' '

30 de ago de 2012

Mariana, a irmã do Chico Bento

Chico Bento é um dos tantos personagens de Mauricio de Sousa que dispensa apresentações. Apesar de não estampar tantos produtos e merchandising como o quarteto Mônica, Cebolinha, Cascão e Magali, é inegavelmente uma das figuras de maior apelo junto aos leitores. E até já causou polêmica por causa do seu caipirês: durante muito tempo, muitos "letrados" insistiram em afirmar que suas falas influenciariam mal a criançada. Bobagem. Seu universo é cheio de personagens simpáticos. Basta ler...

...um único gibi do Chico para se afeiçoar a eles: seu primo bobinho Zé Lelé, seus amigos Hiro e Zé da Roça, sua namorada Rosinha, a professora Marocas, o dono das goiabas Nhô Lau... E tantos outros.

Mas existe algo muito especial, que muitos leitores desconhecem. Chico teve uma irmãzinha! É realmente difícil não sentir um nozinho na garganta ao ler a singela história que mostra o nascimento de Mariana, que se foi ainda bebê! Um evento raríssimo de ser mostrado em gibis infantis, senão único. Uma Estrelinha Chamada Mariana foi publicada pela primeira vez em CHICO BENTO #87 (Editora Globo, mai/90).




Somente 15 anos depois voltou-se à personagem. Em junho de 2005, O Presente de uma Estrelinha foi a capa de CHICO BENTO #449. Dois gibis imperdíveis para fãs e colecionadores do Chico.

E não dá para deixar passar em branco: fato mais que raro nas HQs de Mauricio de Sousa, ambas historinhas dão crédito a seus criadores. Uma Estrelinha Chamada Mariana tem argumento de Rubens Kiyomura. Já O Presente de uma Estrelinha é creditada a Paulo Back. Grande conhecedor da trajetória da turminha, Paulo é também quem escreve os textos cheios de curiosidades da COLEÇÃO HISTÓRICA.




     


Por Rivaldo Ribeiro    :: postado originalmente em 29/abr/09 :: TOP 10 PLANETA GIBI ::

30 comentários:

  1. Sou um colecionador da Turma da Mônica há bastante tempo e nunca havia ouvido falar na irmãzinha do Chico Bento (que aliás é um dos meus persongagens favoritos). Fiquei com um nó na garganta antes mesmo de ler a triste página em que ela "se vai". Realmente é um acontecimento raríssimo de ser mostrado em gibis para crianças, mas acredito que isso de certa forma também ensina a elas a lidar melhor com esses fatos difíceis da vida. Esse blog é demais. Parabéns pelo texto!

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, JJ! Essas HQs parecem ter sido feitas mesmo com muito carinho. Dá uma olhada no último parágrafo que acrescentamos agora no post.

    ResponderExcluir
  3. Dessa eu não sabia! Mas gostei de saber...

    É por essas e outras que gosto muito do Planeta Gibi!

    ResponderExcluir
  4. Ambas as historinhas estão no site da Turma da Mônica:
    Uma estrelinha chamada mariana - http://www.monica.com.br/comics/mariana/welcome.htm

    O presente de uma estrelinha - http://www.monica.com.br/comics/estrelinha/welcome.htm

    Fica a dica pra quem nunca as leu. =)

    E eu acho que a primeira deveria entrar no seleto rol de "histórias antológicas".

    ResponderExcluir
  5. sou colecionador da turma a muito tempo, e sabia sim que o chico teve uma irmãzinha, nao lembrava o nome dela, eu ja li esse gibi quando tinha uns 7anos, hoje tenho 15 e continuo lendo as revistas da turma da monica.

    essa é minha primeira vez neste site, adorei planeta gibi.
    agora vou ver se achooutras historias raras que eu me lembre ter lido.

    continue assim PLANETA GIBI!!!!

    ResponderExcluir
  6. sou colecionador da turma a muito tempo, e sabia sim que o chico teve uma irmãzinha, nao lembrava o nome dela, eu ja li esse gibi quando tinha uns 7anos, hoje tenho 15 e continuo lendo as revistas da turma da monica.

    essa é minha primeira vez neste site, adorei planeta gibi.
    agora vou ver se achooutras historias raras que eu me lembre ter lido.

    continue assim PLANETA GIBI!!!!

    ResponderExcluir
  7. Que bom que curtiu, Alex. Este post da Mariana é um dos Top Ten de acessos do Planeta Gibi, sabia?

    ResponderExcluir
  8. Precisa de mais alguma coisa pra explicar o tamanho sucesso do Mauricio!

    ResponderExcluir
  9. Não sabia, interessante.

    ResponderExcluir
  10. NJossa que pena que ela morreu mais ela foi para um lugar melhor...

    ResponderExcluir
  11. Uma vez li em algum lugar que a razão dessa história ter sido criado foi por que uma pessoa (funcionária) muito querida lá dos estúdios MSP havia perdido uma filha ainda bebê, então essa história foi criada para homenagear essa pessoa. Não sei se isso é verdade. Caso seja, foi realmente uma bonita homenagem.

    ResponderExcluir
  12. Que lindo gente! Eu não sabia disso...
    Chorei com o final da continuação...

    História linda! Merece ser passada a diante, já estou mostrando para minha família! *-*

    ResponderExcluir
  13. Eu tenho uma sugestão (sei que é dificil).

    Que tal uma matéria com as 10 ou 20 histórias da TM mais marcantes na OPINIÃO de vocês?

