' '

11 de abr de 2009

Tex em livro e filme

Por José Rivaldo Ribeiro



As livrarias já estão vendendo O Mocinho do Brasil - A História de um Fenômeno Editorial Chamado Tex, do jornalista Gonçalo Junior. O personagem italiano, da Bonelli Comics, começou a sair no Brasil na década de 1950, na revista Júnior. Em 1971, depois de 14 anos fora das bancas, ganhou título próprio pela Editora Vecchi, e continua até hoje em circulação — passou da Vecchi para a RGE/Globo, e daí para a Mythos, sempre mantendo a contagem da numeração.

O livro é cheio de atrativos e curiosidades, incluindo um caderno colorido com todas as capas de Júnior e a listagem dos títulos das histórias publicadas em cada edição. E assim como nas outras obras do autor, o assunto principal é contextualizado nos acontecimentos editoriais da época, tornando a leitura saborosa para os amantes de quadrinhos em geral. Fica bem fácil perdoar alguns pecadilhos, como a não-citação de Tio Patinhas (Editora Abril, 1963) como bem mais antiga que Tex, na introdução, ou a falta de indicação da mudança de editora, em alguns casos, na lista de histórias publicadas.


Gonçalo Junior escreveu, entre outros, os formidáveis A Guerra dos Gibis (Cia. das Letras) e O Homem Abril (Opera Graphica). O Mocinho do Brasil é um lançamento da Editora Laços, de São Paulo, e tem 176 páginas de textos e figuras em preto-e-branco, mais um caderno de 32 páginas coloridas, com um preço em torno de 40 reais. A apresentação é de Kendi Sakamoto, um dos maiores colecionadores de gibis no Brasil, que por sinal mantém um site cujo nome diz muito: o Gibi Raro. Kendi é o editor do livro e autor de seu projeto editorial e iconográfico.



Mudando de mídia... o site da 2001 Vídeo anuncia para breve o lançamento de Tex Willer e os Senhores do Abismo em DVD. O filme italiano é de 1985 e já havia saído no Brasil em VHS. A metragem anunciada é a americana, de pouco mais de 90 minutos (a original italiana teria uns 15 minutos a mais, segundo o site IMDB). Trata-se de uma produção da RAI, com direção de Duccio Tessari, e traz Giuliano Gemma no papel-título. Para fãs ardorosos (como aqueles que colecionam até a embalagem de cigarros com a imagem pirateada do ranger - mas isso já é assunto para um outro post!).


Clique aqui para comprar Tex e outros gibis da Bonelli Comics — os lançamentos têm 20% de desconto — em nossa loja virtual, o Planeta Gibi Comic Shop.

Um comentário:

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.