' '

22 de ago de 2009

Todos os gibis da turma: Abril

Por José Rivaldo Ribeiro & E. Rodrigues

No início de 1970, os únicos quadrinhos publicados pela Editora Abril eram títulos da Disney: Pato Donald, Mickey, Zé Carioca e Tio Patinhas — todos em circulação ininterrupta até hoje, por sinal. Pois em maio daquele ano um novo gibi seria acrescentado à lista: Mônica e sua Turma. Cebolinha só viria em 1973, quando a editora já havia investido em mais títulos Disney e até mesmo em Hanna-Barbera, com Os Flintstones e Outros Bichos.

Até 1977, quando Mauricio lançaria um terceiro título, Pelezinho, a Abril havia disparado para todos os lados, de Luluzinha a Pantera Cor-de-Rosa, de Jornada nas Estrelas a Pernalonga, de Pica-Pau a o Gordo e o Magro. Pode-se dizer tranquilamente que os gibis da Turma eram um inegável sucesso. Mas também que eram sucesso tanto quanto outros títulos da editora paulista.

Levou muito tempo para Mauricio se convencer de que a criação de novos títulos não atrapalhariam a circulação de Mônica e Cebolinha. E foi só em agosto de 1982 que finalmente chegaram às bancas Cascão e Chico Bento. Pelezinho acabara de ter cancelado, e a ideia de revezamento das duas novas revistinhas quinzenais nas bancas era exatamente igual ao que a editora fazia, desde 1961, com Pato Donald e Zé Carioca.

Os almanaques eram lançados sem periodicidade definida, sendo tratados — sobretudo pelos colecionadores — como revistas verdadeiramente especiais. Almanaque da Mônica #1 e 2, a propósito, são seguramente duas das melhores edições de quadrinhos de humor (ou infantis, ou infantojuvenis — como preferir) que já chegaram às bancas brasileiras desde sempre. Com 196 páginas cada um, republicaram as preciosidades das primeiras HQs da Turma. Era a primeira vez que isso ocorria.


Acompanhe a seguir a trajetória dos quadrinhos de Mauricio de Sousa publicados pela Abril. Não citamos aqui revistas que não foram vendidas em bancas, como gibis promocionais (temos feito posts especialmente para cada uma delas), nem revistas onde os quadrinhos eram apenas complemento (como Diário Escolar da Mônica — que trazia tiras em algumas páginas — e as revistas de atividades e passatempos, como a Destaque e Brinque). Abordaremos essas publicações eventualmente em outros posts.

Mônica
mai/70 a dez/86 — 200 edições
Curiosidades: a edição #120 (abr/80) teve capa dupla e 132 páginas, contendo a reedição de Mônica #1. A partir da edição #149 (set/82), passou de 68 para 84 páginas, com lombada quadrada.


Cebolinha
jan/73 a dez/86 — 168 edições

Curiosidades: assim como Mônica, sua edição #120 também teve capa dupla e reedição do número um.


Piadas
jan/74 a jan/78 — 11 edições — preto e branco — formato talão (11 X 16,5cm)
Curiosidade: apenas as duas últimas edições são de fato numeradas.
#1 Mônica e Cebolinha Especial — jan/74
#2 Mônica e Cebolinha Especial — jun/74
#3 Mônica e sua Turma — jun/75
#4 Bidu Especial — nov/75
#5 Cascão Especial — mar/76
#6 Mônica e sua Turma — jul/76
#7 As Melhores Piadas da Mônica e sua Turma — nov/76
#8 As Melhores Piadas da Mônica e sua Turma — abr/77
#9 As Melhores Piadas do Cebolinha e sua Turma — jul/77
#10 As Melhores Piadas do Cascão e sua Turma — out/77
#11 As Melhores Piadas da Mônica e sua Turma — jan/78


Almanaque da Mônica
dez/76 a nov/86 — 31 edições
Curiosidade: nem todas as edições de chamam Almanaque da Mônica. O #5 (mai/80), por exemplo, chama-se Mônica Especial Os Namorados, e seu código não é AMN, e sim MNE.


Pelezinho
ago/77 a mai/82 — 58 edições

Curiosidade: a partir da edição #53 (dez/81), a capa passa a trazer uma caricatura de Pelé ao lado do título, com a frase 'Pelé apresenta'. O número 1 esgotou-se nas bancas e teve que ser reimpresso.

A Turma do Mauricio em Pôster
dez/77

Curiosidade: revista de folha única, dobrada. De um lado traz um pôster com calendário 1978, do outro, quadrinhos.


Mônica e Cebolinha no Mundo de Romeu e Julieta
nov/78 — colorido — formato álbum
Curiosidade: quadrinização da peça musical homônima.

Almanaque do Cebolinha
dez/78 a mai/86 — 8 edições

Almanaque do Cascão
mar/79 a out/86 — 12 edições
Curiosidade: a edição #1 saiu em março, e não em fevereiro de 1979, como impresso na revista. Este gibi abre a Série Almanaque, da Abril. Nos meses seguintes, sairiam os títulos de Pica-Pau, Pantera Cor-de-Rosa, Lulu e Bolinha, Pernalonga...
Almanaque do Bidu
jan/81

Almanaque do Chico Bento
dez/81 a dez/86 — 8 edições


Almanaque do Pelezinho
jun/82 a jan/86 — 8 edições

Cascão
19/ago/82 a 18/dez/86 — 114 edições

Chico Bento
26/ago/82 a 24/dez/86 — 114 edições

Super-Almanaque Mônica
jan/84
Curiosidade: o gibi de 224 páginas foi lançado em formato Pato (13,4 X 21cm).
Melhores Piadas
jul/85 a dez/86 — 18 edições — preto e branco — formato pocket
Curiosidade: a propaganda da época anunciava que a coleção teria apenas 6 edições. No entanto, acabou virando um título regular mensal. Quando a Turma mudou para a Globo, esta publicação continuou, mas seu título foi alterado para As Grandes Piadas.

#1 Mônica — #2 Cebolinha — #3 Cascão — #4 Chico Bento — #5 Bidu — #6 Penadinho — #7 Roque Sambeiro — #8 Mônica — #9 Cebolinha — #10 Tina — #11 Cascão — #12 Chico Bento — #13 Penadinho — #14 Mônica — #15 Cebolinha — #16 Cascão — #17 Chico Bento — #18 Penadinho
Super Almanaque do Mauricio
fev/86
Curiosidade: este gibi é uma versão "Turma da Mônica" do Grande Almanaque de Férias Disney, lançado em jun/85. Com 212 páginas no formato 16,5 X 24,5cm, sua ideia foi continuada nos 'almanacões' da Globo e, ainda hoje, nos 'grandes almanaques' da Panini.


Pelezinho Copa 86
abr/86 a set/86 — 3 edições

4 comentários:

  1. Tive boa parte dessas revistas aí, mas infelizmente, o tempo levou. Deu saudade.

    ResponderExcluir
  2. Eu cheguei a ter este pocket book (formato talão) de 75 das tirinhas do Bidu.
    As tirinhas selecionadas neste pocket book (produzidas nas décadas de 60 e 70) chegaram a ser veiculadas na Folha de S. Paulo.

    ResponderExcluir
  3. Isso tudo foi numa época gloriosa que a Abril estava tendo, em termos de quadrinhos, bem ao nível dos tempos áureos da Dell/Gold Key.

    ResponderExcluir
  4. Cheguei a ter também o nº 1 da revista da Mônica (Editora Abril, maio/70).
    Esta foi a primeira revista em quadrinhos não-Disney a ser editada pela editora dos Civita.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.