    ResponderExcluir
  14. Então, Sergio. De fato, terminamos esta semana o último post da série Pateta Faz História. E após sua publicação, em dezembro, começará uma nova série que tem algo dessa sua sugestão. Esperamos que todos curtam.
    Abs.
    E.Rodrigues

    ResponderExcluir
  15. É engraçado ver a criança que se esconde dentro de mim às vezes. Ao final da continuação da historinha, não contive arrepios; nem mesmo a lágrima que escorreu. A singela metáfora eufemista sobre a morte que Maurício jogou nos quadrinhos faz qualquer um enaltecer o valor das pessoas. Maurício é um puro mágico da literatura infantil e, quiçá, adulta porque ensina a viver até mesmo quem já viveu o que achava que seria suficiente pra ter noção do que é a vida.

    ResponderExcluir
  16. Que legal! Nossa, eu chorei na continuação... Muito triste! Eu parabenizo o Maurício por ter criado uma histórinha tão linda, essa foi a histórinha em gibi mais fofa e emocionante que já vi até agora! Sou uma menina de 10 anos, mas não sei... Nós também temos muitos sentimentos!
    Muito linda a história.

    ResponderExcluir
  17. Ae Planeta Gibi vcs bem q podiam colocar uma matéria com a crítica e com imagens de como é o livro Chico Bento 50 Anos que nem como fez com Cebolinha 50 Anos.

    ResponderExcluir
  18. Oi,Rivaldo,também não o conheço pessoalmente...mais por simples e-mails da pra se ter uma ideia da pessoa que realmente é e até o carater..olha fiquei muito emocionado com a sua homenagem com o 'selinho' e referente a HQ do Chico que perdeu a sua irmã e é atraves desta especial HQ que mim sinto hoje em diante um Chico Bento da VIDA.

    Obrigado amigão(ainda muito abalado) com a perda da minha irmã tão querida...uma dor de saudade tão grande...

    Xandro.

    ResponderExcluir
  19. FORÇA XANDRO, e parabéns pela homenagem, PG.

    ResponderExcluir
  20. Não tem em um dos especiais Mauricio 50 anos em que o Chico conversa com o Cebolinha sobre a irmã dele (Mariana), que morreu?

    Pq o Cebolinha estava reclamando da Maria Cebolinha e o Chico resolve conversar com ele?

    Lembro de ter visto um preview dessa história.

    Se não foi no Mauricio 50 anos, foi no Prata da Casa.

    ResponderExcluir
  21. http://www.ourodacasa.com.br/mariana/

    Foi o Sidney Gusman que mencionou ela no Ouro da Casa.

    ResponderExcluir
  22. Nossa que tenso :/ minha primeira vez no blog
    eu leio turma da monica desde os.. desde a barriga da minha mãe praticamente, e meu personagem favorito é o chico,mas eu nunca soube que ele tinha uma irmazinha, esse poste foi de doer meu coração, porque mesmo com tudo isso, minha irmã se chama Mariana..
    Muito linda a historinha, obrigado por nos contarem isso

    ResponderExcluir
  23. BOM DIA, A TODOS.

    ESTE QUADRINHO TEM UM APELO EMOCIONAL MUITO GRANDE PRA MIM, QUANDO EU O LI, ESTAVA NO HOSPITAL COM MINHA ESPOSA, TENDO ELA UMA SUSPEITA DE ABORTO ESPONTÂNEO, FUI Á UMA BANCA E COMPREI A REVISTA, TODOS NO HOSPITAL ME VIRAM CHORAR LENDO A ESTORIA.
    DEPOIS DISTO, TIVEMOS DOIS FILHOS, UM MENINO QUE HOJE TEM 22 ANOS, E A MINHA MARIANA, QUE É A LUZ DA MINHA VIDA.
    UM GRANDE ABRAÇO Á TODOS

    ResponderExcluir
  24. Valmir, esse post tem mais de 4 anos, e sempre volta à lista dos mais lidos do site. Não é à toa, quando lemos histórias como a sua.

    Abs.

    ResponderExcluir
  25. nossa estou com no na garganta com essa historia ela e muito triste coitado do chico eu nao sabia disso

    ResponderExcluir
  26. Quando eu era pequeno foi esta edição a que mais me emocionou,sou colecionador desde os cinco anos,hoje tenho 32 e nunca me esqueço da emoção e nostalgia que me ocupou o coração naquela época,e com este episódio eu ainda em 1991passei a entender que parte de nossa vida é como esta edição,que anhamos e perdemos pessoas tão importantes mas que precisamos aguentar e ser fortes em qualquer situação,e me lembrei também do meu irmãozinho que morreu ainda com 9 meses.
    Os HQs de Maurício de Sousa complementam a vida de qualquer um,crianças e adultos. Parabéns Maurício.

    ResponderExcluir
  27. Leonardo, não é à toa que este artigo sobre a Mariana foi ao ar no início deste blog, em 2009, e até hoje é um dos mais lidos.

    Abs.

    E. Rodrigues

    ResponderExcluir
  28. Fui no site e não encontrei as histórias.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR, POR FAVOR, LEIA:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem necessariamente a opinião do Planeta Gibi.

Não publicamos comentários que:
• Incluam quaisquer e-mails ou links;
• Mencionem outro estabelecimento que comercialize quadrinhos;
• Incluam ofensas e palavrões; fujam do tema em questão.

Atenção:
Os comentários aqui postados podem ser encaminhados para os editores que, eventualmente, poderão publicá-los nas revistas; caso não concorde com isso, explicite sua negativa no próprio comentário. Obrigado.