma capa maravilhosa do superpato no inducks.A Abril podia usá-la no especial do superpato.Vejam:
    http://coa.inducks.org/issue.php?c=it%2FBSE1163
    Pedro R.J

    ResponderExcluir
  2. Eu sou fã do Super Pato. Mas eu ainda acho a primeira história, aquela que saiu no Almanaque Disney número 27, uma história que não é meritória a um herói ou Super herói. Se você fizer uma análise fria da história, ela é politicamente incorreta até o seu cerne, é claro que eram outros tempos, mas embora fossem outros tempos a honestidade é atemporal, e o Donald, faz coisas que eu acho que são totalmente erradas: Ele se adona da vila que na verdade pertence ao Gastão, que com sua incrível sorte a ganhou como prêmio. Ele atira um pequeno cão na rua com uma violência fora do normal,por não querer animais em casa, furta objetos do Pardalque o está ajudando com o 313(aquelas máscaras que ele usa depois no seu plano), também furta o colchão do Tio patinhas e faz tudo para que a culpa recaia sobre o Gastão, ele mente descaradamente para os sobrinhos, etc, etc, etc... Enfim são várias situações que maculam o caráter do nosso querido Donald. Que por sinal é um personagem que eu tenho enorme simpatia, talvez por ele sofrer tanto nas mãos do Tio Patinhas, que o explora a 30 centavos por hora e nas mãos daquela tonta da Margarida, a pata mais volúvel e fútil dos quadrinhos Disney.
    Apesar desse começo menos nobre eu sou fã incondicional do Super pato, no Almanaque Disney número 28Há uma espécie de redenção do Personagem e isso meio que limpa a imagem do nosso herói.
    Quem venha esse especial do Super pato e e muito mais histórias do nosso herói.

    Ludy - RS

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.